terça-feira, outubro 4, 2022
InícioQuestão RacialCasos de RacismoProprietário vende time da NBA após novo escândalo de racismo

Proprietário vende time da NBA após novo escândalo de racismo

Bruce Levenson, dono do Atlanta Hawks, fez denúncia contra si mesmo e vai negociar equipe para se desculpar

O dono do Atlanta Hawks, Bruce Levenson, anunciou neste domingo (7) que vai vender a equipe para se desculpar com os torcedores.

O cartola revelou ter enviado, em 2012, um e-mail de conteúdo preconceituoso a sócios da franquia. Na mensagem, Levenson fazia comparações racistas e dizia que, para aumentar o público nos jogos do Hawks, era necessário incentivar a presença de “brancos suburbanos”.

“Na tentativa de abordar estas questões, escrevi um e-mail dois anos atrás que foi inapropriado e ofensivo. Banalizei nossos torcedores com suposições estereotipadas de seus interesses (ex. hip hop versus country, cheerleaders brancas e negras) e por estereotipar as impressões de um sobre o outro (que os torcedores brancos tinham medo dos negros). Também enviei a mensagem não intencional e dolorosa de que nossos fãs brancos são mais valiosos que os negros”, afirmou o cartola em comunicado divulgado neste domingo.

Em uma atitude inédita, Bruce Levenson fez uma denúncia contra si próprio à direção da NBA.

Segundo caso

A venda do Atlanta Hawks será a segunda motivada por causa de racismo entre cartolas de equipes da NBA. Em julho, o Los Angeles Clippers foi negociado pelo antigo dono, Donald Sterling. Ele fez comentários racistas em uma conversa com a antiga namorada, que acabou sendo revelada.
O time acabou comprado pelo ex-diretor executivo da Microsoft, Steve Ballmer por cerca de US$ 2 bilhões.

Fonte: Gazeta do Povo

Artigos Relacionados
-+=
PortugueseEnglishSpanishGermanFrench