sexta-feira, setembro 25, 2020

    Tag: aposentadoria

    Adobe

    Mulher, Nordestina, neta de índia e apesar do País, não desiste nunca!

    Ela começa mais um dia pensando o que fazer para dar certo na sua independência financeira. Mulher, descendente de índio (avó paterna era índia, Matilde Ana do Espírito Santo – sobrenome católico, como de costume ao catequizá-los) e Assistente Social, formada há 2 anos e meio mas sem oportunidade de exercer a profissão. Tentando entender como funciona a máquina giratória da vida de uma mulher de meio século… Por Silene Vasconcelos de Farias, enviado para o Portal Geledés  Adobe É, isso não se aprende na escola…Isso não se aprende com ninguém…A mulher vai vivendo e aprendendo… Vendo a realidade nua e crua ficamos ainda mais confusos… No país onde agora se aposenta com 60 % de tudo que você contribuiu a vida toda e por longos anos, uma mulher como ela que, começou a trabalhar ( formalmente), “tarde”, não tem critérios para se aposentar porque ainda não ...

    Leia mais
    blank

    Por conta da informalidade, empregadas domésticas já têm dificuldades em se aposentar

    Reforma da Previdência, que aumenta tempo de contribuição e idade mínima para receber benefício, vai afetar categoria Por Camila Rodrigues da Silva Do Themis A empregada doméstica Margareth Geralda Oliveira, a sete anos da aposentaria, vê com preocupação a reforma da Previdência, que caminha na Câmara dos Deputados sob a forma da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 287. Ela, que começou a trabalhar aos 13, acredita que os 25 anos de contribuição para o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) exigidos na proposta do governo federal vai ser ainda mais difícil de serem comprovados. Aos 53, ela calcula ter contribuído por somente 15 dos 40 anos que trabalha. De 2003 a 2014, segundo dados do Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNADC), do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o contingente de domésticas sem carteira assinada que contribuíam para o INSS aumentou de 8% para 23% no período. Ainda assim, a ...

    Leia mais
    blank

    Economista francês: Reforma da previdência de Temer está na contramão do mundo

    Economista e chefe do Ministério do Trabalho da França, Thomas Coutrot disse que a reforma da Previdência proposta pelo governo de Michel Temer acontece num momento em que o mundo repensa os modelos de austeridade; "Todas as reformas da aposentadoria que tiveram lugar no mundo inteiro, na Europa, principalmente nos últimos anos, tiveram o mesmo objetivo: reduzir os custos salariais porque a Previdência é financiada através de encargos sociais. Hoje em dia, o próprio FMI e a OCDE dizem que a questão da redução da massa de salários foi longe demais, houve um aumento muito grande das desigualdades sociais e agora isto cria dificuldade para o próprio crescimento econômico". Fonte: Brasil 247 Da Rádio França Internacional - Thomas Coutrot é economista e chefe do departamento de Condições de Trabalho e Saúde do Ministério do Trabalho da França. Ele comenta nesta entrevista a proposta de reforma da aposentadoria no Brasil, enviada ...

    Leia mais
    blank

    Governo fecha proposta da Previdência com idade mínima de 65 anos, diz TV Globo

    O governo do presidente Michel Temer vai propor idade mínima de 65 anos para aposentadoria para homens e mulheres, nos serviços público e privado, afirmou nesta quinta-feira o ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, em entrevista ao Jornal Nacional, da TV Globo. Do Uol A proposta, segundo a reportagem, já está fechada e o governo está analisando apenas quando irá encaminhá-la ao Congresso Nacional. "O primeiro sistema previdenciário, de 1934, do governo do presidente (Getúlio) Vargas, a idade mínima (de aposentadoria) era de 65 anos. Lá, a expectativa de vida era de 37 anos. Hoje, queremos idade mínima de 65 anos, com expectativa de vida de 78 anos", afirmou Padilha em entrevista à TV Globo. A regra valerá para todas as pessoas com menos de 50 anos. Quem tem acima desta idade permanece na regra atual, mas teria que pagar um 'pedágio' proporcional ao período que falta para se aposentar, ...

