Guest Post »

Uma Tarde com James Baldwin

James Baldwin (1924-1987), American writer, 1964. (Photo by Jean-Regis Rouston/Roger Viollet/Getty Images)

Uma tarde dedicada ao escritor norte-americano James Baldwin, com exibição de dois filmes inspirados em sua obra –Eu Não Sou Seu Negro e Se a rua Beale Falasse – e uma mesa de debate sobre a atualidade do autor, composta por Márcio Macêdo, Carol Rodrigues, Alex Ratts e Allan da Rosa. Nascido em 1924, Baldwin é um dos mais importantes nomes da literatura do século XX e do movimento de direitos civis nos EUA. Seus romances e ensaios abordam especialmente questões raciais, de sexualidade e identidade. Esta mostra é uma parceria entre as Curadorias de Cinema e Literatura do CCSP.

Do Centro Cultural 

PROGRAMAÇÃO 

20/7

15h Eu Não Sou Seu Negro
17h  Mesa de debate sobre a atualidade do autor – com: Márcio Macêdo, Carol Rodrigues, Alex Ratts e Allan da Rosa
19h30 Se a Rua Beale Falasse

FILMES

Eu Não Sou Seu Negro
(I Am Not Your Negro, EUA, 2016, 94’, DCP)
Direção: Raoul Peck – Elenco: Samuel L. Jackson
O escritor James Baldwin escreveu uma carta para o seu agente sobre o seu mais recente projeto: terminar o livro Remember This House, que relata a vida e morte de alguns dos amigos do escritor, como Medgar Evers, Malcolm X e Martin Luther King Junior. Com sua morte, em 1987, o manuscrito inacabado foi confiado ao diretor Raoul Peck.

Se a Rua Beale Falasse
(If Beale Street Could Talk, EUA, 2018, 119’, DCP)
Direção: Barry Jenkins – Elenco: KiKi Layne, Stephan James, Regina King
Baseado no célebre romance de James Baldwin, o filme acompanha Tish (Kiki Layne), uma grávida do Harlem, que luta para livrar seu marido de uma acusação criminal injusta e de subtextos racistas a tempo de tê-lo em casa para o nascimento de seu bebê.

Related posts