Reforma da Previdência: entenda principais pontos do novo texto

Além da idade mínima para mulheres, substitutivo volta a vincular pensões e BPC ao mínimo. Cálculo do valor do benefício também muda

Da Carta Capital 

Parecer de Arthur Maia (PPS-BA) altera idade mínima de mulheres, policiais e professores.

O relator da Reforma da Previdência, deputado Arthur Maia (PPS-BA), apresentou a Temer e aliados, na manhã da terça-feira 18, um substitutivo para o texto da Reforma da Previdência. A principal mudança em relação ao texto original é a redução de 65 para 62 anos da idade mínima para a aposentadoria das mulheres.

Há mudanças também no cálculo do valor dos benefícios e na idade mínima de professores e policiais. Além disso, pensões e o Benefício de Prestação Continuada (BPC) serão vinculados ao salário mínimo. O texto final será apresentado formalmente nesta quarta-feira 19, o que abre margem para novas alterações.

+ sobre o tema

Após ser eliminado por fraude nas cotas raciais, candidato ganha causa e é nomeado diplomata em vaga para negros

Após ser barrado em uma comissão, por não apresentar características...

PMs são acusados de bater e forjar flagrante

Por: Office boy e ajudante geral dizem ter apanhado...

Extrema pobreza reduz 63,3% nos últimos dez anos

Só em 2012, foram 1 milhão de pessoas que...

O quociente eleitoral e partidário. Em quem mesmo você votou ??? – Por: Rodnei Jericó

Em nosso sistema eleitoral à escolha do representante do...

para lembrar

Exposição Povos Indígenas no Brasil

Exposição Povos Indígenas no Brasil, sobre 34 etnias indígenas,...

Sobre médicos e monstros

O País amanheceu estarrecido, após a morte de Dona...

Deixe seu filho longe desse ódio todo

Salvem o Gui. Salvem nossos filhos Por RITA LISAUSKAS, do Estadão Quando...

Obama lança campanha para reeleição em 2012

O presidente norte-americano, Barack Obama, lançou sua campanha para...

Fim da saída temporária apenas favorece facções

Relatado por Flávio Bolsonaro (PL-RJ), o Senado Federal aprovou projeto de lei que põe fim à saída temporária de presos em datas comemorativas. O líder do governo na Casa, Jaques Wagner (PT-BA),...

Morre o político Luiz Alberto, sem ver o PT priorizar o combate ao racismo

Morreu na manhã desta quarta (13) o ex-deputado federal Luiz Alberto (PT-BA), 70. Ele teve um infarto. Passou mal na madrugada e chegou a ser...

Equidade só na rampa

Quando o secretário-executivo do Ministério da Justiça e Segurança Pública, Ricardo Cappelli, perguntou "quem indica o procurador-geral da República? (...) O povo, através do seu...
-+=