terça-feira, agosto 9, 2022
InícioQuestão RacialCasos de RacismoUrubu Branco: O racismo explicito

Urubu Branco: O racismo explicito

Por Maria Sylvia Oliveira para o Portal Geledés

Meu sentimento é de completa indignação com o quadro “humorístico” do Zorra Total, programa veiculado pela Rede Globo, em horário nobre, no último sábado, dia 01/09. A citada emissora ultrapassou todos os limites do aceitável.

Desta vez, além da personagem Adelaide, representação da mulher negra de forma grotesca e estereotipada, que já vinha sendo apresentada no programa por um “humorista” que pinta o rosto de preto, a tal personagem traz sua filha uma mulher branca com o rosto pintado de preto, cujo personagem traz no peito uma faixa onde se lê “urubu branco“. No quadro “humorístico”, esta personagem, uma menina negra desdentada e feia, gostaria de participar de um concurso de beleza e foi instigada pela mãe a beijar a mão do branco (padrinho) pedir a benção, sendo que este lhe aconselhou a passar chapinha ou prancha nos cabelos para alisá-lo.

É impressionante o total desrespeito da emissora à criança negra, que já na primeira infância tem de conviver com o preconceito e discriminação: não se vendo representada nos programas de televisão (já que na programação de televisão só existem pessoas brancas, crianças loiras) e quando mostrada a criança negra é como delinquente ou de forma absolutamente estereotipada, como no programa citado.

Não será nenhuma surpresa se na segunda-feira as meninas negras forem chamadas de “urubu branco”, na escola, sendo ridicularizadas por causa do programa. É lamentável que uma emissora de televisão que tem a pretensão de informar a população coloque no ar um programa com um quadro que desqualifique tanto a imagem já tão depreciada da população negra.

Infelizmente, ao que parece, a Rede Globo desconhece por completo a campanha da UNICEF, “POR UMA INFÂNCIA SEM RACISMO”, cujo vídeo institucional é protagonizado pelo ator contratado desta mesma emissora, Lázaro Ramos.

Digamos não à programação da Rede Globo. Vamos procurar entretenimento televisivo de qualidade na TV Cultura ou qualquer outra emissora que nos trate, os negros, com um mínimo de respeito. Aprendamos a usar nosso poder na frente do aparelho de televisão, o poder de escolher, o poder de mudar o canal de televisão, o poder de usar nosso controle remoto.

 

Veja também: 

Ação contra ADELAIDE do Zorra Total

Sérgio Martins – A personagem Adelaide do Zorra Total não é humor é Racismo!

 

 

Artigos Relacionados
-+=
PortugueseEnglishSpanishGermanFrench