Com quase 2 mil mortes em 24h, perseguir jornalista é prioridade do governo

Enviado por / FonteECOA, por Bianca Santana

Mais de 257 mil pessoas abandonadas à morte por covid, 1.840 nas últimas 24 horas. Não temos vacina, nem comida na mesa de milhares de pessoas. Mas o presidente da República, representado por sua advogada, teve tempo de recorrer à Justiça contra a decisão que o condenou por ter me acusado falsamente de publicar uma notícia falsa. Prioridades. (Leia aqui: Bolsonaro é condenado pela Justiça a indenizar colunista do UOL)

A apelação completa pode ser lida aqui, mas, Em resumo, o argumento é de que eu não sofri danos e que o caso foi julgado à revelia, ou seja, sem a resposta dele, que não apresentou contestação à ação no prazo e ainda reconheceu a acusação falsa em uma live.

Deixo com a melhor advogada do país e com o time montado por ela a minha defesa. Enquanto trabalhamos para, no futuro, ter um presidente que priorize governar em benefício das pessoas, em vez de propagar morte e perseguir jornalistas. Seguimos cuidando de pessoas com sintomas de covid no projeto Agentes Populares de Saúde, da UNEafro; colaborando com a demanda por auxílio emergencial da Coalizão Negra por Direitos; produzindo memória negra para nutrir estratégias. Ainda perguntando quem mandou matar Marielle Franco. E qual o envolvimento da família Bolsonaro com o assassinato de Marielle e Anderson. Prioridades.

 

+ sobre o tema

Lula para Gaviões: ‘esta é uma das maiores homenagens que recebo em toda minha vida’

Presidente Lula, internado no Hospital Sírio Libanês, grava uma...

Governador do Texas diz que Obama leva a América em direção ao socialismo

Na manchete do Drudge Report, ontem, "Governador do Texas...

Dublê de Ogum! – Por Cidinha da Silva

Por Cidinha da Silva Tudo começou com uma brincadeira quando...

para lembrar

“Não queria que fosse uma criança estúpida”, disse mãe de Bolsonaro

O deputado federal Jair Bolsonaro (PP/RJ), recentemente, afirmou que...

Brasil atrasa 12 anos e lista ações antirracismo à ONU sem gestão Bolsonaro

Com um atraso de doze anos, o Brasil submeteu...

Não é desnutrição; é genocídio

O que ocorre hoje contra o povo yanomami em...

Sueli Carneiro recebe prêmio da Lasa por sua produção acadêmica

Ativista. É assim que Sueli Carneiro se apresenta. A...

População de rua no Brasil cresceu quase 10 vezes na última década, aponta Ipea

A população em situação de rua no Brasil aumentou 935,31% nos últimos dez anos, segundo levantamento do Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada) com base em...

Saúde mental dos idosos ainda sofre os impactos da pandemia

Após anos de enfrentamento da pandemia da Covid-19, torna-se evidente que os idosos estão entre os grupos mais afetados em termos de saúde mental. A melhoria das...

Jurema Werneck recomenda livro com visão de mulher negra diante da pandemia

Segundo a ativista, pode-se encontrar também no livro, Negra percepção sobre mim e nós na pandemia, um conjunto de cicatrizes individuais, adquiridas na pandemia...
-+=