Fundação Palmares e Secretaria da Igualdade Racial são temas de audiência da CDH

 

Os 25 anos da Fundação Cultural Palmares (FCP) e os dez anos da Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Seppir) serão tema de audiência pública a ser realizada pela Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH) nesta segunda-feira (25).

A iniciativa é do senador Paulo Paim (PT-RS), que considera importante um debate sobre as atividades de duas importantes instituições de defesa dos direitos das minorias.

Vinculada ao Ministério da Cultura, a Fundação Palmares foi criada em 1988 no governo José Sarney para atuar na valorização das manifestações culturais e artísticas negras brasileiras. Nestes 25 anos, a FCP já emitiu mais de 2.700 certificações, documento que reconhece os direitos das comunidades quilombolas e dá acesso aos programas sociais do governo federal.

A Seppir foi criada em 2003 pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva para promover a igualdade e a proteção de grupos raciais e étnicos afetados por discriminação, com ênfase na população negra.

Foram convidadas para a audiência as ministras da Cultura, Marta Suplicy, e da Seppir, Luiza Bairros, além do presidente da Fundação Palmares, José Hilton Santos, e do secretário-executivo do Conselho Nacional de Políticas de Igualdade Racial, Sérgio Pedro da Silva.

A reunião da CDH está marcada para 10h na sala 2 da Ala Senador Nilo Coelho e pode ser acompanhada pela TV Senado: http://www.senado.gov.br/noticias/TV

Agência Senado

(Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

+ sobre o tema

Onjango feminista: o centro da emancipação e desalienação feminina

Os homens, por meio das religiões monoteístas, construíram na...

Câmara aprova Dia Nacional de Tereza de Benguela e da Mulher Negra

A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania...

A miscigenação racial no Brasil

A miscigenação racial presente em nossa sociedade vem se...

Heterossexualidade e poder

Profa. Dra. Berenice Bento/UFRN* Até pouco tempo escutávamos que “em...

para lembrar

Jean Wyllys nega que BBB tenha dado votos e defende novo modelo de família

Deputado levanta bandeira gay e diz que "família de...

Mulher relata ter sido vítima de agressão por funcionário da NET

A fonoaudióloga Analice de Souza, de 31 anos, utilizou...

Uma fala de Sueli Carneiro

Neste 25 de julho, Dia Internacional da Mulher Negra...

Mini-documentário mostra luta de mulheres pelo direito à creche

O reconhecimento do atendimento em creches como um direito...
spot_imgspot_img

Pesquisadora aponta falta de políticas para diminuir mortalidade materna de mulheres negras no DF

"O Brasil é um país muito difícil para uma mulher negra ser mãe, por diversos fatores, dentre eles as dificuldades de acesso a saúde pública,...

Documentário sobre Lélia Gonzales reverencia legado da ativista

Uma das vozes mais importantes do movimento negro e feminista no país, Lélia Gonzales é tema do Projeto Memória Lélia Gonzalez: Caminhos e Reflexões Antirracistas e Antissexistas,...

Aborto legal: ‘80% dos estupros são contra meninas que muitas vezes nem sabem o que é gravidez’, diz obstetra

Em 2020, o ginecologista Olímpio Moraes, diretor médico da Universidade de Pernambuco, chegou ao hospital sob gritos de “assassino” porque ia interromper a gestação...
-+=