Seppir reúne governo, organizações internacionais e sociedade civil para debater comunicação e racismo

Discussões devem contribuir para o combate ao racismo e construção da democracia no Brasil

O Seminário Diálogos: Democracia e comunicação sem racismo, por um Brasil afirmativo, promovido pela Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial da Presidência da República (Seppir-PR), teve o objetivo de contribuir para que o país alcance uma comunicação mais plural e democrática, a partir de medidas que fortaleçam as mídias negras. O evento reuniu especialistas, profissionais e ativistas de comunicação, jornalistas, organizações da sociedade civil, representantes de veículos, governo e organizações internacionais durante dois dias (29 e 30/05), em Brasília, num fórum de debates.

No primeiro dia de discussões, estiveram em pauta as contribuições já existentes, análise e dados históricos sobre algumas das primeiras iniciativas de comunicação negra no Brasil e, ainda, a forma de participação e representação da população negra na mídia brasileira. Em debate, ainda, o espaço para os profissionais negros e modos de veiculação de assuntos pertinentes à maioria da população nos veículos da mídia hegemônica.

Além da apresentação de palestras, formato mais tradicional, o evento permitiu a troca de opiniões no formato de rodas de conversa, em que os participantes sentados em círculo tiveram oportunidade de fala a partir de breves explanações de convidados. Nessa dinâmica, também foram apresentados produtos de organizações presentes como a revista O Menelik 2º Ato, pelo jornalista Nabor Jr. e vídeos do vlog Tá bom pra você?, pelo ator e diretor Érico Brás.

Nesta sexta-feira entrou em discussão o conjunto de possibilidades do que pode ser feito para combater o racismo na mídia. No fórum, foram discutidas estratégias e desafios encarados por veículos e profissionais; o combate ao racismo no âmbito da Comunicação Pública, abrangendo imprensa, patrocínio e publicidade.

O seminário se encerra com dois debates: a relevância das mudanças necessárias na formação de profissionais de comunicação para que haja alteração do quadro atual e aspectos da justiça relacionados com o racismo na televisão brasileira.

Comunicação Social

Secretaria de Políticas para as Mulheres – SPM
Presidência da República – PR

Fonte: SPM GOV

+ sobre o tema

Para especialistas, mídia estimula e deve responder por ações de justiceiros

Sociólogo Lalo Leal argumenta que a excessiva repetição "dessas...

Uma grata surpresa vinda da imprensa alemã.

por Rogério Maestri Ao procurar a reação da imprensa internacional...

Jair de Souza: Por que ficamos à mercê da rede Globo?

Por que ficarmos à mercê da rede Globo? por Jair...

‘O Abutre’ e a regulação da mídia: onde travar o debate?

O novo ministro das Comunicações, Ricardo Berzoini, não perdeu...

para lembrar

O ‘ódiojornalismo’ segundo a nova secretária de Cidadania e Diversidade Cultural

vana Bentes, professora e pesquisadora da UFRJ, foi convidada...

A corajosa bordoada de uma jornalista da TV alemã no discurso de ódio da direita. Por Kiko Nogueira

A âncora Anja Reschke brilhou, como se falava antigamente...

O silêncio da mídia diante da denúncia de golpe do fotógrafo brasileiro ganhador do Pulitzer

Dez dias atrás, o fotógrafo Mauricio Lima foi festejado pelos grandes meios...

Hillary Clinton muda rotinas eleitorais e reduz poder dos jornais

Jornais perdem espaço na publicidade eleitoral nos Estados Unidos Por...
spot_imgspot_img

STF volta a proibir a apreensão de menores sem o devido flagrante nas praias do Rio

Após audiência realizada na manhã desta quarta-feira, em Brasília, o STF determinou que o Estado do Rio de Janeiro e o município do Rio se abstenham de apreender e...

Adolescente denuncia mulher por agressão e injúria racial em Rio Preto

Um adolescente de 13 anos denunciou ter sofrido injúria racial e ter sido esganado por uma mulher após discutir com o genro dela, em São...

Protocolo negro

Quem é negro costuma cumprir um protocolo ao colocar o pé na rua. Inclui jamais sair sem um documento; não ir ao supermercado com...
-+=