quarta-feira, julho 8, 2020

    Tag: Paulo Freire

    O economista Ricardo Henriques, do Instituto Unibanco Foto: Marcos Ramos / Agência O Globo

    Educação em tempo de paixões tristes

    Críticas a Paulo Freire são fruto de obscurantismo Por Ricardo Henriques, da Folha de São Paulo O economista Ricardo Henriques, do Instituto Unibanco (Foto: Marcos Ramos / Agência O Globo) Vivemos tempos de paixões tristes. Inspirado no filósofo Baruch Spinoza (1632-1677), esse é o diagnóstico, feito pelo sociólogo francês François Dubet em seu novo livro “Le temps des passions tristes - Inégalités et populisme” (“O tempo das paixões tristes - Desigualdades e populismo”, em tradução livre). O regime de desigualdades múltiplas produziu na sociedade contemporânea um campo de ressentimento dos indivíduos e de baixo reconhecimento sobre a importância das lutas coletivas para enfrentar desafios de vulnerabilidade social existentes. Nesse contexto, observamos o aumento da xenofobia em diversos países europeus e do preconceito e exacerbação do racismo em sociedades como a brasileira, conectados à negação da história e a um certo saudosismo de momentos de obscurantismo na ...

    Leia mais
    Imagem retirada do site Hypeness

    Paulo Freire tem estátua na Suécia ao lado de Neruda e Angela Davis

    Quem não nasceu ontem por aqui sabe que o Brasil ama odiar seus mais importantes filhos da pátria. São diversos os exemplos de grandes brasileiros reconhecidos e celebrados em todo o mundo – menos por aqui. E nenhum outro nome é tão celebrado no mundo e, ao mesmo tempo, tão perseguido em seu próprio país como o educador Paulo Freire. Por Vitor Paiva, do Hypeness Imagem retirada do site Hypeness Além de ser reconhecido por lei como o Patrono da EducaçãoBrasileira e de ser o terceiro teórico mais citado em trabalhos acadêmicos no mundo, Paulo Freire é o brasileiro mais homenageado e laureado em todos os tempos, com mais de 35 títulos de Doutor Honoris Causa de universidades em todo o planeta. Por acreditar que as populações mais pobres e oprimidas poderiam e deveriam recuperar sua humanidade através da educação, em seu próprio país ele vem ...

    Leia mais
    blank

    Sérgio Haddad lança livro “O educador”, na Balada Literária 2019

    No Dia Mundial da Alfabetização (8 de setembro), Sérgio Haddad lança O EDUCADOR: UM PERFIL DE PAULO FREIRE, na Balada Literária 2019, Livraria da Vila da Fradique Coutinho, São Paulo. Às 12h30, Haddad e Madalena Freire, filha do educador, conversam com mediação de Claudiney Ferreira e Jéssica Balbino. Logo após, sessão de autógrafos com o autor. Via Facebook  Reprodução/Facebook • Sobre a Balada Literária: A Balada Literária é um evento que mescla literatura, música e outras artes. A edição 2019 homenageia Paulo Freire e acontece de 4 a 8 de setembro em São Paulo. Saiba mais sobre a programação: http://baladaliteraria.com.br/ • Sobre o livro: Em O EDUCADOR: UM PERFIL DE PAULO FREIRE, Sérgio Haddad revela as facetas de um intelectual inquieto, complexo e decisivo para a cultura brasileira, muito distante dos estereótipos brandidos por seus detratores. Do desenvolvimento de um método de alfabetização em 40 horas ...

    Leia mais
    Foto: Instituto Paulo Freire

    Paulo Freire deve ser “expurgado” da educação brasileira?

    Autor de Pedagogia do Oprimido é o terceiro pensador mais citado do mundo em universidades da área de humanas Do  Spbancarios Foto: Instituto Paulo Freire O obra de Paulo Freire, o mais célebre educador brasileiro, hoje é alvo de ataques políticos que, entre outras coisas, pregam que a sua “ideologia” deve ser “extirpada” da educação brasileira, sem que sejam explicitadas razões claras para isso, a não ser uma suposta "introdução do marxismo" nas escolas públicas. Mas quem é Paulo Freire e qual a sua importância para a educação?   Conhecido principalmente pelo método de alfabetização de adultos que leva seu nome, Paulo Freire acreditava que o objetivo maior da educação é conscientizar o aluno, levá-los a entender sua situação de oprimido e agir em favor da sua própria libertação. Ao propor uma prática educacional que possibilitasse desenvolver o senso crítico dos alunos, Freire se opunha ao ensino oferecido ...

