Atrizes de “Pantera Negra” explicam como Wakanda respeita as mulheres

As atrizes Danais Gurira (Okoye), Letitia Wright (Shuri), Lupita Nyong’o (Nakia) e Angela Bassett (Ramonda) falaram para o site Entertainment Weekly o impacto de “Pantera Negra” para uma nova geração de mulheres.

por Rodolfo Vicentini no UOL

atrizes do filme pantera negra – Imagem: Divulgação

As personagens que vivem em Wakanda, a nação mais tecnológica do planeta nos quadrinhos da Marvel e agora nos cinemas, vivem de igual para igual com os homens e têm papel fundamental na sociedade.

“É uma nação que respeita e reverencia as mulheres”, opina Basset, de 60 anos. “Eles pensam na gente [as mulheres] não apenas como rainha, mas rainha-mãe. mãe é educadora e a primeira professora”.

Para Gurira, o que acontece em Wakanda não é impossível. “Nunca é dito: ‘Oh, você é uma garota, portanto você não pode. Os garotos fazem as contas e as ciências’. Isso acontece muito no mundo hoje. As meninas não são encorajadas a entrar nesses campos”, analisou a atriz.

Já Letitia acredita que o próprio T’Challa é um exemplo masculino de como tratar as mulheres na vida real. “Ele não respeita apenas Shuri, mas todas as mulheres”, explica a jovem atriz. “Ele respeita a mãe, a general e a garota que ele ama. Ele é tanto um homem quanto um rei, mas ele respeita a área de cada um”.

Por fim, Nyong’o aponta que as mulheres também acabam se respeitando. “Assistindo ao filme pela primeira vez, eu estava vendo que as diferentes mulheres ocupam o mesmo espaço e são totalmente autônomas, agindo não como competição, mas como parceria. Suas motivações pessoais são o que as leva adiante. Elas não são colírios para os olhos. Embora a gente sempre está maravilhosa”, brinca a atriz.

+ sobre o tema

Beyoncé tem clipe de ‘Formation’ eleito o melhor de todos os tempos

O clipe da música "Formation" de Beyoncé, 39, foi eleito...

Angola estudará origem africana de uma parte dos estadunidenses

Luanda, 10 jul (Prensa Latina) Angola pretende se somar...

Tradição exemplar: Negroesia, de Cuti

Por Jônatas Conceição da Silva1 Acredito que...

John Legend é o 1º negro a conquistar os prêmios Emmy, Grammy, Oscar e Tony

Astro completou o EGOT neste domingo (9) ao ganhar...

para lembrar

O tráfico ilegal de africanos escravizados

Por volta da década de 1840 a maioria das...

Almirante Negro volta às livrarias

"As memórias tinham sido publicadas em 1912 e 1913...

Ser artista negra: o olhar de Rosana Paulino sobre passado, presente e futuro

Artistas afro-brasileiras são as homenageadas da SP-Arte em uma...

Ser negro en la ciudad de la furia

Nació en Buenos Aires, hijo de uruguayos. Defiende la...
spot_imgspot_img

2 de Julho: multidão vai às ruas para comemorar a independência da Bahia

Baianos e turistas participam, nesta terça-feira (2/7), das celebrações da Independência do Brasil na Bahia. A data marca a expulsão das tropas portuguesas do solo...

Itamar Vieira Junior estreia nos livros infantis com trama de crianças trabalhadoras

"O público infantil não deve ser poupado de conhecer essa realidade", afirma Itamar Vieira Junior que em seu primeiro título infantojuvenil, "Chupim", quer direcionar o olhar atento...

Alcione e Conceição Evaristo gravam clipe que faz crítica ao machismo: ‘Marra de feroz’

Veja que linda a foto de Alcione ao lado de Conceição Evaristo, em meio a gravação do clipe da canção “Marra de feroz”. Gravado em uma...
-+=