Guest Post »
Guiguio do Ilê lança campanha para financiar disco e documentário

Guiguio do Ilê lança campanha para financiar disco e documentário

O álbum, batizado “Por Amor ao Ilê”, reunirá 10 canções do artista que nunca tiveram registro oficial e mais duas inéditas

no Bahia

O cantor e compositor Guiguio, um dos mais importantes intérpretes da música afrobaiana, autor de verdadeiros clássicos como “O Mais Belo dos Belos” e “Ilê Pérola Negra”, lançou nesta semana uma campanha de financiamento coletivo para viabilizar o lançamento de um disco e um documentário sobre sua vida e trajetória artística.

O álbum, que será intitulado “Por Amor ao Ilê”, reunirá 10 músicas do artista que não foram gravadas de forma oficial, como “Baila Negra Baila”, “Se Deus Quiser”, “Zum Zum Zum” e “Preto da Cor de Carvão”, e mais duas inéditas, em um total de 12 faixas. A previsão de lançamento é março de 2018 e a produção será do rapper Mr. Armeng, filho do compositor.

A campanha, hospedada na plataforma “Catarse”, é batizada de “Guiguio do Ilê” e enfatiza o vínculo do cantor com o bloco afro Ilê Aiyê, onde ele passou 27 anos como parte fundamental da ala de canto, e onde foi aclamado não apenas pelo público, que imortalizou seus bordões como “shewell”, mas também por colegas a exemplo de Caetano Veloso, Daniela Mercury, Gilberto Gil e Milton Nascimento.

Entre as recompensas constam, além do CD, ingressos para o show de lançamento, camisetas com versos do artista, vestidos temáticos, e até mesmo um pocket show de Guiguio – para colaborações de R$ 2,5 mil (dividido por 30 amigos fica R$ 83 para cada, destaca o texto da campanha).

Já o documentário, que também será financiado pela “vaquinha virtual”, terá duração de 35 minutos e reunirá depoimentos de artistas, produtores culturais, povo de santo, músicos, agentes culturais e pessoas do convívio do artista que começou no Afoxé Badauê em 1980, passou pelo Apaches do Tororó e Olodum até chegar ao Ilê Aiyê, em 1985, onde se consagrou.

Related posts