    Leia mais
    blank

    Coletivo lança manifesto em defesa de Paulo Freire

    Veja o Manifesto do “Coletivo Paulo Freire por uma Educação Democrática” em defesa do legado do educador, bem como da manutenção de seu título como Patrono da Educação Brasileira. Do Campanha.org O Coletivo Paulo Freire por um Educação Democrática lança hoje um Manifesto em defesa do legado de Paulo Freire, bem como da manutenção de seu título como Patrono da Educação Brasileira. O grupo é encabeçado pela deputada federal Luiza Erundina (PSOL-SP), por Nita Freire (escritora, educadora e viúva de Paulo Freire) e Daniel Cara (coordenador geral da Campanha Nacional pelo Direito à Educação), além de instituições como a Campanha Nacional pelo Direito à Educação e o Instituto Paulo Freire. Lançado hoje, 16 de outubro de 2017, o Manifesto já conta com 400 assinaturas de cidadãs e cidadãos brasileiros e de países da África Lusófona e de Portugal, além de 81 entidades, organizações e movimentos. As senadoras petistas Fátima Bezerra (PT-RN) e Regina Sousa (PT-PI) apoiam o manifesto, além de educadoras e educadores como Lisete Arelaro, Vitor Henrique Paro, Moacir Gadotti, Ana Maria Saul, Miguel Gonzalez Arroyo, Jaqueline ...

    Leia mais
    blank

    Brincar é um ato revolucionário!

    A Ciranda Paulo Freire, realizada pelo Movimento dos Trabalhadores Sem Terra, alinha pedagogia com amor e carinho para levar aos sem-terrinhas o sentimento de 'pertença' pela terra por Agatha Azevedo, do Jornalistas Livres  Corda, bolinha de sabão, lanchinho e muito amor: esta é a definição da Ciranda do MST, que é conduzida com muito carinho pelo setor de Educação do Movimento. Elis Carvalho, da coordenação da Ciranda, a considera uma das tarefas mais importantes do Movimento, e conta como ela começou:  “As Cirandas infantis do MST são um espaço pedagógico e político que a gente forjou no sentido de garantir a participação dos pais e das crianças nas atividades no Movimento. As crianças sem terra sempre estiveram presentes desde o nascimento do movimento, desde o início da luta pela terra, então a gente teve que construir este espaço e pensar qual o lugar da infância no MST. Da experiência cubana ...

    Leia mais
    blank

    Carta Aberta do Grupo de Estudos e Pesquisas Paulo Freire

    Prezados(as), O Grupo de Estudos e Pesquisas Paulo Freire (GEPPF), registrado no CNPq, e localizado no Centro de Educação da Universidade Federal do Espírito Santo, foi constituído recentemente com o objetivo de empreender estudos e pesquisas, e também de construir um espaço dialógico sobre a obra freireana no Espírito Santo, tendo em vista realizar aquilo que o professor nos pediu em vida: mais que divulgar e/ou “aplicar” suas ideias, discutir e recriar sua obra. Por Maria Frô, do Revista Fórum  Imagem retirada do site: revistaforum.com.br Infelizmente, nosso primeiro ato oficial, depois da certificação institucional, não foi um evento, curso ou pesquisa, mas uma carta que altivamente busca defender Paulo Freire, sua obra e memória de injustas acusações de setores conservadores que, no âmbito da luta de classes (como não nos deixava esquecer, nem nos enganar), ousam atacar publicamente nosso mestre Paulo Freire, aproveitando-se das manifestações de 15/03/2015. ...

