Pallas lança “O filho querido de Olokun” no sábado, dia 9, na Blooks Livraria

“O filho querido de Olokun” (Pallas Editora) é o segundo livro de Rogério Athayde e Clara Zúñiga e será lançado em tarde de autógrafos no próximo sábado, 9 de novembro, a partir das 16h, na Blooks Livraria, em Botafogo. O evento tem entrada gratuita e o livro, para crianças e adultos, custa R$ 58. O casal rememora um das centenas de contos da tradição oral iorubá, em duas narrativas que andam juntas: texto dele e ilustrações dela.

Enviado para o Portal Geledés 

Divulgação/Pallas

Um pescador insatisfeito com a sua pobreza e que desejava a todo custo uma vida abastada recebeu um chamado de Olokun, o orixá das profundezas dos Oceanos, de quem era devoto. Olokun atendeu ao seu desejo, lhe entregando as riquezas do fundo do mar. Porém, nesta ganância, este homem não percebeu que deixava para trás os seus maiores tesouros: uma vida simples e cheia de afetos, com mulher e filha. Será possível voltar no tempo e resgatar o que foi perdido?

“Essa fábula do Ifá sobre a insatisfação humana vem sendo contada e recontada de diversas formas, há mais tempo do que conseguimos mensurar. Olokun é o orixá que está associado à ancestralidade, ao mundo dos mortos: tudo começa e acaba no mar. Também diz respeito à saúde, à vida e à fortuna”, ensina Rogério, professor de história e babalaô. Ele escreveu “O filho querido de Olokun” há sete anos e as ilustrações nasceram aos poucos, num processo de descoberta.

“Tentei fugir da facilidade de ilustrar o que o texto diz e tracei a minha própria narrativa visual. Comecei usando aquarela, mas ainda não estava convencida. Até que cheguei nesse fundo preto, denso como o oceano, e entendi que era como queria contar. Colori cada detalhe à mão, com canetinhas”, rebobina Clara, designer e artista plástica. As ilustrações foram cuidadosamente com luz a fim de manter o registro dos detalhes e o livro de 52 páginas foi impresso em papel couchê com acabamento especial.

Rogério Athayde e Clara Zúñiga já haviam lançado “Exu e o mentiroso”, em 2012, também pela Pallas Editora.

“O filho querido de Olokun”, tarde de autógrafos ::

QUANDO: Sábado, 9 de novembro, a partir das 16h

ONDE: Blooks Livraria – Praia de Botafogo, 316, lojas D e E, em Botafogo

QUANTO: Entrada franca. Preço sugerido do livro: R$ 58

NO FACEBOOK: https://www.facebook.com/events/539282186806612/

 


** Este artigo é de autoria de colaboradores ou articulistas do PORTAL GELEDÉS e não representa ideias ou opiniões do veículo. Portal Geledés oferece espaço para vozes diversas da esfera pública, garantindo assim a pluralidade do debate na sociedade.

+ sobre o tema

‘Ela só queria nos humilhar’ conta estudantes africanos sobre racismo da polícia em Porto Alegre

Samir Oliveira Quando vieram ao Brasil em busca de aperfeiçoamento...

Beyoncé contrata 200 dançarinos africanos para novo clipe

Beyoncé contratou mais de 200 bailarinos africanos para o...

TERREMOTO HAITI:Ajuda humanitária começa a chegar ao Haiti

  Os primeiros aviões já começaram a chegar...

Literatura marginal brasileira ultrapassa fronteira das periferias

Fenômeno ganha espaço e reconhecimento com formas alternativas de...

para lembrar

Argentina precisa combater discriminação estrutural contra negros, dizem especialistas

A Argentina precisa responder à invisibilidade de longa data...

11 de Setembro – I BAZAR DA JK – Moda, música e arte

O evento conta com muita música, moda e arte...

Mariana Ximenes se recusa a ser empregada da novela das 19h

A atriz Mariana Ximenes não quer saber de ser...

Disputa por patrimônio de Mandela envolve filhas e amigos

Disputa por patrimônio de Mandela: duas filhas de Mandela...
spot_imgspot_img

Mostra Competitiva Adélia Sampaio recebe inscrições de filmes de mulheres negras até 16 de junho

A 6ª edição da Mostra Competitiva de Cinema Negro Adélia Sampaio está com inscrições abertas para filmes dirigidos por mulheres negras de todo o...

Mães e Pais de Santo criam rede de solidariedade para apoiar comunidades de matriz africana afetadas no Sul

Quando a situação das enchentes se agravou no Rio Grande do Sul, Ialorixás e Babalorixás da cidade de Alvorada, região metropolitana de Porto Alegre,...

6 brasileiros que lutaram pelo fim da escravidão no Brasil

O fim da escravidão no Brasil completa 136 anos em 13 de maio deste ano. Em 1888, a princesa Isabel, filha do imperador do Brasil Pedro 2º,...
-+=