O cancelamento de Exibit-B no Brasil

Durante o ano de 2015, muitas lutas contra o racismo surgiram não somente nas redes sociais como também em espaços físicos reais. Destaco aqui, com prazer e orgulho da comunidade negra (e guerreira), a luta contra o racismo nas artes.

Enviado por Marcelo Moreira de Jesus via Guest Post para o Portal Geledés

Logo após uma peça de teatro (“A mulher do trem” da “Cia Os Fofos Encenam”) ser barrada no Itaú Cultural por conter “black-face” em sua produção, uma comunidade afrocentrada do facebook recebeu a notícia que Brett Bailey chegara ao Brasil com o objetivo de expor na MIT-SP 2016 (Mostra Internacional de Teatro) a sua “performance artística” Exibit-B. A montagem do “artista” branco sul-africano já havia sido barrada em outros países – Canadá , França, Reino Unido – e, agora 2016, está cancelada no Brasil também.

O mérito principal da luta vai para o grupo de negras e negros denominado “FRENER Brasil” (Frente Negra de Erradicação do Racismo no Brasil). Tal grupo formou-se imediatamente após saber das intenções racistas de uma artista mal-intencionado e de uma curadoria desatenta. Alguns, talvez, gostem de assim enxerga-los.

A peça que pretendia expor corpos negros para “o público paulistano refletir o racismo” (palavras da curadoria e do Sr. Bailey), foi classificada como racista por quem realmente sabe o que é racismo e sofre cotidianamente com um sistema cruel que, quando não mata, deixa suas fortes marcas sociais. Inegavelmente, são os negros e negras os que têm legitimidade e poder para determinar o que é racismo ou não, como este deve ser combatido e exterminado. O protagonismo é nosso. Deixamos a branquitude a tarefa de reconhecer seus privilégios e abrir mão deles.

Pois bem. Partimos, desde o primeiro semestre de 2015, a reuniões com a curadoria, com o “artista incompreendido”, com órgãos políticos e judiciais, entidades acadêmicas (ECA-USP), instituições culturais e educacionais, para EXIGIR o CANCELAMENTO do Exibit B no país.

Após longo trabalho em conjunto e dedicação dos membros da FRENER, foi o nosso objetivo que prevaleceu: no dia 02 de fevereiro de 2016, recebemos a notícia, através de reportagem da Folha de São Paulo (http://www1.folha.uol.com.br/ilustrada/2016/02/1735898-com-programacao-reduzida-mostra-de-teatro-de-sp-tera-racismo-como-tema.shtml), que a montagem racista de Brett Bailey foi cancelada. O artista que aqui nunca foi bem-vindo, sairá do Brasil sem apresentar a sua performance.

A matéria apresenta a declaração de “falta de verba”, o que não faz sentido. A peça, conhecida internacionalmente como zoo humano, seria a atração principal da Mostra. Além disso, sabemos que a verba para edição 2016 seria maior que a verba da última edição. Os atores e atrizes negras que seriam expostos também já estavam selecionados.

Lamentamos por estes atores e atrizes negras que já estavam selecionados para o trabalho. E temos a certeza que, na luta conjunta, o mercado artístico os contemplará com cargos dignos que farão jus a grandiosidade do nosso povo.
De qualquer forma, o intuito de denunciar o racismo e cancelar a produção foi bem-sucedido. Mais do que isso, a Mostra terá como tema central o Racismo.

12654433_778204078952553_2516654854358237334_n
A mensagem final é que somente através da mobilização que negros unidos alcançam suas vitorias… ou “falta de verbas”, chamem como quiser.

Não podemos esquecer da contribuição internacional de grandes aliados nesse processo. Companheiros de Londres e Paris nos mandaram sempre forças e apoio para a mobilização.

Uma batalha vitoriosa nos dá orgulho e ânimo para continuar uma guerra extensa.

A convicção é de vitória e de que racistas (nas artes inclusive) NÃO passarão!

#ubuntu #4p #BlackPower

+ sobre o tema

Veja Will Smith no trailer de Homens de Preto 3

No terceiro filme da franquia Homens de Preto, Will...

Profissionais negros reinventam suas carreiras na TV e avaliam a importância da discussão racial

No Dia da Consciência Negra, o gshow conversou com artistas que compartilham...

Anderson Silva faz 37 anos, não pensa em parar e já preocupa os familiares

Anderson Silva comemora seu aniversário neste sábado e família...

para lembrar

Grupo Racionais MC’s anuncia lançamento de disco após 12 anos

O grupo de rap Racionais MC's anunciou nesta quarta-feira...

Yemanjá

Dia: 2 de fevereiro  Cor: Branco, Prateado, Azul e Rosa Símbolo:...

Douglas Belchior: Racismo à brasileira

No Idec O Dia da Consciência Negra está oficialmente no...
spot_imgspot_img

Álbum de Lauryn Hill é considerado melhor da história em lista da Apple Music; veja ranking

Uma lista publicada pela Apple Music elegeu os 100 melhores álbuns de todos os tempos. Em primeiro lugar, a escolha foi para 'The Miseducation...

‘Está começando a segunda parte do inferno’, diz líder quilombola do RS

"Está começando a segunda parte do inferno", com esta frase, Jamaica Machado, líder do Quilombo dos Machado, de Porto Alegre, resumiu, com certo desânimo, a nova...

Spcine marca presença no Festival de Cinema de Cannes 2024 com ações especiais

A Spcine participa Marché du Film, evento de mercado do Festival de Cinema de Cannes  2024 e um dos mais renomados e influentes da...
-+=