    Leia mais
    Paulo Freire (Foto: Arquivo/Instituto Paulo Freire)

    Não ‘basta de Paulo Freire’

    No meio de tantas faixas que apareceram na manifestação de 15 de março de 2015, uma delas chamou a atenção - acredito que não só a minha, porque muitas pessoas compartilharam a indignação. Nela estava escrito "CHEGA DE DOUTRINAÇÃO MARXISTA. BASTA DE PAULO FREIRE". Por Roberto Dalmo  Do Brasil Post Paulo Freire (Foto: Arquivo/Instituto Paulo Freire) Talvez as pessoas que escreveram tais dizeres não tenham ideia de que o governo está bem distante de realizar a educação dos ideais de Paulo Freire... Mas escrever frases de efeito em cartazes é direito de todos e, como não concordo com esse basta ao NOSSO Paulo Freire - educador mundialmente reconhecido -, trago meu cartaz de "QUEREMOS MAIS PAULO FREIRE NAS ESCOLAS". Eu o defendo com outras frases que poderiam facilmente ser escritas em cartazes e digo: o governo ainda está longe, mas é para um caminho de mais diálogo ...

    Leia mais
    Paulo Freire (Foto: Arquivo/Instituto Paulo Freire)

    Após faixa pedir um ‘basta de Paulo Freire’, ONU divulga mensagem aos que dispensam ensinamentos de Paulo Freire

    Em meio a uma coleção de faixas estapafúrdias que ilustraram uma parte dos protestos contra a presidente Dilma Rousseff (PT) neste domingo (15), uma chamou a atenção: “Chega de doutrinação marxista. Basta de Paulo Freire”. no Brasil Post  por Thiago de Araújo Paulo Freire (Foto: Arquivo/Instituto Paulo Freire) Reprodução/Tweeter Para quem não sabe, o pernambucano Paulo Freire foi um educador e filósofo brasileiro e que possui influência na educação não só no Brasil, mas em todo o mundo, tendo sido homenageado por instituições como Harvard, Cambridge e Oxford. Desde 2012, ele é considerado o Patrono da Educação Brasileira. Conhecido pela sua ‘pedagogia da libertação’, a qual estava relacionada a uma visão marxista do Terceiro Mundo, Freire foi preso durante a ditadura militar e teve a publicação de algumas de suas obras barrada pelo regime que durou 21 anos (entre 1964 e 1985) no Brasil. A ONU aproveitou a rejeição de ...

    Leia mais
    Verlagsgruppe Random House/Wikimedia Commons/Creative Commons

    Humanismo e esperança em Paulo Freire

    Em seu livro Meu Encontro com Marx e Freud, Erich Fromm examina detalhadamente o que chama de renascença da experiência humanística. É o que ele achou que ocorreria, depois de determinada trajetória histórica, no final do século XX. É a renascença, segundo ele, do humanismo, da emergência de um novo Ocidente que empregue seus poderes técnicos em prol do homem, ao invés de usar o homem como se fosse uma coisa. É a nova sociedade, na qual as normas para a realização do homem governarão a economia, ao invés de ser o processo social e político governado por interesses econômicos cegos e anárquicos. Por Flávio Pinto Vieira, do  Lauro Campos  Verlagsgruppe Random House/Wikimedia Commons/Creative Commons   Citei Fromm de propósito porque seu pensamento aparece freqüentemente na obra de Paulo Freire, o incomparável educador brasileiro. Fromm aparece ao lado de Jean-Paul Sartre, Simone de Beauvoir, Roger Garaudy, ...

    Leia mais
    Paulo Freire (Foto: Arquivo/Instituto Paulo Freire)

    Acervo digital disponibiliza toda a obra de Paulo Freire

    O Centro de Referência Paulo Freire, dedicado a preservar e divulgar a memória e o legado do educador, disponibiliza vídeos das aulas, conferências, palestras e entrevistas que ele deu em vida. A proposta tem como objetivo aumentar o acesso de pessoas interessadas na vida, obra e legado de Paulo Freire.  Paulo Freire (Foto: Arquivo/Instituto Paulo Freire)   Para os interessados em aprofundar os ensinamentos freirianos, o Centro de Referência também disponibiliza artigos e livros que podem ser baixados gratuitamente. Educação como liberdade Internacionalmente respeitado, os livros do educador foram traduzidos em mais de 20 línguas. No Brasil, tornou-se um clássico, obrigatório para qualquer estudante de pedagogia ou pesquisador em educação. Detentor de pelo menos 40 títulos honoris causa (concedidos por universidades a pessoas consideradas notáveis), Freire recebeu prêmios como Educação para a Paz (Nações Unidas, 1986) e Educador dos Continentes (Organização dos Estados Americanos, 1992). “Defendo a educação desocultadora de verdades. ...

