Modelo negra recria campanhas de moda para criticar falta de diversidade na indústria

É comum ver modelos brancas e magras em anúncios e campanhas de moda pelo mundo. Algo comum, porém, que serve de alerta para uma questão muito mais preocupante e relativizada em nossa sociedade. Para a modelo liberiana Deddeh Howard, trata-se pura e simplesmente de preconceito e falta de diversidade racial na indústria da moda. Na série fotográfica “Black Mirror” (sacou o trocadilho?), Deddeh aparece no lugar de modelos como Gisele Bündchen, Gigi Hadid, Kendall Jenner e Kate Moss, provando que esse universo permanece restrito e repleto de obstáculos para modelos negras.

Do Virgula

“Eu já frequentei inúmeras agências de modelos e sempre fui comparada a uma ou outra modelo negra que eles tinham no ‘catálogo’. Mesmo que elogiassem minha beleza, meu talento e meu estilo, eles costumavam afirmar que não poderiam me agenciar por já ter uma modelo negra para trabalhos, embora as modelos brancas não fossem dispensadas com a mesma desculpa. Uma ou duas meninas negras são mais do que suficiente para representar todas nós, aparentemente”, explica Deddeh.

A intenção da liberiana era mostrar que, esteticamente, o efeito de uma mulher negra no lugar de uma branca é tão legal como na campanha original. Socialmente, porém, o impacto é ainda maior, porque a indústria realmente estaria abraçando a questão da diversidade ao dar oportunidades para mais modelos negras. “Quero mostrar ao mundo que é hora de sermos vistas, de verdade, mesmo por grandes marcas”, reforça ela.

Veja as fotos do projeto na galeria abaixo:

african-model-recreates-famous-ad-campaigns-deddeh-howard-7-5847ff4c67a14__880-716x479
Reprodução/secretofdd.com
african-model-recreates-famous-ad-campaigns-deddeh-howard-3-5847ff41e92e4__880-716x479
Reprodução/secretofdd.com
african-model-recreates-famous-ad-campaigns-deddeh-howard-9-5847ff517dd8c__880-692x479
Reprodução/secretofdd.com
african-model-recreates-famous-ad-campaigns-deddeh-howard-4-5847ff4419071__880-699x479
Reprodução/secretofdd.com
african-model-recreates-famous-ad-campaigns-deddeh-howard-8-5847ff4f27d5a__880-351x479
Reprodução/secretofdd.com
african-model-recreates-famous-ad-campaigns-deddeh-howard-5-5847ff47d7aab__880-770x479
Reprodução/secretofdd.com
african-model-recreates-famous-ad-campaigns-deddeh-howard-2-5847ff3fa459d__880-767x479
Reprodução/secretofdd.com
african-model-recreates-famous-ad-campaigns-deddeh-howard-6-5847ff49ce10d__880-724x479
Reprodução/secretofdd.com
african-model-recreates-famous-ad-campaigns-deddeh-howard-1-5847ff3c94138__880-714x479
Reprodução/secretofdd.com

+ sobre o tema

Manifesto Contra a Regulamentação da Educação Domiciliar e em Defesa do Investimento nas Escolas Públicas

As Coalizões, Redes, Entidades Sindicais, Instituições Acadêmicas, Fóruns, Movimentos...

Equidade só na rampa

Quando o secretário-executivo do Ministério da Justiça e Segurança...

Um Silva do Brasil e das Áfricas: Alberto da Costa e Silva

Durante muito tempo o continente africano foi visto como um vasto...

para lembrar

Brasileiro vence racismo para virar ídolo no Southampton

De todos os grandes campeonatos europeus, aquele em que...

Imigrantes africanos são alvo de incêndio premeditado em Israel

Um apartamento que pertencia a imigrantes africanos em...

Nonno Paolo – Polícia conclui que menino sofreu racismo ao ser expulso de pizzaria

Delegado disse que vai relatar o inquérito à Justiça...

Mãe de menina vítima de racismo passa mal e vai parar no hospital

Criança de 4 anos foi chamada de preta, feia...
spot_imgspot_img

“Quanto mais diversos formos, melhores seremos”

Uma das mais destacadas intelectuais em atividade no país, a historiadora e antropóloga Lilia Schwarcz, docente da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas...

Que diferenças cientistas negros podem fazer?

Na semana passada, a organização Parent in Science – que tem a missão de apoiar mães na ciência – divulgou dados sobre os cientistas brasileiros que...

Mulher e negro na política reduzem corrupção e aumentam projetos de inclusão, diz estudo

Lideranças públicas femininas têm até 35% menos chances de se envolver em casos de corrupção do que as masculinas, enquanto líderes negros propõem três vezes mais leis e políticas...
-+=