Tag: eleições

    Obama e Biden.JONATHAN ERNST / REUTERS

    “Essa crise mostrou que um bom Governo importa, que eleições importam”, diz Obama ao endossar Biden

    Após um ano em absoluto silêncio durante as primárias, ex-presidente pede voto nome que enfrentará Trump Por PABLO XIMÉNEZ DE SANDOVAL, do El País Obama e Biden (Foto:.JONATHAN ERNST / REUTERS) O ex-presidente Barack Obama declarou nesta terça-feira seu apoio público ao ex-vice-presidente Joe Biden para ser o candidato democrata à Casa Branca nas eleições de novembro. Com o apoio de Obama, fecha-se definitivamente o círculo um processo interno de primárias que começou há um ano com mais de 20 aspirantes e cujo debate girou em torno da renovação de ideias e rostos do partido perante o establishment. O pronunciamento de Obama, que guardou um escrupuloso silêncio durante todo o processo, chega um dia depois de o principal rival de Biden, o senador Bernie Sanders, lhe desse seu respaldo inequívoco em um vídeo conjunto. Na mensagem de Obama, também emitida em vídeo, o ex-presidente apela diretamente ...

    Leia mais
    blank

    Eleições nos EUA: líder dos direitos civis sugere que chapa presidencial deve ter mulher negra como vice

    Congressista, parceiro de Martin Luther King Jr e ícone dos direitos civis nos Estados Unidos, John Lewis afirmou, na última terça-feira, (07), que Joe Biden, candidato democrata à presidência, deveria escolher uma mulher negra para ser sua companheira de chapa. Do Noticia Preta (Foto: Tom Williams/CQ-Roll Call via Getty Image) Lewis anunciou seu apoio formal a Biden, dando uma injeção de ânimo ao provável candidato progressista. Segundo a CBS, Lewis afirmou que Joe deveria pensar nos anseios dos seus eleitores e que seria uma boa escolha ter uma mulher negra para a vice-presidência. “Acho que o Biden deve olhar para seu eleitorado, e seria bom ter uma mulher de cor na sua chapa. Seria bom ter uma mulher que se pareça com o resto da América, inteligente, talentosa, lutadora, guerreira” afirmou a jornalistas. Joe Biden entrou para a história em 2008 quando fez parte da chapa ...

    Leia mais
    Divulgação/ Nossa Cara Pré-candidatura coletiva Nossa Cara, de Fortaleza, é composta apenas por mulheres negras Fonte: undefined - iG @ https://ultimosegundo.ig.com.br/politica/2020-02-15/conheca-as-mulheres-negras-que-disputarao-eleicoes-municipais-no-nordeste.html

    Mulheres negras do Nordeste se preparam para disputar eleições municipais em 2020

    Um equívoco que as mulheres negras querem evitar é a ideia de que todas são iguais. Parece óbvio, mas não é. A tentativa de homogeneizar também é uma ferramenta do racismo e do machismo: serve para apagar a diversidade de experiências econômicas, sociais, de locais de origem, sexualidade e gênero que marcam as trajetórias de mulheres negras – e de todos os seres humanos. Por Débora Britto, do Marco Zero Conteúdo No país, as mulheres negras são 55,6 milhões. Na composição da Câmara Federal, entretanto, em 2018 foram eleitas 13 parlamentares negras de um total de 513 vagas. A diversidade, portanto, precisa ser celebrada como potencialidade. Essa é uma das ideias que defendem as mulheres, movimentos e organizações que participaram do Fórum Nordeste Mulheres Negras e Poder, que aconteceu no Recife e Olinda, em Pernambuco, entre 6 e 8 de fevereiro. O evento reuniu 100 mulheres e pré-candidatas nordestinas para ...

    Leia mais
    Vilma Reis, nome e sobrenome para que o racismo não coloque apelido, como bem ensinou Lélia Gonzales. (Foto: Lúcio Távora/Ag. A)

    Pré-candidata do PT à Prefeitura de Salvador, Vilma Reis intensifica defesa de pautas da esquerda e realização de prévias

    Além de figuras políticas, socióloga tem recebido apoio de diferentes setores da sociedade, como da escritora Conceição Evaristo e da cantora Luedji Luna Do Brasil 247 Vilma Reis (Foto: Lúcio Távora/Ag. A) A socióloga Vilma Reis, primeira a lançar seu nome como pré-candidata do Partido dos Trabalhadores à Prefeitura de Salvador, em 02 de julho de 2019, dentro das celebrações da maior data cívica da Bahia, mantém firme sua intenção de disputar o poder executivo da cidade mais negra do Brasil. “Temos profundo respeito às lideranças do nosso partido, como o governador Rui Costa e o senador Jaques Wagner, mas não é a posição de uma ou duas lideranças que vai definir quem será o candidato. Tem que ser uma decisão das instâncias partidárias, da base deste partido, que é comprometido com os valores democráticos”, defende Vilma Reis. Com mais de três décadas dedicadas à militância ...