    Leia mais
    blank

    Previdência: mexer com ela trará danos sociais dramáticos

    Para a economista Laura Tavares Soares, aumento da idade mínima para aposentadoria não será apenas injusto para quem contribui desde adolescente. Trará consequências sociais dramáticas Por Maurício Thuswohl Do Rede Brasil Atual Laura Tavares Soares faz parte de um grupo de economistas que enviou, em abril, uma carta ao Supremo Tribunal Federal pedindo empenho contra a tentativa de golpe no Brasil. Além de condenar a ruptura com a democracia traduzida no afastamento da presidenta Dilma Rousseff, ela lamenta que o governo interino de Michel Temer, qualificado como "usurpador" e "ilegítimo", esteja tentando impor "políticas regressivas" no que diz respeito às conquistas dos trabalhadores e da população de baixa renda. Especialista em estudos sobre Previdência Social e desigualdade social, professora aposentada da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e professora investigadora da Faculdade Latino-Americana de Ciências Sociais (Flacso), Laura afirma que uma eventual desvinculação dos benefícios da Previdência, sobretudo as aposentadorias, ...

    Leia mais
    blank

    Reforma da Previdência: governo quer limitar acúmulo de aposentadoria e pensão por morte

    A reforma da Previdência, que mudará as regras de acesso a benefícios concedidos pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), deverá restringir o acúmulo de pensão por morte e aposentadoria pagos a um mesmo segurado. A ideia, segundo uma fonte ligada ao grupo que trata do tema, é manter a concessão dos dois, limitando, porém, o valor de um dos pagamentos. A mudança seria da seguinte forma: caso tenha dois benefícios pagos pelo INSS (uma aposentadoria decorrente de seu trabalho e uma pensão pela morte do cônjuge ou do companheiro, por exemplo), uma segurada ficaria automaticamente com o de maior valor e, o segundo, seria pago com uma redução entre 30% e 60%. Por Bruno Dutra Do Extra A proposta inicial seria não permitir o acúmulo de forma alguma, mas isso dificultaria a aprovação do texto no Congresso Nacional. O percentual de redução do segundo pagamento, porém, ainda não é consenso ...

    Leia mais
    blank

    Oito em cada dez brasileiros serão afetados por reforma da Previdência

    Oito em cada dez trabalhadores (os mais jovens) deverão ser plenamente atingidos pela reforma da Previdência, sem direito a regras de transição. Entre diversas mudanças previstas, o governo quer aumentar a idade mínima de aposentadoria para 65 anos. Quem já está há muitos anos na ativa também terá que contribuir mais, mas a exigência será menor, para não prejudicar tanto esse trabalhador. Os tratamentos, portanto, serão diferentes, segundo a faixa etária. Quem tem menos de 50 anos será mais afetado. Do Extra — A população em idade ativa vai de 15 a 64 anos (142,4 milhões de pessoas). Se a mudança vai afetar mais quem tem até 50 anos (114,8 milhões), é só ver a representatividade desse grupo no total: então, oito em cada dez brasileiros serão (plenamente) atingidos pela reforma — disse o economista Paulo Tafner, de acordo com os dados da população brasileira, do IBGE de 2013. Para ...

    Leia mais
    Foto: Marta Azevedo

    Aposentadoria desejada

    As características da sociedade brasileira precisam ser consideradas no debate sobre reforma da Previdência Por Flávia Oliveira  , do O Globo  Foto: Marta Azevedo A aguda crise econômica que, em um ano, ceifou 1,634 milhão de ocupações no país não tirou dos brasileiros a confiança no sistema previdenciário. Levantamento exclusivo do IBGE mostra que a proporção de trabalhadores que contribuem para o INSS não diminuiu com a recessão. Pelo contrário, aumentou. No primeiro trimestre de 2015, 64,9% da população ocupada pagavam a previdência oficial. Um ano depois, entre janeiro e março deste ano, o percentual passou a 65,7%. Os dados impõem que o debate sobre reforma da previdência — prioridade declarada do presidente interino, Michel Temer — seja amplo, claro e com intensa participação da sociedade. Com base nos resultados da Pnad Contínua, a pesquisa que acompanha o mercado de trabalho nacional, o IBGE analisou o perfil das ...

