Chinua Achebe por Cidinha da Silva

Chinua Achebe por Cidinha da Silva
#OgumsToques : Se me pedissem breves linhas sobre o mestre Chinua Achebe, teria imensa dificuldade, pois esse escritor simplesmente provocou uma revolução em minha cabeça, mudando meu olhar em relação a mim mesmo, ao meu entorno e ao meu tempo. Considero-o vital a qualquer pessoa que deseja solapar o colonialismo que habita em seu interior.

Chinua, meu mestre, vá em paz. Que a força da criação e transformação o receba muito bem. E tem é gente boa te esperando por lá. Nos vemos por lá.

+ sobre o tema

Lancellotti, Varella, Suplicy e outros

Minha filha me pergunta qual é o nome do...

Abdias concorre ao Premio Nobel da Paz 2010

Por: PLÍNIO FRAGA Pouco ousado, Lula não foi até o...

Daniel Munduruku: “Índio é invenção total, folclore puro”

Tatiana Mendonça Volta e meia, o paraense Daniel Monteiro Costa,...

para lembrar

Encontro nacional de Ocupação da Política!

O projeto Este é um chamado para um encontro. Um encontro...

Governo antecipa Bolsa Família e aluguel social para cidades fluminenses atingidas pela chuva

O governo federal vai antecipar o pagamento do benefício...

O sono da memória

Seria bom se as ideias viessem sempre acompanhadas de...

Defender Lula não é ser petista, é ser justo. Por Luiz Gonzaga Beluzzo

O economista Luiz Gonzaga Beluzzo, em artigo artigo especial,...

Fim da saída temporária apenas favorece facções

Relatado por Flávio Bolsonaro (PL-RJ), o Senado Federal aprovou projeto de lei que põe fim à saída temporária de presos em datas comemorativas. O líder do governo na Casa, Jaques Wagner (PT-BA),...

“O Retorno” | Atlânticos em transe sob a lua de Luanda, por Cidinha da Silva. Ep.6

Minha irmã, tu não conhecerias Luanda se não tivesses passado pela corrupção institucional, te faltaria um pedaço importante de percepção desta terra de mártires...

“Inácia” | Atlânticos em transe sob a lua de Luanda, por Cidinha da Silva. Ep.5

— Senhora, senhora! Eu corri atrás da zungueira para entregar-lhe um galho seco e sem cheiro que caíra da bacia que carregava na cabeça....
-+=