    Leia mais
    Reprodução/Facebook

    “Ele não quer ela…”

    Boa parte de setores da esquerda tem acompanhado com grande expectativa a indicação do PT baiano à prefeitura de Salvador. Por Carla Liane N. dos Santos*, do Probus Reprodução/Facebook A estratégia de pulverizar candidaturas, sobretudo de mulheres negras, pode esconder a real pretensão do Partido dos Trabalhadores para esta cidade. Os últimos burburinhos apontam para a escolha e a indicação da candidatura da Major Denice Santiago, mulher negra com importantes serviços prestados à população baiana, agente importante no combate ao feminicídio e à violência contra as mulheres. A pergunta que não quer calar é: por que a escolha da major, se havia uma outra candidatura, com maior protagonismo e participação social, encabeçada por Vilma Reis, socióloga, militante histórica do movimento de mulheres negras, com uma destacada experiência como ouvidora geral do Estado? Por que não ela? Será que se esperava mesmo a indicação de Vilma Reis ...

    Leia mais
    Vilma Reis ou Fabya Reis podem ser a primeira mulher negra candidata na capital baiana pelo Partido dos Trabalhadores / Foto: Agência PT

    Campanha por pré-candidaturas negras ganha força em Salvador

    Capital baiana tem a maior população negra fora da África; PT discute disputa internamente Por Igor Carvalho, do Brasil de Fato Vilma Reis ou Fabya Reis podem ser a primeira mulher negra candidata na capital baiana pelo Partido dos Trabalhadores. (Fotos: José Eduardo Bernardes/Brasilde Fato/Mateus Pereira/GOVBA) Em 2019, Salvador, município com a maior população negra fora da África, viu ganhar força o movimento “Eu quero ela”, que reivindica a escolha de uma candidata negra para a disputa da Prefeitura nas eleições deste ano. A campanha foi impulsionada dentro do PT após surgirem três postulantes negros ao cargo: a socióloga Vilma Reis, o vereador soteropolitano Moisés Rocha e, mais recentemente, Fábya Reis, secretária de Igualdade Racial do governo da Bahia. Também lançaram pré-candidaturas o deputado federal Robinson Almeida (PT-BA) e o ex-ministro da Cultura Juca Ferreira, recém-saído da Secretaria de Cultura de Belo Horizonte, onde trabalhou para ...

    Leia mais
    blank

    Fundos eleitorais: candidatos brancos receberam valor 12 vezes maior do que negros

    O mito da democracia racial Veja como, até quando o assunto é financiamento eleitoral, há uma clara e gritante diferença entre brancos e negros no Brasil. Quanto aos fundos especial e partidário, por exemplo - o partido recebe sua parte e decide quanto dela vai para a campanha de cada candidato. por Ancelmo Gois no O Globo Congresso Nacional | Daniel Marenco No Rio, cada postulante a deputado federal homem branco recebeu em média, dos dois fundos, R$ 113 mil. Cada mulher branca, R$ 107 mil; mulher negra, R$ 59 mil, e homem negro... R$ 9 mil. Segue... Ou seja: no Rio, candidatos à Câmara homens brancos receberam, dos fundos especial e partidário, 12 vezes mais do que homens negros, e duas vezes mais do que mulheres negras. Os dados estão na nova ferramenta que o Movimento Transparência Partidária lança na segunda, agora, no evento “Onde ...

    Leia mais
    Crédito: Lucas Rodrigues / Catraca Livre

    Dicas de segurança para as manifestações do dia 29 e também telefones de Defensoria Pública de algumas cidades pelo país

    Protesto acontece neste sábado, 29, em mais de 100 cidades no Brasil e também em alguns países pelo mundo com informações do Catraca Livre Crédito: Lucas Rodrigues / Catraca Livre 1. Leve um documento de identidade e celular carregado; 2. Vá e volte em grupo no transporte público e, durante o ato, procure ficar sempre em grupo; 3. Não provoque e não responda a provocações: convide suas companheiras para cantar ainda mais alto os gritos de ordem; 4. Planeje pontos de encontro com suas amigas; 5. Não corra; 6. Se estiver com crianças, fique nas pontas, não no meio da passeata; 7. Ajude idosos, pessoas com deficiência e quem mais precisar; 8. Anote um telefone de emergência no corpo; 9. Veja a previsão do tempo da sua cidade: se estiver sol ou calor, não esqueça o protetor solar e o chapéu; se a previsão for de ...

