Guest Post »

APAN promove Mostra de Cinema Negro exclusivo no Spcine Play

Em parceria com a Spcine, Associação dxs Profissionais do Audiovisual Negro disponibiliza na plataforma 16 títulos, incluindo o premiado documentário “Mulheres Negras: Projetos de Mundo” de Day Rodrigues e Lucas Ogasawara

Por Ana Cláudia Luiz, Enviado para o Portal Geledés

Duas mulheres negras sentadas e um sofá vermelho
Imagens do documentário “Mulheres Negras: Projeto de Mundo”

São Paulo, novembro de 2019 – A partir do dia 18 de novembro, segunda-feira, a APAN – Associação dxs Profissionais do Audiovisual Negro – em parceria com a Spcine, disponibiliza 16 títulos de realizadores (as) negros (as), com exclusividade, para a Spcine Play, única plataforma pública de streaming do Brasil. Confira a lista completa em https://www.looke.com.br/movies/dist/spcine/spcine-apan

O catálogo de filmes da Mostra conta com produções de curtas de gêneros como documentários, ficção e animação de profissionais negros e negras de diferentes regiões do país. Entre os títulos que fazem parte da Mostra está “Mulheres Negras: Projetos de Mundo”, dirigido por Day Rodrigues e Lucas Ogasawara, documentário que levanta questões e instiga em poéticas as minúcias do que é ser mulher negra no Brasil pela voz de mulheres como Djamila Ribeiro, Ana Paula Correia, Aldenir Dida Dias, Preta Rara, Nenesurreal, Francinete Loiola, Luana Hansen, Monique Evelle e Andreia Alves.

Produções que mostram questões de famílias negras seja no processo migratório ou na convivência social podem ser conferidas em “ Fábula da Vó Ita”, de Joyce Prado e Thalita Oshiro, e “Dara – primeira vez que fui ao céu”, de Renato Cândido. O primeiro conta a história de Gisa, uma garota que possui um cabelo diferente, cheio de vida e personalidade, mas seus colegas da escola vivem debochando dela por causa disso. Triste e sem estima ela irá buscar a ajuda da Bruxa Leleira, mas fugindo da sua identidade a menina pode perder a chance de ser feliz. Esse é o conto de fadas que Dona Ita conta para sua neta, Gisele, através das pinturas que faz enquanto narra a história. Mergulhando na fantasia a menina irá compreender a beleza das diferenças e começar a construir a sua personalidade. Já no segundo, Renato Cândido conta a história de uma garota negra de 10 anos, da região rural de Nova Soure (BA), ainda nos anos 60. Na véspera de migrar para

São Paulo, Dara deseja montar um balaço no cajueiro do sítio onde mora com os avós e seu irmãozinho.

Destaque também para “Entremarés”, primeiro documentário da diretora pernambucana Anna Andrade. O filme mostra o cotidiano de mulheres, no chão de lama, que compartilham seus vínculos e vivências com a maré, a pesca e a Ilha de Deus, uma das maiores áreas de mangue em zona urbana do Brasil, localizada na cidade do Recife.

Fundada em 2016, a A.P.A.N. – Associação dxs Profissionais do Audiovisual Negro – tem por finalidade promover pluralidade no audiovisual, buscando representatividade e efetividade na atuação de negras e negros do setor. Visa permitir a negras e negros o acesso aos bens culturais por meio das ferramentas audiovisuais, em todos os elos da cadeia produtiva – concepção, produção, distribuição e exibição – a partir de uma perspectiva inclusiva, com atenção especial ao recorte racial e de gênero, sendo eles os pilares estruturantes de sua formação, constituição e política. Mais informações em: http://apan.com.br

Spcine Play

A Spcine Play é a única plataforma pública de streaming do Brasil. A curadoria exibe filmes das principais mostras e festivais de cinema de São Paulo, ação inédita entre serviços do gênero. O conteúdo fica acessível simultaneamente aos eventos e segue disponível na plataforma. A Spcine Play também exibe conteúdos exclusivos da programação cultural da cidade de São Paulo. São shows, espetáculos, talks e performances para assistir sem sair de casa. Por lá, ainda dá pra encontrar raridades de cineastas clássicos do cinema Brasileiro, como Hector Babenco, Zé do Caixão e Suzana Amaral. O serviço está disponível para todo Brasil pelo site www.spcineplay.com.br

Sobre a Spcine

A Spcine é a empresa de cinema e audiovisual de São Paulo.

Atua como um escritório de desenvolvimento, financiamento e implementação de programas e políticas para os setores de cinema, TV, games e novas mídias. O objetivo é reconhecer e estimular o potencial econômico e criativo do audiovisual paulista e seu impacto em âmbito cultural e social.

A empresa é uma iniciativa da Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal de Cultura. Mais informações em https://spcine.com.br/

Related posts