sábado, janeiro 15, 2022
InícioQuestão RacialCasos de RacismoAs diferenças entre os comentários em notícias sobre eventos de negros e...

As diferenças entre os comentários em notícias sobre eventos de negros e ruivos

“Da série: não existe racismo no Brasil.”

Por , do BuzzFeed

São Paulo recebeu, neste domingo, a primeira edição da Marcha do Orgulho Crespo.

comentarios-negras

O ato lembra Dia da Mulher Negra Latino-Americana e Caribenha e ocorreu no vão livre do Masp.

Em uma notícia no G1 muitas pessoas criticaram o evento. Este aqui disse que quer planejar uma “marcha pelo orgulho liso” e desmereceu o ato.

g1-1

“Gente com o cabelo liso não tem orgulho no cabelo, pensa mais é em estudar e melhorar de vida.”

Esta deu entender que racismo não existe e que a marcha não “leva a lugar algum”.

g1-2

“Eu acho que quando se faz uma marcha de orgulho de algo automaticamente os participantes se colocam em uma posição inferior, que na verdade não existe. Acredito que isso não leve a lugar algum.Afinal quem é preconceituoso não muda sua mente conservadora e antiquada por conta de marchinhas anti-preconceito.” g1.globo.com

“Não há motivo para alguém declarar orgulho de sua cor, de sua raça, de suas preferências sexuais”, escreveu outro.

g1-3

“O que pretendem? Querem se valorizar com isso? Inútil!” g1.globo.com

Um dos comentários fez uma comparação: “quando teve encontro dos ruivos não vi um comentário criticando o ato, por que branco ruivo pode e negro crespo não?”

g1-4

Ele se refere ao Encontro Nacional de Ruivos (ou Redhead day Brazil), que já teve três edições e neste ano vai acontecer em SP, em setembro, durante três dias.

g1-5

A página Desenrolando postou no Facebook duas fotos comparando alguns dos comentários.

comentarios-ruivasDá para ver em outra matéria também no G1 sobre o encontro que os comentários são mesmo bem diferentes.

g1-6

 

“Meninas, vcs são lindassss.” g1.globo.com

É quase impossível ver alguém reclamando do encontro. Por outro lado, sobrem elogios à beleza dos ruivos.

g1-7

“Ta aí uma galera bonita por natureza!” g1.globo.com

“Todas [ruivas] que conheço são doces e super amigos”, escreveu esta.

g1-8

“Da série: não existe racismo no Brasil”, comentaram ironicamente algumas pessoas na postagem da comparação.

g1-9

Alexandre Orrico é repórter do BuzzFeed News, em São Paulo.

 

Leia Também: 

A supreendente ascensão do feminismo negro

Blacks, tranças, dreads, turbantes: confira o que rolou na Marcha do Orgulho Crespo

RELATED ARTICLES