    Leia mais
    Brasília - Mulheres fazem manifestação por direitos iguais, contra o racismo e contra a violência, na Esplanada dos Ministérios (Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

    #EleNão: Por que devemos ir nos protestos do dia 29?

    "Temos o dever de nos indignarmos e combatermos atitudes que colocam em risco as nossas conquistas", diz advogada por por Anô[email protected] no AzMina Brasília - Mulheres fazem manifestação por direitos iguais, contra o racismo e contra a violência, na Esplanada dos Ministérios (Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil) Philip Zimbardo, psicólogo e professor da universidade de Stanford, EUA, estuda um fenômeno ao qual ele deu o nome de “Efeito Lúcifer”. A pesquisa visa entender como e por que pessoas boas, normais, comuns, sem traços de psicopatia se tornam agressivas e doentiamente violentas. Ele produziu o experimento de aprisionamento Stanford (há um filme disponível na Netflix que retrata como se deu essa experiência), e posteriormente ele foi contratado pelo governo americano para atender e entender os soldados americanos que praticaram tortura durante a guerra no Iraque. Ele elenca três condições que criam um ambiente favorável para que esse fenômeno aconteça. ...

    Leia mais
    Marcos Santos/USP

    Infelizmente, é o que parece

    Em novo artigo, Dennis de Oliveira alerta: “Bolsonaro é o que parece. E as mulheres perceberam isto ao tomar a frente do grande movimento que vai as ruas no dia 29. Mais perigoso que Bolsonaro, é relativizá-lo” Por Dennis de Oliveira no Revista Fórum   O meu colega professor Pablo Ortellado tem um histórico de contribuição para o debate democrático na sociedade, particularmente na discussão sobre o papel das redes sociais, da emergência de novos movimentos sociais e de suas agendas. Entretanto, não posso deixar de manifestar minha discordância com as ideias que ele apresenta no artigo intitulado Não é o que parece, publicado na edição de 25/09/2018 da Folha de S.Paulo. O centro da argumentação do professor Ortellado é que Bolsonaro não pode ser classificado como um “fascista” ou “nazista” e sim como um “soldado” do que ele chama de “guerras culturais”. Por “guerras culturais”, Ortellado entende como este momento ...

    Leia mais

    Torcida Jovem do Santos lança manifesto contra Bolsonaro e a favor da democracia

    “As pautas apresentadas pelo candidato Bolsonaro - e demais candidatos com o mesmo alinhamento ideológico - são incompatíveis com as raízes da Torcida Jovem e não representam os interesses coletivos que sempre buscamos ao lado do povo e da massa santista”, diz o texto no Revista Fórum Foto- Reprodução:Facebook Torcida Jovem Depois que o presidente da torcida corintiana Gaviões da Fiel, Rodrigo Gonzalez Tapia, disse que “Gavião não vota em Bolsonaro”, outras torcidas resolveram encampar o protesto contra o presidenciável do PSL. Torcedores do Santos já haviam divulgaram, nesta quarta-feira (19), evento “Santistas contra Bolsonaro”, que acontece no próximo dia 29 de setembro, às 15h, no Largo da Batata, em São Paulo. Agora foi a vez da Torcida Jovem do Santos, que divulgou um manifesto, em sua página no Facebook, contra Jair Bolsonaro e a favor da democracia. Acompanhe a íntegra do texto: Manifesto Torcida Jovem ...

    Leia mais
    Foto: Eduardo Knapp/Folhapress

    Palmeirenses assinam manifesto contra o fascismo

    'Não podemos tolerar ameaça a instituições democráticas', diz texto assinado por coletivos de torcedores e nomes como Maria Gadú, Marco Ricca, João Gordo, Wilson Simoninha, Nicolelis e Belluzzo no Rede Brasil Atual Foto: Eduardo Knapp/Folhapress Depois de o jogador do Palmeiras Felipe Mello dedicar um gol ao candidato à Presidência Jair Bolsonaro (PSL), representante da extrema-direita, torcedores do clube paulista se organizaram contra o avanço de ideias fascistas. "Respeitamos a coexistência democrática de opiniões e posicionamentos políticos variados; mas não podemos tolerar a ameaça às instituições democráticas", afirmam, em manifesto. O gesto provocou reações de indignação de alguns coletivos de torcidas, como Palmeiras Antifascista e Palmeiras Livre, que também assinam o manifesto, ao lado de mais de 60 apoiadores listados até a tarde desta sexta-feira (21). O documento reforça a movimentação de outras torcidas que estão se declarando abertamente contra Bolsonaro. Foi o caso da Torcida ...