    Leia mais
    blank

    Governo planeja unificar idade para aposentadorias de homem e mulher

    A proposta de reforma da Previdência que o governo elabora prevê a unificação, no longo prazo, de todos os regimes de Previdência. As regras serão as mesmas para homens e mulheres, trabalhadores urbanos e rurais, do setor público e do privado. no Folha O objetivo é fazer uma transição "lenta e gradual" ao longo de 20 ou 30 anos. A Folha apurou que a ideia é não mudar a regra para quem está próximo da aposentadoria. Os demais trabalhadores já em atividade e os que entrarem no mercado depois das mudanças serão afetados, ainda que em parte. A proposta de reforma da Previdência que o governo elabora prevê a unificação, no longo prazo, de todos os regimes de Previdência. As regras serão as mesmas para homens e mulheres, trabalhadores urbanos e rurais, do setor público e do privado. O objetivo é fazer uma transição "lenta e gradual" ao longo de 20 ou ...

    Leia mais
    Foto: Toni Pires

    Aposentado aos 37 anos, FHC considera ‘razoável’ valor que recebe

    Valor da aposentadoria de FHC pela USP está acima do teto permitido por lei. Quando foi Presidente da República, uma de suas declarações mais polêmicas foi a respeito dos aposentados, a quem chamou de "vagabundos" No Pragmatismo Político  Foto: Toni Pires No dia 12 de maio de 1998, ainda em seu primeiro mandato, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso deu sua declaração mais polêmica. “Fiz a reforma da Previdência para que aqueles que se locupletam da Previdência não se locupletem mais, não se aposentem com menos de 50 anos, não sejam vagabundos em um país de pobres e miseráveis“, disse ele . FHC, no entanto, foi aposentado como professor catedrático da USP em 1968, aos 37 anos, pelo regime militar. Recentemente, sua pensão, de R$ 22,1 mil mensais, apareceu numa lista de vencimentos superiores ao teto permitido por lei. Ontem, ao participar de um evento na ...

    Leia mais
    blank

    Idosas viram prostitutas para sobreviver na Coreia do Sul

    Houve um tempo em que os coreanos veneravam os mais velhos e viviam suas vidas na certeza de que, um dia, quando eles próprios fossem velhos, seriam cuidados pelos filhos. Por:Lucy Williamson Hoje, os tempos são outros. Muitos dos que trabalharam duro para construir a economia da Coreia do Sul descobriram que as novas gerações têm outras prioridades. Como resultado, muitas mulheres idosas estão apelando para a prostituição como forma de sobreviver Kim Eun-ja passa o tempo sentada nos degraus da estação Jongno-3, do metrô de Seul. Aos 71 anos, ela usa batom vermelho berrante e casaco da mesma cor. E segura uma sacola grande. Kim é uma entre várias idosas coreanas que ganham a vida vendendo pequenas garrafas que contêm uma bebida chamada Bacchus, um energético muito em voga entre homens coreanos. Mas muitas vezes não é só a bebida que essas mulheres vendem. Algumas também vendem sexo. "Você ...

    Leia mais
    blank

    Ultrapassando as soleiras da velhice com saúde e autonomia

    Envelhecer, em si, não tem sido problema, apenas uma espera que encarei com naturalidade e amando meus cabelos brancos, como falei em “O poder grisalho é só para quem tem coragem e teimosia” (O TEMPO, 2.11.2010). Não crendo no elixir da juventude e na contramão da uma sociedade obcecada pela eternização da juventude, vi a velhice chegar com serenidade e sensibilidade pela sofrença de pessoas idosas com doenças e perda da autonomia, meu único temor como “mulher difícil”– que manda na própria vida (“Difíceis, empoderadas e felizes”, O TEMPO, 31.5.2006). Como médica, sei dos significados da velhice dependente de cuidados. Por alto, elenco algumas crônicas que garatujei abordando o tema: “Cuidadora familiar” (4.2.2004); “Um pacto civilizatório para os cuidados na infância e na velhice” (13.3.2012); “Infância e velhice descuidadas atestam descaso e crueldade” (20.3.2012); e “A velhice maltratada, roubada, abandonada e vilipendiada” (15.1.2013). Todas publicadas em O TEMPO. Todavia, nenhuma ...

