Guest Post »

Cidinha da Silva e Cecília Floresta discutem Audre Lorde no Clube Lesbos, dia 29/06.

O Clube Lesbos nasceu para discutir livros/filmes com personagens (ou autoras) lésbicas! Esse ano estamos fazendo, em São Paulo, a linha do tempo da literatura lésbica. Em junho continuamos nos anos 80, com Audre Lorde.
Do Facebook 

Audre Lorde é uma das principais pensadoras lésbicas do século XX. É uma das principais vozes do feminismo afroamericando. Foi poeta, ensaísta, conferencista e professora de literatura.

Apesar da sua importância, ela ainda não foi publicada oficialmente em português por nenhuma editora. Por isso, no lugar de um livro, vamos disponibilizar uma lista de textos traduzidos.

Textos da Audre Lorde
1) Usos do erótico: o erótico como poder – http://bit.ly/317XmwL
2) Não existe hierarquia de opressão – http://bit.ly/2Z6GLYI
3) Usos da raiva: mulheres respondendo ao racismo – http://bit.ly/2WmpI7P
4) Poesia não é um luxo: http://bit.ly/2WCBGtu
5) Textos escolhidos de Audre Lorde – http://bit.ly/2KpUfdG

Textos sobre a Audre Lorde
1) A invocação dos Orixás na poesia de Audre Lorde – http://bit.ly/2MrPDq4
2) A irmã outsider Audre Lorde – http://bit.ly/2KpewAo

Além disso, teremos a presença de duas escritoras incríveis:

Cecília Floresta
afrodescende, é escritora, candomblezeira & sapatão. nasceu na capital paulista numa dessas manhãs de dezembro, fazia sol e o ano era 1988. ganha a vida editando livros, pesquisa narrativas e poéticas ancestrais iorubás e seus desdobramentos na diáspora negra contemporânea, lesbianidades e literaturas insurgentes. poemas crus, seu primeiro livro, foi publicado pela Patuá em 2016.

Cidinha da Silva
é prosadora e editora. Publicou 15 livros autorais, entre eles: Um Exu em Nova York (contos, 2018, 1a reimpressão); a série Melhores crônicas de Cidinha da Silva, Exuzilhar (vol.1) e Pra Começar (vol.2) e # Parem de nos matar! (crônicas, 2019, 2a edição). Tem textos publicados em catalão, espanhol, inglês, italiano e francês.

PS: a Cidinha vai trazer livros pra venda e a Cecília a nova zine dela. É a chance de conseguir o famoso autógrafo

Related posts