    Leia mais
    Paulo Freire (Foto: Arquivo/Instituto Paulo Freire)

    Artigos: Pedagogia da Autonomia de Paulo Freire

    Pedagogia da Autonomia é uma das obras mais importantes do célebre educador Paulo Freire, sendo a última publicada em vida. Apresenta orientações a respeito da compreensão da prática docente enquanto dimensão social da formação do ser humano. Orienta para a necessidade do educador assumir a postura vigilante contra todas as práticas de desumanização. Para isso a auto-reflexão crítica e o saber-ser da sabedoria exercitados podem ajudar a realizar a leitura crítica das reais causas da degradação humana. Paulo Freire (Foto: Arquivo/Instituto Paulo Freire) Paulo Freire anuncia a solidariedade enquanto compromisso histórico de homens e mulheres, como uma das formas de luta capazes de propiciar e instaurar a ética universal do ser humano. A sensibilidade com que problematiza e conscientiza o educador aponta para a dimensão estética de sua prática. Segundo o educador e filósofo, a educação parte de uma concepção problematizadora, na qual o conhecimento resultante ...

    Leia mais
    20091027PFreire

    Concedida anistia post-mortem ao educador Paulo Freire

    Diante de 15 mil pessoas, entre elas 2 mil educadores do Brasil e de outros 22 países, a Comissão de Anistia anunciou a concessão da anistia post-mortem ao educador brasileiro Paulo Freire, criador do método revolucionário de alfabetização que leva seu nome, adotado em diversas países. Preso em 1964 pelo regime militar, demitido da Universidade Federal de Pernambuco e expulso do País como subversivo, Freire morreu em 1997. Fonte: Luis Nassif  Por Vannildo Mendes Seu "crime", comentou o presidente da Comissão de Anistia, Paulo Abrão, foi ter identificado na alfabetização um processo de "libertação e conscientização política" das camadas mais pobres da população. Na avaliação de Abrão, a perseguição a Freire foi "um dos prejuízos mais severos e imensuráveis que a ditadura militar legou ao Brasil."   O julgamento do processo de reparação a Freire, movido pela família do educador, contou com a presença da viúva dele, Ana Maria Araújo ...

    Leia mais
    20091027PFreire

    Lançamento analisa herança do educador Paulo Freire

    Conceitos do pernambucano são tema de obra, que apresenta novas abordagens Fonte: Folha de São Paulo  Muitos têm sido os autores que, sob diferentes ângulos, analisaram Paulo Freire. Fernando José de Almeida, professor da PUC-SP e vice-presidente da TV Cultura, faz isso com linguagem simples, entrelaçando os principais conceitos e temas de sua filosofia educacional, em "Folha Explica Paulo Freire". O livro não se destina apenas a quem não conhece Freire, mas também aos que têm alguma intimidade com sua obra, pois traz novas abordagens, contextualizando-as. Com rigor e precisão, o autor desfila cada conceito "freiriano". O pano de fundo é a atualidade de Freire. Como ler o mundo de hoje com Freire. Isso é ainda mais adequado numa época em que alguns gostariam de deixar Freire no passado, na história das ideias pedagógicas, seja por não concordarem com ele por suas opções políticas, seja por não quererem mexer na ...

    Leia mais

    Últimas Postagens

    Artigos mais vistos (7dias)

    Instagram

    Twitter

    Facebook

    Welcome Back!

    Login to your account below

    Create New Account!

    Fill the forms bellow to register

    Retrieve your password

    Please enter your username or email address to reset your password.

    Add New Playlist