‘Continuem a dizer seus nomes’, diz Timberlake sobre negros mortos nos EUA

Enviado por / FonteUOL

O cantor Justin Timberlake lamentou a morte de cinco pessoas negras nos Estados Unidos em uma publicação em seu perfil no Instagram na noite de ontem.

“O sistema precisa mudar. Ele nos mostrou repetidamente que os negros nos EUA não estão seguros”, disse o cantor.

“Vou seguir contribuindo com mais esforços e maneiras de ajudar. Continuem a dizer seus nomes!”, finalizou.

Na publicação, Timberlake começou falando de Rayshard Brooks – “ele não deveria estar morto” -, baleado no estacionamento de um restaurante em Atlanta na última sexta-feira (12).

Em seguida, o cantor lembrou os casos de Riah Milton e Dominique Fells, duas mulheres transgênero mortas no país, e Robert Fuller, encontrado pendurado em uma árvore na Califórnia.

Timberlake também falou do caso de Breonna Taylor – “ainda estamos esperando justiça” -, uma mulher de 26 anos que foi morta em março por policiais em meio ao cumprimento de um mandado de busca.

A publicação do cantor vem em meio à onda de protestos antirracistas que os Estados Unidos têm enfrentado após a morte do segurança negro George Floyd, que foi asfixiado por um policial branco no fim de maio.

+ sobre o tema

Brancos, vamos falar de cotas no serviço público?

Em junho expira o prazo da lei de cotas nos...

Em junho, Djavan fará sua estreia na Praia de Copacabana em show gratuito

O projeto TIM Music Rio, um dos mais conhecidos...

O precário e o próspero nas políticas sociais que alcançam a população negra

Começo a escrever enquanto espero o início do quarto...

Estado Brasileiro implementa políticas raciais há muito tempo

Neste momento, está em tramitação no Senado Federal o...

para lembrar

Enfrentar a mortalidade de jovens negras e negros só com Juventude Viva é enxugar gelo

Necropolítica é o conceito proposto pelo pensador camaronês Achille...

#BlackLivesMatter: ‘Vamos regredir cem anos se Trump vencer’

No Rio, ativista do combate a violência policial contra...

Cam Newton usa camiseta com frase de Martin Luther King antes de jogo

O quarterback do Carolina Panthers Cam Newton entrou na...

‘A PM tirou um pedaço de mim’, diz Tati Quebra Barraco sobre morte do filho

A funkeira Tati Quebra Barraco escreveu, na madrugada desta...
spot_imgspot_img

Atirador mata três homens negros na Flórida; crime teve ‘motivação racial’, diz polícia

Um homem branco matou três homens negros do lado de fora de uma loja de descontos em Jacksonville, no estado americano da Flórida, em...

Ato em Copacabana pede justiça por rapaz morto em ação policial

Familiares, amigos, moradores da Cidade de Deus, artistas e apoiadores realizaram um ato, neste sábado (19), pedindo justiça por Thiago Menezes Flausino, 13 anos...

Justiça realiza audiência de instrução do julgamento dos PMs acusados de matar Kathlen Romeu

A Justiça Fluminense marcou para esta segunda-feira (29) uma audiência de instrução e julgamento dos PMs acusados de atirar contra a jovem Kathlen Romeu. Marcos Felipe...
-+=