    Leia mais
    Imagem: Blog do Juca Kfouri / UOL

    “Gavião não vota em Bolsonaro”

    Rapaziada é o seguinte… não queria entrar no debate de política, mas o que estou acompanhando nas nossas redes sociais, de Gavião apoiar Bolsonaro – fez eu vir aqui pra passar um papo reto pra vocês… vocês aceitando ou não, eu como presidente dos Gaviões, tenho que passar o que a gente carrega na nossa ideologia dentro desses quase 50 anos de história. por Rodrigo Gonzalez Tapia (Digão) no Blog do Juca Imagem: Blog do Juca Kfouri / UOL Você que é associado dos Gaviões, sabe da história da sua Torcida? Você sabe que na nossa fundação, em 1969, vivíamos em plena Ditadura Militar? Você sabe que no período da nossa fundação tínhamos como principal objetivo derrubar um ditador dentro do nosso clube? Você sabe que os nossos fundadores sofreram muita opressão por levantar a bandeira em favor da democracia e dos direitos do povo? Sei ...

    Leia mais
    José Cruz / Agência Brasil

    Que pito foi esse?

    Este artigo se propõe analisar a partir da fala de Douglas Elias Belchior, pré-candidato a deputado federal pelo PSOL paulista como os partidos políticos brasileiros atuam e colaboram para a preservação da sub-representatividade da população negra brasileira no Legislativo. Por Osmar Teixeira Gaspar para o Portal Geledés  Foto: José Cruz / Agência Brasil O artigo se propõe demonstrar igualmente a utilidade de candidatos e eleitores negros como forma de destinação de benefícios eleitorais a certos candidatos mais ricos e brancos que sem votos suficientes para se tornarem parlamentares, estes se tornam dependentes dos resultados eleitorais insuficientes das candidaturas negras pobres e periféricas, as quais poderão ser lhes muito uteis por ocasião do computo final das urnas eleitorais. Nesta perspectiva, os partidos políticos por sua vez, visando auxiliar parte dos candidatos mais ricos e brancos, incentivam a proliferação das candidaturas negras econômica e financeiramente desestruturadas no interior das ...

    Leia mais
    Werther Santana/Estadão Conteúdo

    Pesquisa Ibope: Lula, 37%; Bolsonaro, 18%; Marina, 6%; Ciro, 5%; Alckmin, 5%

    Alvaro Dias tem 3%. Eymael, Boulos, Meirelles, Amoêdo têm 1% cada. Demais candidatos não atingem 1%. Levantamento foi feito entre os dias 17 e 19 e ouviu 2002 eleitores em 142 municípios. Do G1 Werther Santana/Estadão Conteúdo Pesquisa Ibope divulgada nesta segunda-feira (20) apurou os percentuais de intenção de voto para presidente da República em dois cenários com candidatos diferentes do PT – o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no primeiro cenário e o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad no segundo. Cenário com Lula No cenário que inclui como candidato do PT o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a pesquisa apresentou o seguinte resultado: Luiz Inácio Lula da Silva (PT): 37% Jair Bolsonaro (PSL): 18% Marina Silva (Rede): 6% Ciro Gomes (PDT): 5% Geraldo Alckmin (PSDB): 5% Alvaro Dias (Podemos): 3% Eymael (DC): 1% Guilherme Boulos (PSOL): 1% Henrique Meirelles (MDB): 1% João ...

    Leia mais
    blank

    Joyce Ribeiro vai ser a primeira mulher negra a mediar um debate presidencial em 68 anos

    Desde que assumiu o posto de principal âncora da TV Cultura, Joyce Ribeiro está quebrando paradigmas. Primeiro, a jornalista ganhou destaque ao se tornar a primeira mulher a comandar um programa jornalístico. Do Hypeness Imagem retirada do site Hypeness Agora, Joyce Ribeiro vai ser a primeira mulher negra a mediar um debate presidencial em todos os tempos. A informação foi confirmada pela própria Joyce em entrevista ao colunista Leo Dias. “Em 68 anos de TV no Brasil, ser a primeira mulher negra a ocupar essa posição é uma conquista muito grande”, celebrou. O debate com os presidenciáveis está marcado para 20 de setembro e vai ser transmitido pelas emissoras de inspiração católica do Brasil. A promoção é da CNBB, em parceria com a TV Aparecida. Marco importante para homens e mulheres negras, envolvidos ou não com comunicação, a presença de Joyce reforça o erro cometido por Silvio Santos. Depois de 12 anos de casa, a jornalista ...

