Mulheres estão sendo convocadas para agir em defesa de seus direitos na ONU!

Na semana seguinte ao Dia Internacional da Mulher, em que milhares de pessoas foram às ruas exigir mais respeito aos direitos delas, tomamos uma baita ducha de água fria! Precisamos da sua ajuda para impedir um retrocesso e tanto.

Enviado para o Portal Geledés 

Recomendações importantes feitas por representantes de governos de países integrantes do G77 e organizações da sociedade civil para garantir direitos das mulheres foram retiradas esta semana do documento final da Comissão da ONU sobre a Situação das Mulheres.

Veja o documento aqui: https://www.ngocsw.org/…/2017/03/CSW61-Rev1-13March-2017.pdf – ele será votado nesta sexta-feira ao final da 61a. reunião da Comissão, e se essas recomendações não retornarem para o texto, as propostas de justiça tributária para promoção dos direitos das mulheres serão perdidas.

Para promover direitos e políticas públicas para as mulheres, é fundamental que haja financiamento adequado. No entanto, toda referência a uma tributação progressiva para atacar as desigualdades socioeconômicas foi suprimida do documento final. Mantiveram apenas os trechos referentes à chamada “pink tax” (algo como ‘tributação rosa’), que apesar de resolver problemas pontuais de desigualdade de preços em produtos para mulheres, não soluciona a questão central de injustiça tributária e desigualdade de gênero.

Temos que pressionar o governo brasileiro para que o Brasil defenda o retorno dessas recomendações para a versão final do documento da Comissão da ONU sobre a Situação das Mulheres.

Publique nas páginas Palácio do Planalto (https://www.facebook.com/PalacioDoPlanalto/), Ministério das Relações Exteriores (https://www.facebook.com/ItamaratyGovBr/) e Michel Temer (https://www.facebook.com/MichelTemer/) no Facebook, e mande mensagem para o perfil no Twitter da Missão do governo brasileiro na ONU (https://twitter.com/Brazil_UN_NY), e mande mensagem para Mauro Vieira no email [email protected] exigindo que o governo brasileiro assegure a restauração do texto original aprovado na Comissão da ONU sobre a Situação das Mulheres – que é este aqui: https://www.ngocsw.org/…/2017/03/CSW61-Rev1-13March-2017.pdf

+ sobre o tema

Agredido por 5 garotos homofóbicos estudante publicou um relato chocante

O estudante Lucas Salvattore publicou em seu Facebook um...

Acordo coletivo em SP dá piso de R$ 1.200 a doméstico

Entra em vigor em 26 de agosto o primeiro...

Maria da Penha recebe prêmio Franco-Alemão de Direitos Humanos

Brasileira está entre os homenageados em primeira edição da...

para lembrar

Vamos mapear a homofobia e transfobia no Brasil

O HuffPost Brasil, em parceria com o Curso Abril...

A mulher negra no mercado de trabalho

Rousseau, considerado um pensador progressista, dizia que a mulher...

Coletivo feminista TamoJuntas presta auxílio à mulheres vítimas de violência

 Um coletivo dedicado a atender mulheres vítimas de violência...

Whoopi Goldberg vai estrelar filme sobre racismo e movimento LGBT

Conhecida pelo talento e versatilidade, a consagrada comediante, cantora,...
spot_imgspot_img

Centenário de Tia Tita é marcado pela ancestralidade e louvado no quilombo

Tenho certeza que muitos aqui não conhecem dona Maria Gregória Ventura, também conhecida por Tia Tita. Não culpo ninguém por isso. Tia Tita é...

Julho das Pretas: celebração e resistência

As mulheres negras brasileiras têm mais avanços a celebrar ou desafios para travar? 25 de julho é o Dia Internacional da Mulher Negra, Latino-americana e...

Defender Maria da Penha é defender a vida das mulheres, os direitos humanos e a democracia

Maria da Penha está sendo ameaçada de morte. Foi necessário que a ministra das Mulheres, Cida Gonçalves, recorresse ao governador do Ceará, Elmano de Freitas,...
-+=