quarta-feira, dezembro 2, 2020

    Tag: UFMA

    II Semana dos Estudos Africanos e Afro-Brasileiros começará no dia 4 de abril

    Evento é organizado pelo curso de Licenciatura Interdisciplinar em Estudos Africanos e Afro-Brasileiros, pelo NEAB-UFMA e pelo Coletivo Sonhações Do UFMA SÃO LUÍS - A “Literatura Africana e Afro-Brasileira” será o tema da II Semana Interdisciplinar dos Estudos Africanos e Afro-Brasileiros, que ocorrerá de 04 a 08 de abril no Auditório Central da Cidade Universitária Dom Delgado. O evento contará com a presença de importantes nomes das artes e das ciências brasileiras. Todas essas personalidades participarão dos debates acerca das obras literárias africanas e afro-brasileiras que compõem o eixo interdisciplinar “Literatura Africana e Afro-Brasileira” da Licenciatura em Estudos Africanos e Afro-Brasileiros. Entre elas estão a premiadíssima escritora mineira Conceição Evaristo; o dramaturgo e ator baiano Aldri Anunciação (ganhador do prêmio de literatura Jabuti de 2013); o cantor GOG, um dos ícones do Movimento hip hop brasileiro; e a professora da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ), Fernanda Felisberto, uma ...

    Leia mais

    Evento internacional: Diálogos Diaspóricos: Diversidade e Identidade – São Luís/MA – 13 a 16 de outubro

    O Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros da Universidade Federal do Maranhão (NEAB-UFMA) está comemorando 30 anos. Em decorrência, entre os dias 13 e 16 de outubro de 2015, iremos realizar o Encontro Comemorativo dos 30 anos do NEAB/UFMA / IV Encontro Nacional do CONNEABS / II Jornada Internacional de Ciências Sociais com o tema “Diálogos Diaspóricos: Diversidade e Identidade”, que contará com a presença de renomados(as) pesquisadores(as) africanos(as), brasileiros(as), europeus e norte-americanos. O evento será sediado no Campus do Bacanga da UFMA, na Cidade de São Luís. Enviado por Marcelo Pagliosa via Guest Post para o Portal Geledés As informações sobre o Encontro encontram-se disponíveis no endereço www.30anosneabufma.com.br Este evento internacional é uma parceria entre a UFMA (Colegiado da Licenciatura Interdisciplinar em Estudos Africanos e Afro-Brasileiros; Departamento de Sociologia e Antropologia; NEAB), o Instituto Federal do Maranhão (IFMA – Diretoria de Direitos Humanos e Inclusão Social / Núcleo de Estudos Afrobrasileiros e ...

    Leia mais

    I Semana Interdisciplinar dos Estudos Africanos e Afro-Brasileiros da UFMA

    A Licenciatura Interdisciplinar em Estudos Africanos e Afro-Brasileiros da UFMA, primeiro curso do gênero no Brasil, realizará de 13 a 17 deste mês a I Semana Interdisciplinar do curso. As atividades acontecerão todos os dias das 19h às 22h na Casa do Maranhão, localizado no Centro Histórico de São Luís, com exceção da atividade do dia 16, que ocorrerá no Auditório Mário Meireles do Centro de Ciências Humanas da Cidade Universitária Dom Delgado. A entrada será gratuita e não será necessária a realização de inscrições, sendo totalmente aberta ao público. por Marcelo Pagliosa via Guest Post para o Portal Geledés A Semana será aberta com o debate “A África segundo os africanos: Guiné-Bissau e Angola”, realizado por estudantes africanos da UFMA. Também acontecerão discussões interdisciplinares acerca de um dos clássicos da literatura maranhense, como “Os Tambores de São Luís”, de Josué Montello. Além disso, serão apresentados poemas do angolano Agostinho Neto ...

    Leia mais

    Maranhão – Novo curso de graduação, “Estudos Africanos e afro-brasileiros” será implantado na UFMA.

    Novo curso de graduação, "Estudos Africanos e afro-brasileiros" será implantado na UFMA. O curso, que é o primeiro do Brasil com essa temática, será presencial e terá 40 vagas. Do Maranauta Foto Novo curso de graduação, "Estudos Africanos e afro-brasileiros"será implantado na UFMA. (Imagem retirada do site: maranauta.blogspot.com) SÃO LUÍS - A Universidade Federal do Maranhão vai oferecer, a partir do próximo semestre, no Campus de São Luís o curso de graduação Licenciatura Interdisciplinar em Estudos Africanos e Afro-brasileiros, o primeiro a ser criado no país. Já neste semestre fará seletivo especial para o preenchimento de 40 vagas no turno noturno. A partir do próximo semestre será mais uma das opções de graduações a serem ofertadas por meio do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM). Segundo o professor Carlos Benedito Rodrigues da Silva, a proposta do curso resulta de uma discussão da obrigatoriedade do ensino de história e ...

    Leia mais

    Professor da UFMA acusa alunos de homofobia

    Glécio Machado Siqueira, de 36 anos, é  professor do curso de Ciências Agrárias da Universidade Federal do Maranhão – UFMA. Com dois pós-doutorados, ele dá aulas para o campus de ciências agrárias e ambientais, ministrando aulas de física e biofísica para 200 estudantes dos cursos de engenharia agrícola, biologia e zootecnia. Glécio afirma que foi vítima de ameaças e preconceito praticados  por três alunos dentro do campus da Universidade, localizado no município de Chapadinha. por Ligia Teixeira no Jornal Pequeno “Me chamam de bicha, de gay, e outras agressões verbais impublicáveis”. disse o professor a jornalistas. Segundo informações, o professor atua há pouco tempo na universidade e desde que foi contratado, sofre insultos e agressões verbais por parte de um grupo de estudantes do curso onde leciona. Segundo Siqueira, as agressões e ameaças foram comunicadas à direção do curso que o aconselharam a mudar hábitos e passar a usar o banheiro feminino ...

    Leia mais
    Jose-Cloves-Verde-Saraiva-e-Myrian-Rios

    A homofobia de Myrian Rios e o racismo do professor da UFMA: de acusados à vítimas

    Publico abaixo a retratação do professor da UFMA, José Cloves Verde Saraiva, acusado de racismo pelos alunos daquela universidade, enviada para este blog como comentário do post Não somos racistas? Carta para o esclarecimento de Ali Kamel, Magnoli e afins: racismo na UFMA. O que chama atenção é que, ultimamente, o preconceito e a discriminação vêm se escondendo atrás de "erros de interpretação", haja vista o caso de homofobia de Miriam Rios, e agora, o do professor acusado de racismo na UFMA, dentre muitos outros casos que se tornaram públicos. As retratações ou pedidos de desculpa não são pelo erro (ou crime) cometido, mas pela interpretação supostamente equivocada dos receptores do discurso. Como o professor do Maranhão, em sua nota oficial, Myrian Rios também dá a entender que foi "mal interpretada". Ela afirmou que "jamais tive a intenção de igualar o pedófilo ao homossexualismo . Se entenderam desta maneira, peço ...

    Leia mais

    Últimas Postagens

    Artigos mais vistos (7dias)

    Twitter

    Welcome Back!

    Login to your account below

    Create New Account!

    Fill the forms bellow to register

    Retrieve your password

    Please enter your username or email address to reset your password.

    Add New Playlist