quarta-feira, julho 15, 2020

    Tag: Estados Unidos

    blank

    Senado dos EUA terá só uma mulher a mais em 2017

    Das 100 cadeiras, 21 serão ocupadas por mulheres no Senado dos EUA. A diversidade racial aumentou: haverá uma representante de origem latina, duas asiáticas e uma negra Por GABRIELA VARELLA, do Época  As eleições americanas trouxeram um pequeno avanço no número de mulheres no Senado em 2017. Das 100 cadeiras disponíveis, a equipe terá 21 senadoras – apenas uma a mais do que a composição atual. O destaque foi para o recorte racial de mulheres, que quadruplicou. A Casa contará com a primeira senadora latina, Catherine Cortez Masto, de Nevada. Kamala Harris, da Califórnia, consagrou-se como a segunda senadora negra da história do Senado. Mazie Hirono é a primeira senadora asiática, representando o Havaí. A segunda a ocupar o posto é a democrata Tammy Duckworth, de ascendência tailandesa. A paridade de gênero no âmbito político ainda caminha em passos lentos: há uma mulher para o grupo de quatro homens dentro do ...

    Leia mais
    blank

    Sesc-SP oferece curso sobre musicalidades do atlântico negro e cultura africana

    Estão abertas as inscrições para o curso Diásporas musicais centro-africanas e a formação das musicalidades do Atlântico, que será ministrado no Centro de Pesquisa e Formação do Sesc-SP, pelo historiador Rafael Galante. Tendo como eixo central uma discussão acerca da história social das musicalidades negras no espaço Atlântico, o curso tem por objetivo dar visibilidade a alguns elementos históricos das diásporas musicais centro-africanas, tendo em vista principalmente a importância central de seu legado cultural, artístico e filosófico para a formação das culturas musicais afro-americanas no amplo contexto histórico das afro-américas e especialmente no tocante aos processos de formação da maior parte das musicalidades afro-brasileiras do passado e do presente. no  GIRASP  O programa aborda as musicalidades e aspectos culturais de vários países entre eles Cuba, São Tomé e Príncipe, Angola, Moçambique, Brasil e Estados Unidos. Uma excelente oportunidade para músicos, artistas, educadores e todos que desejam ampliar seu repertório a respeito das diferentes culturas africanas, afro-brasileira ...

    Leia mais
    blank

    Aumenta procura de gays russos por asilo nos Estados Unidos

    Se tivesse ficado na Rússia, Andrew Mironov teria se estabelecido em um emprego estável numa companhia de petróleo, provavelmente com um recém-concluído doutorado em engenharia elétrica. Em vez disso, ele enfrenta um futuro incerto em Nova York como uma das dezenas de gays russos que buscam asilo nos Estados Unidos por causa da hostilidade e perseguição em sua terra natal. Por Paulo Minga no Radio Progresso No entanto, os sacrifícios valeram, diz o jovem de 25 anos, dado aos temores que emergiram depois que foi severamente espancado por vários assaltantes no saguão de um bar gay em sua cidade natal, Samara. - O que é mais importante, a felicidade ou sucesso? – questiona. – Eu diria que a felicidade. Eu não sinto medo aqui. Não há estatísticas exatas sobre o número de gays russos que estão pedindo asilo. Órgãos do governo americano que lidam com as aplicações não relatam detalhes. No entanto, ...

    Leia mais
    biden

    Filho mais novo de Joe Biden foi expulso da Marinha por uso de drogas

    O filho mais novo do vice-presidente dos EUA, Joe Biden, foi expulso da reserva da Marinha americana após testar positivo para cocaína em um exame de controle antidrogas, afirmou o jornal 'Wall Street Journal". Hunter Biden, um advogado de 44 anos, entrou para a Marinha em maio de 2013 e trabalhou em tempo parcial no Departamento de Relações Públicas de Norfolk, no estado da Virginia, em uma unidade da reserva. Em junho do ano passado, Hunter foi submetido a um exame antidrogas por consumo de cocaína que deu resultado positivo, o que levou à sua expulsão das Forças Armadas, disseram fontes ao "Wall Street Journal". O filho mais novo do vice-presidente, que sócio de uma companhia de investimento, disse estar profundamente arrependido e envergonhado. — Lamento profundamente e me envergonho que minhas ações tenham levado à minha demissão. Foi a maior honra da minha vida servir à Marinha dos EUA. ...

    Leia mais
    Nat King Cole

    Racismo contra Nat King Cole

    Vizinhos brancos perseguiram o cantor e sua família quando se mudaram para LA Nat King Cole, primeiro astro negro da música nos Estados Unidos, sofreu uma campanha de insultos racistas nas mãos de seus vizinhos brancos de Hollywood, segundo revela um documentário da BBC. O cantor foi alvo de meses de protestos contra sua família quando eles se mudaram para a área exclusiva de Hancock Park em Los Angeles. A maldade culminou com o envenenamento de seu cão e a destruição de seu gramado, onde escreveram a palavra "negroi". Cole tornou-se o primeiro negro a viver na vizinhança que tinha nomes como Howard Hughes, Katherine Hepburn e Mae West. A chegada dele com a família em 1948, provocou protestos não dos artistas mas de outros moradores - começando com uma batalha legal pela Hancock Park Property Owners Association para tentar impedi-lo de comprar a casa. Os esforços da associação falharam ...

    Leia mais

    Últimas Postagens

    Artigos mais vistos (7dias)

    Instagram

    Twitter

    Facebook

    Welcome Back!

    Login to your account below

    Create New Account!

    Fill the forms bellow to register

    Retrieve your password

    Please enter your username or email address to reset your password.

    Add New Playlist