sexta-feira, novembro 26, 2021
InícioQuestões de GêneroSueli CarneiroLançamento de livro sobre Sueli Carneiro marca encerramento da 2ª edição da...

Lançamento de livro sobre Sueli Carneiro marca encerramento da 2ª edição da Agenda da OAB-BA

A autora da obra, a jornalista Bianca Santana, participou do debate no auditório da Seccional

Fonte: OAB Bahia

Após duas semanas de muitos debates, chegou ao fim, nesta sexta-feira (29), a segunda edição da Agenda Democracia, Antirracismo e Justiça. O evento de encerramento ocorreu no auditório da OAB da Bahia e foi marcado pela palestras da jornalista e escritora Bianca Santana, que lançou a obra de sua autoria Continuo Preta: A vida de Sueli Carneiro.  
 
Participaram da mesa de debate a presidente da Comissão Especial de Combate à Intolerância Religiosa da OAB-BA, Maíra Vida, e a presidente da Comissão da Mulher Advogada da Seccional, Daniela Portugal; ambas atuaram na criação e organização da Agenda.

Bianca Santana ressaltou que esse foi o primeiro evento de lançamento do livro em que esteve presencialmente e que isso tem um valor simbólico muito grande. “O primeiro valor simbólico é esse evento acontecer na cidade de Salvador e o segundo é a importância de Sueli Carneiro para o campo jurídico e o quanto ela contribuiu para os Direitos Humanos”, disse.

Maíra Vida destacou que ficou muito felizes que a OAB-BA fizesse parte, em alguma medida, da história desse lançamento. “É uma obra maravilhosa que consegue transitar tanto pelo lirismo e poesia, quanto pelas linguagens mais técnicas e jurídicas”, afirmou.

O evento foi marcado ainda pela homenagem à advogada Maria Auxiliadora Cardoso Sampaio, que faleceu na manhã desta sexta-feira. Ela era integrante da Comissão de Direitos e Prerrogativas da OAB da Bahia. 

Construção de uma sociedade mais justa

Em relação à Agenda, Daniela Portugal afirmou que assa iniciativa da Ordem cumpre um papel fundamental para a construção de uma sociedade mais justa e igualitária. “Cabe a nós a difícil tarefa de buscar caminhos para a desconstrução desse direito instrumento de opressão rumo à defesa da democracia e justiça, que não passa por outro caminho senão pelo do combate ao racismo e patriarcado”, disse.

O presidente da OAB da Bahia, Fabrício Castro, conta que desde a sua primeira edição a Agenda mobilizou toda a Seccional no sentido de promover a justiça social. “Toda essa programação é voltada ao nosso compromisso de defesa da justiça que nós queremos: uma justiça comprometida com o estado democrático de direito, e consciente do nosso dever histórico de lutar contra o racismo”, disse.

De acordo com a secretária-geral da OAB-BA, Marilda Sampaio, a Agenda trouxe a importância da função social da Ordem de defender o Estado Democrático de Direitos, a Justiça Social e os Direitos Humanos.

Para Maurício Leahy, secretário-geral adjunto da Seccional, esse trabalho em conjunto tem sido fundamental para o enfrentamento do racismo, promoção da Justiça e fortalecimento da democracia.

O diretor tesoureiro, Hermes Hilarião, reforça que o evento cumpre não apenas a função de atender as demandas da advocacia, mas também de cuidar dos temas de interesse da sociedade.

RELATED ARTICLES