Ministério da Saúde prevê que Brasil tenha 3 mil mortes por dia de Covid-19, diz Valor

Enviado por / FonteO Globo

Integrantes da cúpula do Ministério da Saúde avaliam que o Brasil vai viver nas próximas duas semanas o pior momento da pandemia de Covid-19, com os registros de mortes por dia passando de 3 mil, de acordo com reportagem do jornal “Valor Econômico” publicada nesta sexta-feira. Nos últimos sete dias, a média de mortes ficou em 1.361, com um pico de 1.840 óbitos registrados na quarta-feira.

Segundo o jornal, o governo federal cogita construir hospitais de campanha nos próximos dias e vai estimular que estados reabram estruturas do tipo que foram fechadas. Tirando isso, de acordo com a reportagem, o Ministério da Saúde avalia que não há muito o que fazer. A decretação de um lockdown nacional está descartada.

As preocupações da pasta estão direcionadas para a região Sul, onde os três estados estão à beira do colapso. Também há preocupação com a falta de leitos na região Norte, apesar de um número menor de casos. A situação de Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais e Goiás também geram alertas.

No médio prazo, a equipe do ministro Eduardo Pazuello acredita que a vacinação começará a acelerar a partir deste mês, com uma maior produção do Instituto Butantan e da Fiocruz.

 

Fonte: O Globo

 

 

 

+ sobre o tema

Para Marina Silva, resultado da pesquisa é ponto forte

Ao comentar a pesquisa DataFolha, em que manteve 8%...

O assassinato como política pública

Ao reforçar capacidade letal de suas polícias, lideranças políticas...

As religiões afro conquistam a classe média

Paula Rocha Os cultos de matriz africana, como a umbanda...

Obama toma posse formalmente para seu segundo mandato nos EUA

O presidente dos EUA, Barack Obama, tomou posse oficialmente...

para lembrar

Violência contra mulheres: a “pandemia na sombra” da Covid-19

Nos últimos meses, aumentaram os casos de violência, abuso...

E aí, 2030, conseguimos adiar o fim do mundo?

A minha provocação sobre adiar o fim do mundo...

Os estragos invisíveis da pandemia para as mães solo

Em 2020, as latino-americanas sofreram um retrocesso histórico em termos financeiros...

Mortes maternas e de recém-nascidos não têm queda desde 2015, diz OMS

O número de mortes maternas e de recém-nascidos não apresenta queda significativa desde 2015 e chega a 4,5 milhões de ocorrências a cada ano, aponta a OMS...

Fraude na vacinação é falta de caráter

O sérvio Novak Djokovic é o tenista número um do mundo. Aos 35 anos, caminha para uma centena de títulos, 22 deles em torneios...

‘Nenhuma mulher negra deve passar por momentos como este’: Fiocruz repudia expulsão de mulher, aluna da fundação, de avião

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) emitiu uma nota de repúdio, neste sábado, sobre a expulsão de uma mulher negra de um voo da Gol, na...
-+=