Larissa Delsanto canta o poder do feminismo negro em Mulher Preta

Larissa Delsanto, capixaba, fã de Destiny’s Child, é uma das milhares de meninas pelo Brasil que se viram pressionadas, da infância à vida adulta, a alisar seus cabelos crespos para atingir os padrões estéticos estabelecidos por uma sociedade racista. No entanto, em 2015 ela se libertou desta prisão, tirou toda a química do cabelo para que ele crescesse de maneira natural e criou um canal no YouTube para ajudar garotas que também estivessem passando por essa transição capilar.

Por Roberta Lessa, do Café Radioativo

O que libertou Larissa, no entanto, chocou sua família e seus amigos. Essa reação negativa fez com que ela sentisse revolta e precisasse de uma forma de expressar os sentimentos de toda uma vida que a levaram a essa decisão. O meio encontrado por ela foi a poesia do rap: Larissa criou versos por cima de uma batida que gostava e gravou uma faixa. Depois da aprovação dos amigos que escutaram, ela resolveu publicá-la no Facebook, onde, em apenas um mês, alcançou 20 mil pessoas, muitas delas pedindo para que Larisa disponibilizasse o download da mesma. Assim nasceu Mulher Preta, música agora gravada profissionalmente, produzida por Nego Lock.

Cantora desde os três anos de idade, sonhando seguir carreira no mundo da black music desde os 11, Larissa se inspira não somente em Beyoncé, Nicki Minaj, Karol Conka e Ludmilla, citadas em Mulher Preta, mas também em Lady Leshurr, Rapsody, Drik Barbosa e Lion Babe para escrever e produzir suas composições:

“Toda essa representatividade que vejo nessas e em tantas outras mulheres artistas também me move a representar outras meninas e mulheres. Saber que posso me comunicar com elas e falar por elas através da música me inspira e me dá força pra persistir nos meus sonhos e objetivos. Talvez eu não possa conversar com elas pessoalmente, uma por uma, mas minha voz e minha ideia podem alcançá-las, lhes dando força, coragem, alegria, autoestima, esperança e tudo que for bom. Se me proporcionaram e me proporcionam isso, quero proporcionar também.”

Atualmente com 23 anos, Larissa é artista independente e luta para se estabelecer no cenário musical. Com planos para lançar mais 3 músicas até o final de 2016, ela já produz um EP, chamado “Redenção“, ao lado de Nego Lock, e também com participação deAruaque, do Poesia Interna Brasileira.

Acompanhe os lançamentos de Larissa Delsanto na página dela no Facebook clicando aqui e no canal da artista no YouTube clicando aqui.

+ sobre o tema

Lançamento do livro/CD/DVD ‘O Jongo do Tamandaré’

    Saiba Mais:  Jongo Cacuriá AS DANÇAS...

Gal Martins: O movimento que faz a diferença

Como Gal Martins levou a linguagem da dança contemporânea...

Sessão solene pelo centenário do “Sambista Pé Rachado”

O sambista Pé Rachado se vivo completaria 100...

para lembrar

De férias, Kobe Bryant dá aulas para garotos no Harlem

Por: Anderson Giorge   Melhor jogador em atividade na NBA, Kobe...

Pelé lança projeto social e diz que Maradona é exemplo negativo

Por Leandro Canônico Rei do Futebol volta a alfinetar...

Em grande noite de Nenê, Denver Nuggets voa em quadra e atropela Miami

Sem LeBron James, lesionado, Heats tomam vareio e perdem...

Começa em SP encontro que debate a arte africana

Evento acontece até sexta-feira (27) no Parque do Ibirapuera,...
spot_imgspot_img

Beyoncé revela ter psoríase e fala sobre sua relação com o cabelo ao lançar linha de cosméticos

Beyoncé revelou em uma entrevista ter psoríase no couro cabeludo. Ela falou sobre o assunto em uma entrevista à revista "Essence", publicada no site no...

Por que Bob Marley é um ícone dos direitos humanos

Ao se apresentar em junho de 1980 na cidade alemã de Colônia, Bob Marley já estava abatido pela doença. Ainda assim, seu carisma fascinou...

Saiba quem é o neto de Bob Marley que emplacou sucesso na Billboard; ouça a canção

YG Marley, nome artístico de Joshua Marley, neto do icônico cantor de reggae Bob Marley, estreou no Billboard Hot 100 com o single “Praise Jah...
-+=