Tag: mulheres negras na política

TRIBUTO À MARIELLE FRANCO, FEITO POR DANIEL ARRHAKIS (FOTO: DANIEL ARRHAKIS/ FLICKR)

Mulheres negras na política: Marielle e suas sementes

Neste mês de março em que nós mulheres celebramos tantas conquistas e choramos tantas perdas, lembramos que luto é luta! Por várias razões. Destacamos aqui mais uma: no Brasil as datas de 8 e 14 de março representam juntas, a luta pelo fim da violência política contra as mulheres. Há três anos, 14 de março foi marcado pelo brutal assassinato da vereadora Marielle Franco e do seu motorista Anderson Gomes. Como o Instituto Marielle Franco a apresenta “Marielle Franco é mulher, negra, mãe, filha, irmã, esposa e cria da favela da Maré; Socióloga com mestrado em Administração Pública. (Em 2016) Foi eleita Vereadora da Câmara do Rio de Janeiro, um impressionante número de 46.502 votos. Foi também Presidente da Comissão da Mulher da Câmara dos Vereadores do Rio. O CFEMEA – Centro Feminista de Estudos e Assessoria tem 30 anos de experiência de luta pelos direitos políticos das mulheres. Participamos ...

Leia mais
Foto: André Rodrigues/Gazeta do Povo

Pela 1ª vez neste século, 264 municípios do país terão prefeitas, sendo 33% negras

Em 264 municípios brasileiros, pela primeira vez neste século uma mulher foi eleita prefeita, 98% deles com menos de 100 mil habitantes, segundo levantamento da Folha com dados da eleição municipal deste ano. Dentre essas eleitas, 33% são negras, somando as autodeclaradas pardas (83) e pretas (5). Neste ano, 652 mulheres foram eleitas para os Executivos municipais, o que representa 12% do total de prefeitos eleitos. Desse número, 32% são negras, sendo 199 pardas e 10 pretas. Em relação a 2016, o quadro se manteve estável, apesar da reserva de 30% dos recursos públicos de campanha para mulheres a partir de 2018. Das 383 que tentavam reeleição, 32% conseguiram. Para a cientista política Flávia Biroli, professora da UnB (Universidade de Brasília), o número de eleitas para o Executivo é muito ruim. De 5.568 cidades brasileiras, 60% nunca tiveram uma prefeita mulher, apesar de elas representarem 52% da população. “Está muito ...

Leia mais
Caroline Dartora será a primeira negra a ocupar uma cadeira de vereadora em Curitiba (Foto: Joka Madruga/Divulgação)

Carol Dartora, 1ª vereadora negra de Curitiba, recebe ameaça de morte

A 1ª mulher negra eleita vereadora de Curitiba, Carol Dartora (PT), foi ameaçada de morte em uma mensagem enviada por e-mail. Neste domingo, a 3ª candidata mais votada nas Eleições 2020 de Curitiba, que recebeu 8.874 votos, compartilhou a ameaça de morte em suas redes sociais. O autor da mensagem, que foi assinada pelo nome de Ricardo Wagner Arouxa, diz morar no Rio de Janeiro. Ele explica que após adquirir uma arma, vai comprar uma passagem para Curitiba e tirar a vida da professora. “Depois de meter uma bala na sua cara e matar qualquer um que estiver junto com você, vou meter uma bala na minha cabeça.” Em seguida, o autor faz outra ameaça, diz para Carol Dartora não avisar à polícia ou andar com seguranças porque “nada no mundo vai impedir” que ele cometa o homicídio. O autor diz na mensagem que está desempregado, sua esposa com câncer ...

Leia mais
A professora e candidata à Vice-Presidência de Gana, Naana Jane Opoku-Agyemang, durante campanha em Cape Coast (Foto: Naana Jane no Facebook)

Eleição em Gana tem candidatura feminina inédita, mas disputa será entre dois velhos conhecidos

Cerca de 17 milhões de pessoas irão às urnas nesta segunda-feira (7) para eleger o próximo presidente de Gana e os 275 parlamentares que formarão o Legislativo do país. Entre as 12 candidaturas, das quais a verdadeira disputa se dá entre o atual e um ex-presidente, destaca-se a presença da primeira mulher a concorrer à Vice-Presidência por um dos dois principais partidos. A professora e ex-ministra da Educação Naana Jane Opoku-Agyeman, 69, concorre ao lado do ex-presidente John Dramani Mahama, 62. Escolhida pelo partido Congresso Democrático Nacional (NDC), de visão social-democrata, para a composição da chapa, viu a indicação como uma inspiração para que outras mulheres também optem pela vida política. "Muitas são as que agora estão com mais energia para votar, graças a esta importante decisão", disse Naana, em julho, após sua nomeação, prometendo manter a "porta aberta" para outras mulheres. Nas redes sociais, a candidata usa as hashtags ...

