Mãe cria boneca com cabelo cacheado para melhorar autoestima da filha

Foi uma insatisfação da filha, Sophia, que fez a americana Angelica Sweeting criar A Boneca Angelica, projetada para ser parecida com meninas de cabelos cacheados, narizes mais largos, lábios espessos e pele negra.

no Mulher

Quando Angelica descobriu que a menina estava passando por problemas com sua imagem corporal, resolveu dispensar as bonecas tradicionais. “Notei que Sophia queria ter cabelo liso e longo. Ela começou a expressar uma forte antipatia por suas características faciais e tom de pele”, escreveu a mãe no site que coleta doações para o projeto.

O brinquedo foi desenvolvido com características semelhantes às de sua filha, além de ser feita com um cabelo que simula o natural e pode ser lavado, puxado, enrolado e modelado.

Angelica espera criar uma linha de bonecas com diferentes tons de pele e texturas de cabelo para que todas as garotas possam se identificar.

“Estou criando a Angelica para que as meninas saibam que elas são lindas. É hora de elas encontrarem um novo padrão “, escreveu a mãe na página.

O projeto já alcançou o valor de doação necessário para ser colocado em prática, no entanto, quem ainda quiser apoiar com quantias acima de US$ 85 dólares ganhará a boneca, que será entregue apenas em endereços do Canadá, Reino Unido e Estados Unidos.

leia mais sobre bonecas negras: 

angelica doll2 angelica doll3 angelica doll4

+ sobre o tema

Violência contra a mulher aumentou 17% no Piauí em 2015: foram 70 mortes

Aumentou em pelo menos 17% o número de feminicídio...

Brasil está entre piores em representação feminina no Legislativo

“É inaceitável termos apenas uma mulher em cada Câmara...

Mulheres de Axé: caminhando pra resistir!

Desde 2008, uma modificação na lei brasileira considera crime...

para lembrar

Duas adolescentes são enforcadas depois de um estupro em grupo na Índia

A polícia prende um suspeito e busca outros quatro...

Tema recorrente na política, o aborto é um problema grave de saúde

Uma romaria de mulheres procura diariamente os hospitais públicos...

Carta às mulheres solteiras: agência, amor próprio e a solidão da mulher negra

Nesse dia dos namoradXs, eu fiquei com vontade de...

Maria da Penha é indicada ao Prêmio Nobel da Paz 2017

Farmacêutica Maria da Penha é famosa por lutar pelo...
spot_imgspot_img

O mapa da LGBTfobia em São Paulo

970%: este foi o aumento da violência contra pessoas LGBTQIA+ na cidade de São Paulo entre 2015 e 2023, segundo os registros dos serviços de saúde. Trata-se de...

Grupos LGBT do Peru criticam decreto que classifica transexualidade como doença

A comunidade LGBTQIA+ no Peru criticou um decreto do Ministério da Saúde do país sul-americano que qualifica a transexualidade e outras categorias de identidade de gênero...

TSE realiza primeira sessão na história com duas ministras negras

O TSE realizou nesta quinta (9) a primeira sessão de sua história com participação de duas ministras negras e a quarta com mais ministras...
-+=