    Leia mais
    blank

    Distribuição de recursos do fundo partidário no PSOL levanta debate sobre racismo na esquerda

    Douglas Belchior, liderança do movimento negro de São Paulo e candidato a deputado federal pelo PSOL, fez uma reclamação pública sobre a distribuição dos recursos do fundo partidário às candidaturas negras, que teriam menos apoio que as candidaturas brancas: "São os partidos de esquerda que devem inspirar a mudança" Por Ivan Longo Do Revista Fórum O candidato a deputado federal e liderança do movimento negro Douglas Belchior (Foto: Divulgação/Reprodução Facebook) Depois que o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu, em 2015, proibir as doações de empresas para campanhas eleitorais, o fundo partidário, composto de dinheiro público que é distribuído aos partidos políticos e outros recursos captados pelas legendas, passou a ter muito mais peso na construção de visibilidade de campanhas políticas. Dada a importância do fundo partidário, a distribuição destes recursos entre os candidatos gerou no PSOL de São Paulo um debate sobre o racismo. Douglas Belchior, ...

    Leia mais
    Arquivo Pessoal - UneAfroBrasil

    Manifesto de intelectuais defende candidaturas negras

    Abaixo-assinado é mais um capítulo da queda-de-braço entre o historiador Douglas Belchior e o PSOL Da Carta Capital  Belchior reclama de discriminação na campanha (Arquivo Pessoal - UneAfroBrasil) Mais de 200 intelectuais e acadêmicos assinaram um manifesto em defesa das candidaturas negras nas eleições de 2018 e em solidariedade ao historiador Douglas Belchior, pré-candidato a deputado federal pelo PSOL. O texto é mais um capítulo na disputa entre o candidato e o partido. Belchior acusa a legenda de discriminação, por, segundo sua avaliação, colocar sua campanha em segundo plano na estratégia eleitoral, com menos recursos e menos evidência. Dirigentes do PSOL negam. Assinado pelo professor Kabengele Munanga e o cineasta Joel Zito de Araújo, entre outros, o manifesto afirma ser “racista e machista o filtro que os partidos utilizam para dizer ao eleitorado quais candidaturas são relevantes”. O resultado, prossegue o abaixo-assinado, “é que a face que governa o País permanece ...

    Leia mais
    Marcello Casal Jr. / Agência Brasil

    Partidos políticos privilegiam a candidatura de homens brancos

    Pesquisas apontam para maior presença de candidatos brancos em momentos eleitorais e para maior investimento de recursos na campanha dessas figuras Texto / Pedro Borges, do Alma Preta   Foto: Marcello Casal Jr. / Agência Brasil Nas eleições de 2016, 58% das candidaturas às prefeituras municipais eram representadas por homens brancos. Enquanto isso, no outro extremo, 4% de mulheres não-brancas se lançaram ao posto. O material, proveniente de uma pesquisa do Grupo de Estudo Multidisciplinares da Ação Afirmativa (GEMAA), da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), é resultado de mapeamento das 400 mil candidaturas, de aproximadamente 30 partidos diferentes, para as eleições municipais daquele ano. Leci Brandão (PC do B), deputada estadual de São Paulo, acredita que o alto índice de brancos e a ausência de negros nesses espaços são reflexos do racismo presente na sociedade brasileira, que persiste em manter a comunidade negra fora dos espaços de poder. “Não é ...

    Leia mais
    blank

    Haddad: só em 2018 saberemos se o Brasil ainda cabe no figurino da República Velha

    Em artigo na revista Piauí, o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad diz que por trás do golpe parlamentar, o possível fim da Nova República; "O atual emparedamento de Temer coloca o país diante de um impasse, cujo desfecho ainda não é claro no momento em que concluo este texto. Só em 2018, se tudo der certo, saberemos se o Brasil do século XXI cabe no figurino da República Velha. Saberemos se o trabalhador que sentiu pela primeira vez a brisa ainda tênue da igualdade e da tolerância saberá prezá-la e cultivá-la", afirma Do Brasil247 O ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad escreveu artigo na revista Piauí em que faz uma retrospectiva política de sua carreira e permeia críticas ao sistema político, aos meios de comunicação e ao golpe parlamentar que alçou Michel Temer ao poder. "Um dos problemas do jornalismo no Brasil é a falta de regulação do mercado. ...

    Leia mais
    Página 1 de 9 1 2 9

    Últimas Postagens

    Artigos mais vistos (7dias)

    Instagram

    Twitter

    Facebook

    Welcome Back!

    Login to your account below

    Create New Account!

    Fill the forms bellow to register

    Retrieve your password

    Please enter your username or email address to reset your password.

    Add New Playlist