Anielle Franco será anunciada como ministra da Igualdade Racial do governo Lula

Educadora, jornalista e escritora, Anielle dirige o Instituto Marielle Franco

A ativista Anielle Franco, irmã de Marielle, será a ministra da Igualdade Racial do governo Lula (PT). A informação, divulgada a princípio pelo Estadão, foi confirmada à Fórum pela assessoria de imprensa do Instituto Marielle Franco, que é dirigido por Anielle.

Educadora, jornalista e escritora, Anielle deve ser anunciada como ministra pelo próprio presidente eleito Lula na manhã desta quinta-feira (21), quando os nomes para outros ministérios serão divulgados. Logo após o pronunciamento do mandatário, Anielle também falará sobre o novo desafio. 

Anielle fez parte do grupo de trabalho sobre Mulheres no gabinete de transição. O arranjo para que ela seja ministra da Igualdade Racial envolve ainda o nome do educador e ativista Douglas Belchior para assumir a presidência da Fundação PalmaresFórum tentou contato com Belchior para confirmar a informação e aguarda retorno. 

+ sobre o tema

“Boca suja” de Dunga faz CBF ser condenada

O comportamento de Dunga durante jogo das eliminatórias da...

Carnes adulteradas, segurança alimentar e recolonização do país

Desconhecemos todos os elementos que originaram a operação da...

18 Razões Contra a Redução da Maioridade Penal

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara...

Em vídeo, ex-professora de Serra e Dilma pede votos à petista

Ex-professora dos dois principais candidatos à Presidência, a economista...

para lembrar

Minas assina acordo pioneiro para enfrentar o racismo

Um acordo pioneiro no Brasil vai levar ações de...

Chega de conversa mole, o papo agora é reto!

Não é de hoje que nos mobilizamos para convidar...

Anielle defende mudança em livros didáticos e oportunidade para negros

A criação de um banco de currículos para profissionais...

Futuro do mundo e o enfrentamento ao racismo ambiental

No dia 22 de abril, o Dia da Terra...

Equidade só na rampa

Quando o secretário-executivo do Ministério da Justiça e Segurança Pública, Ricardo Cappelli, perguntou "quem indica o procurador-geral da República? (...) O povo, através do seu...

Geledés participa de fórum global da Unesco contra Racismo e Discriminação

Na abertura do 3º. Fórum Global contra o Racismo e a Discriminação, que começou ontem e vai até sexta-feira 1, no SESC 14 Bis, em São Paulo, Gabriela...

Não espero nada da COP28, espero do governo brasileiro

O ano parece que não tem fim. 2023 chegou com uma infinidade de tarefas importantes a serem cumpridas e com um mundo em ebulição. Em...
-+=