    Leia mais
    blank

    Barbosa deve anunciar aposentadoria no plenário do Supremo ainda nesta quinta-feira

    Ministro comunicou aos presidentes do Senado e da Câmara, Renan Calheiros e Henrique Alves, que deixará o tribunal Por: Carolina Brígido BRASÍLIA - O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa, passou nesta quinta-feira pela Senado e pela Câmara dos Deputados para anunciar sua aposentadoria aos presidentes das duas casas. Barbosa comunicou ao senador Renan Calheiros (PMDB-AL) que deixará o tribunal. Depois, ele conversou com o presidente da Câmara, Henrique Eduardo Aves (PMDB-RN). Segundo Alves, Barbosa disse que agora “vai se dedicar à vida privada”. O ministro deve fazer um pronunciamento nesta quinta-feira na abertura da sessão plenária do Supremo. Há meses ele vinha deixando claro sua intenção de se aposentar até o fim deste ano. - Ele (Joaquim) disse que vai deixar o STF. Nos comunicou que a visita era para se despedir. Sentimos muito porque é uma das melhores personalidades do país. Estamos muito tristes - disse ...

    Leia mais
    Policial mulher passa a ter aposentadoria especial

    Policial mulher passa a ter aposentadoria especial

    A presidente Dilma Rousseff sancionou a lei que reduz para 25 anos o tempo mínimo de contribuição para que mulheres policiais obtenham aposentadoria. A sanção presidencial foi publicada nesta sexta-feira (16) no "Diário Oficial da União". O texto já havia sido aprovado pela Câmara e pelo Senado. O benefício, segundo o Ministério da Previdência, vale para policiais civis, policiais da Polícia Rodoviária Federal e policiais federais. De acordo com a deputada Alice Portugal (PCdoB-BA), cerca de 4 mil mulheres serão beneficiadas. A lei passa a vigorar a partir desta sexta, data de publicação.       Fonte: GGN

    Leia mais
    dona de casa

    Aposentadoria para donas de casa por R$ 27,25 sai em outubro

    Brasileiras com renda de até R$ 1.090 vão pagar 5% do salário mínimo ao INSS; veja regra O INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) prepara o código de recolhimento especial para que donas de casa passem a contribuir com menos dinheiro para se aposentar por idade (60 anos). Conforme apurou o R7, a expectativa da Previdência Social é que a partir de outubro as interessadas possam pagar apenas 5% sobre o salário mínimo (R$ 545), o que, atualmente, custaria R$ 27,25 ao mês – abaixo, acompanhe todas as regras para adesão ao programa. Com esse valor, além da aposentadoria, a segurada garante a cobertura previdenciária, o que inclui benefícios como auxílio-doença, salário-maternidade e licença-saúde. A família também receberá pensão em caso de morte da contribuinte. Antes, autônomos, categoria que incluía donas de casa, pagavam 11% sobre o salário mínimo (R$ 59,95) ao mês para contarem com os benefícios previdenciários. A ...

    Leia mais
    Vontade de nada, mudanças na vida e cada pecado uma árvore

    SPC, SERASA e ajuda financeira aos capitalistas falidos

    Sérgio Martins Quem de nós, pessoas comuns, já não passou pela via crusis para retirada do nome dos serviços de restrição ao crédito, as famosas listas do SPC e SERASA, que nos tiram o sono e causam muitos incômodos. A coisa é tão séria que a cada ano que passa o pedido na passagem de um ano para o outro, é a saída dos cadastros negativos. Além disso, nos tornamos reféns de diversos atores que acabam por formar um emaranhado de dívidas e compromissos, o tal do limite do cheque especial, o agiota, a aposentadoria da mãe, os empréstimos com familiares. O engraçado é que de vez em quando, aparece um matemático de economia doméstica ensinando pela TV, a fórmula mágica para evitar o acúmulo de dívidas e a saída do vermelho. Eles têm sempre uma solução o chamado planejamento baseado no orçamento familiar, ou seja, não gastar mais do ...

    Leia mais

    Últimas Postagens

    Artigos mais vistos (7dias)

    Twitter

    Welcome Back!

    Login to your account below

    Create New Account!

    Fill the forms bellow to register

    Retrieve your password

    Please enter your username or email address to reset your password.

    Add New Playlist