“A vasta maioria das pessoas brancas não estão no lugar que estão por mérito e competência pessoal”

O professor de Direito Antidiscriminatório e doutor em Harvard Adilson José Moreira é o entrevistado dessa semana no #JustificandoEntrevista. Cotas raciais, privilégios e racismo são os temas abordados.

Do Justificando 

“Eu sempre estive inteiramente consciente de que a vasta maioria das pessoas brancas não estão no lugar que estão por mérito e competência pessoal. (…) A vasta maioria das pessoas brancas que ocupam os cargos mais elevados em nosso país estão neste lugares em função do privilégio de classe. Elas fazem parte do círculo de poder.”

Mapa da entrevista:

1:19 – O que é racismo?

5:15 – Como é o recorte racial no Poder Judiciário? Como o Judiciário lida com o racismo?

13:08 – Temos pouquíssimas pessoas negras no Judiciário. Qual a importância das cotas?

21:13 – As cotas reforçariam um estereótipo de negros e negras? Como que você a questão do colorismo, em que, pelo fenótipo, algumas pessoas têm peles mais negras do que outras?

35:23 – Nos Estados Unidos, há a teoria do “one drop blood”, a qual prevê que havendo um ancestral negro, ainda que distante, é o suficiente para a pessoa ser negra – algo diferente do que ocorre no Brasil. Por que existe essa diferença entre os países?

41:04 – O Direito Anti-Discriminatório deve ser uma matéria obrigatória nas salas de Direito no Brasil?

+ sobre o tema

Esperança de justiça une mães de vítimas da violência policial no Rio

A longa espera por justiça é uma realidade presente...

Primeira mulher trans a liderar bancada no Congresso, Erika Hilton diz que vai negociar ‘de igual para igual’

A deputada federal Erika Hilton (PSOL-SP) foi aclamada nesta quarta-feira como...

Estrela do Carnaval, ex-passista Maria Lata D’Água morre aos 90 anos em Cachoeira Paulista, SP

A ex-passista Maria Mercedes Chaves Roy – a ‘Maria...

para lembrar

Carta-denúncia á USP

No dia 25 de maio, em meio ao racismo...

O que leva um adepto a ser racista com os jogadores da própria equipe?

O percurso da seleção inglesa no Euro2020 ficou manchado...
spot_imgspot_img

Por que ser antirracista é tão importante na luta contra a opressão racial?

O Laboratório de Estudos de Gênero e História, da Universidade Federal de Santa Catarina, lança nesta quarta-feira (21) o quinto vídeo de sua campanha de divulgação...

Moção de solidariedade da UNEGRO ao Vai Vai 

A União de Negras e Negros Pela Igualdade (UNEGRO), entidade fundada em 1988, com  longa trajetória na luta contra o racismo e suas múltiplas...

Perfeição do racismo brasileiro transforma algoz em vítima

O racismo é um crime perfeito. É com essa frase que o antropólogo Kabanguele Munanga, uma das maiores autoridades do Brasil em estudos raciais, define...
-+=