Grupo Senzala Hi-tech apresenta hip hop percussivo e tecnológico em Sorocaba

Evento, que faz parte do projeto ‘Experimentasom’, também contará com instalações visuais e performances artísticas. Entrada é gratuita.

no G1

Grupo Senzala Hi-tech se apresenta em Sorocaba — Foto: Divulgaçã / G1

O grupo Senzala Hi-Tech apresenta sua mistura de rap com ritmos afrolatinos enraizados na cultura brasileira no anfiteatro do Sesc Sorocaba (SP) nesta quinta-feira (13), às 20h, em mais uma edição do projeto “Experimentasom”.

Além da apresentação musical, o evento contará com instalações visuais do artista plástico e designer Discórdia e a performance Condenados, do Grupo Trança de Teatro.

A atividade é gratuita e os interessados devem retirar os ingressos com uma hora de antecedência, na central de atendimento. A classificação etária é 12 anos.

Confira a programação completa:

Show: Senzala Hi-Tech

Fortemente influenciado pela música e pelas artes visuais da África às Américas, o Senzala Hi-Tech mistura batidas de hip hop aos ritmos herdados dos povos desses continentes. A pesquisa musical e visual busca unir afrobrasilidades e afrolatinidades, somar a sonoridade e a história do jongo, do coco e do maracatu às sonoridades da salsa, do dub, do funk, da música árabe, do samba e do que mais tiver a ver com o repertório de seus integrantes, sempre sob influência do caldeirão de culturas que é a cidade de São Paulo.

Com um EP lançado, o coletivo está preparando a gravação de seu novo trabalho que confirma a linha do hip hop percussivo, tecnológico e afro centrado. Senzala Hi-Tech é formado pelo atleta de taekwondo Diogo Silva, medalha de ouro nos Jogos Panamericanos de 2007, pelo rapper Sombra, integrante do grupo de rap SNJ, pelo produtor e músico Minari Groove Box (SNJ) e pelo cartunista e percussionista Junião (Lavoura e Mercado de Peixe).

Instalações Visuais: Discórdia

Pedro Caboatan do Prado, o Discórdia, é artista plástico e designer gráfico. Desde criança sempre desenhou muito e na adolescência passou a ver a cidade de outra forma, observando as artes expostas a todos ali mesmo na rua, e também quis expor seus trabalhos a todos.

Em 2006, conheceu a técnica do Lambe-Lambe, que são desenhos feitos em papel e colados na rua como forma de intervenção urbana. De improviso conheceu a técnica do Stencil, vinda dos orientais e utilizada na Street Art no mundo todo. Hoje utiliza as técnicas em seus trabalhos, fazendo parte dos projetos digitalmente e depois as matrizes manualmente.

A proposta de sua arte é a busca da reflexão no meio de tudo que vivemos, para onde estamos indo e de onde viemos, acreditando que o Stencil faça parte do imperfeito feito pelas próprias mãos.

Performance: Condenados – Grupo Trança de Teatro

Pautados em dados de 2017, a performance Condenados tem como objetivo mobilizar a reflexão a cerca dos altíssimos índices de homicídios de jovens negros, consequência do preconceito e dos estereótipos negativos associados a estes jovens. Os atores Marco Antonio Fera e Clarice Santos confrontam as estáticas de vida e morte da população negra com seus corpos conduzidos pela sonoridade do músico/percussionista Fabio Serra. A mensagem é direta: “nós jovens negros temos o direito a uma vida livre sem violência, racismo e estereótipos”.

Grupo Trança de Teatro

O grupo tem como objetivo fomentar a reflexão, investigar, criar e discutir temas e questões pertinentes ao negro brasileiro e os desdobramentos históricos racial na sociedade contemporânea e incentivar o fazer teatral tendo como eixo de pesquisa o negro, sua história e as questões étnico racial social.

O Sesc Sorocaba fica na Rua Barão de Piratininga, 555, no Jardim Faculdade.

+ sobre o tema

As estrelas literárias sem firmamento na África

Eclosão de escritores da África subsaariana contrasta com a...

João Cândido, o Almirante Negro da Revolta da Chibata

Filho de escravos, nascido nove anos depois da lei...

para lembrar

Sarau Negro no Quilombo XXIII: negritude, consciência e racismo! 20 de Novembro

Salve Salve Negritude !!! Tudo certinho, mama? Bom, como todos...

Hoje na História, 22 de Abril de 1970, nascia Mano Brown

Paula Farias Os livros de história ensinam que...

FEIRA PRETA

Encontro de cultura, cidadania, educação e economia solidária, a...
spot_imgspot_img

Diaspóricas 2: filme revela mundo futurista a partir do olhar de mulheres negras

Recém-lançado no Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental (FICA), em Goiás, no último dia 13 de junho, o filme “Diaspóricas 2” traz o protagonismo negro feminino e brasileiro...

Grávida, Iza conta que pretende ter filha via parto normal: ‘Vai acontecer na hora dela’

Iza tem experienciado e aproveitado todas as emoções como mamãe de primeira viagem. No segundo trimestre da gestação de Nala, fruto da relação com Yuri Lima, a...

Violência contra territórios negros é tema de seminário com movimentos sociais em Salvador

Diante da escalada de violência que atinge comunidades negras e empobrecidas da capital e no interior da Bahia, movimentos sociais, entidades e territórios populares...
-+=