7º “Prêmio Educar para a Igualdade Racial e de Gênero”

O CEERT, com a correalização da Fundação Vale, têm a satisfação de lançar a 7ª Edição do Prêmio Educar para a Igualdade Racial e de Gênero, aberto a todas/os as/os professoras/es de Educação Infantil, Ensino Fundamental e  Ensino Médio, de escolas públicas e privadas.

No, Ceert

Divulgação

Desde 2002 o prêmio “Educar para a Igualdade Racial” vem reconhecendo e valorizando iniciativas de professoras/es e gestoras/es de todo o país que se preocupa com o tema. Cerca de 2.300 práticas de todos os estados brasileiros foram coletadas e reconhecidas desde então.

Esta edição tem algumas novidades, como a incorporação de gênero ao nome do prêmio, agora “Educar para Igualdade Racial e de Gênero: experiências de promoção da igualdade em ambiente escolar”. Consequentemente esta alteração abre caminho para inscrição de práticas pedagógicas que enfoquem a Abordagem de Gênero, além de um tratamento específico para a Educação Escolar Quilombola.

+ sobre o tema

Barroso debate ensino religioso nas escolas

"Há três grandes valores em questão. O primeiro é...

Jovem passa em nove universidades dos EUA e arrecada dinheiro para viagem

Filha de cabeleireira e de um comerciante, a baiana...

Projeto de estudantes de letras dá aulas de português para refugiados em SP

Objetivo do MemoRef, criado dentro da Unifesp, é integrar...

Mercadante… de novo!

Quando um ministério como o da Educação vira prêmio...

para lembrar

Raça, gênero e a produção das desigualdades na formação da sociedade brasileira

Esgotado DESCRIÇÃO DO EVENTO Imersão Singularidades Gratuita: Raça, gênero e a produção...

Salvem as universidades públicas!

A  crise nas universidades é um sinal de alerta...

Histórias, nossas histórias, dias de luta, dias de glória

A pandemia causada pelo novo coronavírus no ano de...
spot_imgspot_img

Desigualdade ambiental em São Paulo: direito ao verde não é para todos

O novo Mapa da Desigualdade de São Paulo faz um levantamento da cobertura vegetal na maior metrópole do Brasil e revela os contrastes entre...

Estudo mostra que escolas com mais alunos negros têm piores estruturas

As escolas públicas de educação básica com alunos majoritariamente negros têm piores infraestruturas de ensino comparadas a unidades educacionais com maioria de estudantes brancos....

Educação antirracista é fundamental

A inclusão da história e da cultura afro-brasileira nos currículos das escolas públicas e privadas do país é obrigatória (Lei 10.639) há 21 anos. Uma...
-+=