Recorde as frases mais famosas de Martin Luther King

Enviado por / FonteDo O Povo

Martin Luther King foi assassinado em 4 de abril de 1968, há 50 anos, alvo de um disparo quando se encontrava no balcão do quarto de um hotel em Memphis, Tennessee.

Confira, abaixo, alguns trechos dos discursos mais memoráveis do líder dos direitos civis dos Estados Unidos conhecido por sua grande retórica:

“Eu tenho um sonho: que meus quatro filhos um dia viverão em uma nação onde não serão julgados pela cor de sua pele, e sim por seu caráter”.

23 de agosto de 1968, na Marcha de Washington pelo Trabalho e pela Liberdade

“Eu me oponho à Guerra do Vietnã, porque amo os Estados Unidos. Eu me pronuncio contra esta guerra, não com revolta, e sim com angústia e tristeza em meu coração, e principalmente com um desejo apaixonado de ver nosso querido país continuar sendo o exemplo moral do mundo. Falo contra esta guerra, porque estou decepcionado com os Estados Unidos, e não pode haver uma grande decepção quando não há um grande amor”.

30 de abril de 1967, Riverside Church, Nova York

“Todos nós temos o instinto maior do rufar dos tambores (…) A grande questão da vida é domar este instinto. É um bom instinto, se você não distorcê-lo e pervertê-lo. Não desista. Continue sentindo a necessidade de ser importante (…) Mas quero que você seja o primeiro no amor. Quero que você seja o primeiro em retidão moral. Quero que você seja o primeiro em generosidade”.

4 de fevereiro de 1968, Igreja Batista Ebenezer, Atlanta, Geórgia

“A verdadeira medida de um homem não é sua posição em circunstâncias convenientes e cômodas, e sim sua posição em tempos de desafios e controvérsias”.

Livro “Strength to Love”, 1963

“Creio que a verdade desarmada e o amor incondicional terão a última palavra na realidade. É por isso que o bem temporariamente derrotado é mais forte que o mal triunfante”.

10 de dezembro de 1964, discurso de aceitação do Prêmio Nobel da Paz, Oslo, Noruega

“Não sei o que acontecerá agora, se virão dias difíceis. mas realmente não me importa, porque estamos no cimo da montanha. Como qualquer um, gostaria de viver uma vida longa. A longevidade tem seu lugar. Mas agora isso não me preocupa. Quero apenas fazer a vontade de Deus. E Ele me permitiu subir a montanha e olhar, e vi a Terra Prometida. Pode ser que não chegue lá com vocês, mas quero que saibam que, como povo, chegaremos à Terra Prometida. Por isso estou feliz esta noite. Nada me preocupa. Não temo nenhum homem. Meus olhos viram a glória do Senhor”.

3 de abril de 1968, templo do bispo Charles Mason, Memphis, Tennessee. Um dia antes de ser morto.

Leia Também:

54 anos depois, mais de mil líderes religiosos desfilaram em Washington na Marcha de Martin Luther King

15 poderosas fotos de Martin Luther King Jr.

Caminhada silenciosa com inspirações de Martin Luther King

+ sobre o tema

Michelle Obama

Michelle LaVaughn Robinson Obama é a esposa do 44º...

Exposição na Biblioteca Parque do Rio lembra trajetória de Martin Luther King

A mostra itinerante Martin Luther King – Legado &...

Hoje na História, 1972: É absolvida militante negra Angela Davis

Angela Yvonne Davis, militante negra, antiga professora de filosofia...

Rosa Parks “Melhor andar com dignidade que rodar na humilhação”

Aos olhos e ouvidos de todo o mundo, a...

para lembrar

O racismo na “terra da liberdade”

Os protestos na cidade de Ferguson, em agosto, ressuscitam...

ENEM: Martin Luther King e o movimento pelo fim da segregação racial

Em 2019, Martin Luther King teria completado 90 anos....

Estas 6 pessoas estão revolucionando a representatividade negra nos EUA

Em fevereiro, o HuffPost Black Voices mostrou homens e...

Vitória: Mumia Abu-Jamal não será mais executado

O ativista negro Mumia Abu-Jamal, ex-membro do grupo Panteras...
spot_imgspot_img

Brasil e EUA voltam a articular plano contra discriminação racial; veja como funciona o acordo entre os países

O Brasil e os Estados Unidos promoveram a primeira agenda entre congressistas e a sociedade civil desde a retomada do acordo de cooperação bilateral...

Primeira fase da Unicamp aborda ChatGPT, ‘Guardiões da Galáxia’ e racismo com textos de Sueli Carneiro e Luther King

Inteligência artificial, racismo, reflexo da colonização nos indígenas, música brasileira sob o regime militar, testes em animais e uso de anabolizantes estiveram entre os...

O sonho de Martin Luther King continua a ecoar indignação 60 anos depois

"Eu digo a você hoje, meus amigos, que embora nós enfrentemos as dificuldades de hoje e amanhã, eu ainda tenho um sonho. É um...
-+=