Leia mais
Suéllen Rosim (Foto: Reprodução/ Instagram)

Mulher negra eleita prefeita de Bauru sofre ataques racistas às vésperas da eleição: ‘cara de favelada’

A prefeita eleita de Bauru (SP), Suéllen Rosim (Patriota), sofreu ataques racistas nas redes sociais nas vésperas das eleições. As mensagens foram divulgadas em um grupo de WhatsApp e chegaram ao conhecimento dela, que registrou um boletim de ocorrência após o segundo turno neste domingo (29). Em um dos trechos da mensagem postada no grupo, o agressor diz “não podemos eleger aquela mulher com cara de favelada para ser nossa prefeita. Essa gentinha irá afundar Bauru”. Em outra mensagem, ele diz: “não tenho nada contra, mas essa gente de pele escura, com cara de marginal administrado essa cidade, será o fim". O conteúdo com cunho racista também aparece em outra mensagem: “Essa gente de cor, representada por essa tal de Suéllen, não vai saber administrar a cidade, não tem competência.” Mensagens com conteúdo racistas contra a prefeita eleita de Bauru foram divulgadas no Whats App (Foto: ...

Leia mais
Ana Lúcia Martins é a primeira vereadora negra eleita em Joinville (Foto: Facebook/Reprodução)

Campanha de apoio nacional e internacional pela vida da professora e vereadora eleita Ana Lúcia Martins

Desde o dia 15 de novembro, ainda antes do resultado das eleições municipais em Joinville (SC), a professora Ana Lúcia Martins (PT), a primeira mulher negra eleita vereadora na história da cidade, vêm sofrendo diversos ataques, como o hackeamento de suas redes sociais, comentários racistas e ameaças de morte. Logo no dia seguinte à sua eleição, um radialista de Joinville atacou Ana Lúcia Martins, afirmando que não poderia “comemorar uma petista no poder novamente” e que o seu partido “não deveria existir mais”. Naquele mesmo dia, no Twitter, um perfil respondia com ameaças os apoiadores que comemoravam a eleição de Ana Lúcia. Numa das mensagens, o criminoso escreveu o seguinte: “OS FASCISTAS MANDARAM AVISAR QUE ELA QUE SE CUIDE". Em outra, o autor das ameaças disse: "agora só falta a gente m4t4r el4 e entrar o suplente que é branco (sic)". No perfil do racista, havia outras mensagens de ódio ...

Leia mais
A filósofa e educadora Sueli Carneiro (Foto: Marcus Steinmayer)

Mulheres negras e poder: um novo ensaio sobre as vitórias

Em respeito às mais velhas, peço licença, agradeço e me pergunto: por onde andavam todos vocês, que não estavam lendo e ouvindo Sueli Carneiro? Em 2009, Sueli Carneiro (filósofa, escritora e ativista) escreveu um ensaio intitulado “Mulheres negras e poder: Um ensaio sobre a ausência”, afirmando que, infelizmente, a relação entre as mulheres negras e o poder era inexistente. Sueli não tratava apenas da ausência pela baixa representação, falava sobre aquelas mulheres negras que, mesmo presentes na institucionalidade, foram interrompidas por questões advindas da das discriminações de raça e de gênero. As políticas Matilde Ribeiro (Ex-ministra da SEPPIR) e Benedita da Silva (Ex-governadora, atual deputada federal, que também disputou a prefeitura do Rio, ficando em quarto lugar), estavam entre elas. Na descrição cirúrgica dos episódios, Sueli Carneiro tratou em seu texto sobre a violência política de gênero e raça sofrida por essas mulheres e como, ontologicamente, se vinculam as mulheres ...

Leia mais
Erika Hilton, eleita vereadora em São Paulo (Foto: Karime Xavier - 3.dez.19/Folhapress)

A revolução começa preta e trans

Os dados estão lançados no tabuleiro. Centrão e direita tradicionais –como PSD/DEM/MDB/PP– saem vitoriosos em termos de prefeituras, o que é relevante para verificar que o continuísmo permanece forte, capilaridade partidária ainda importa e a revolução de extrema direita, se a eleição municipal servir de algum parâmetro, definha. Ainda é cedo para decretar a morte política da extrema direita, mas que ela passa mal, passa. Neste jogo, Bolsonaro é o azarão ao fundo, e sai massacrado. Seu filho, Carlos Bolsonaro, se reelegeu como vereador no RJ, mas com 35 mil votos a menos do que em 2016. Mesmo que seja ainda expressivo para quem nada faz no cargo que ocupa, ainda assim é uma derrota do bolsonarismo como projeto de pátrio poder. Quem faz política personalista com robôs e sem partido mais cedo ou mais tarde morre na praia, ou ali permanece vendendo açaí. Que o diga Wal Bolsonaro e ...

Leia mais
Bia Caminha foi eleita vereadora com quase 5 mil votos (Foto: Imagem retirada do site UOL)

Belém elege vereadora mais nova da história: “Mulher negra chegou à Câmara” 

Aos 21 anos, a candidata Bia Caminha (PT) foi eleita hoje a vereadora mais nova da história de Belém. Ela recebeu 4.874 votos, e comemorou a vitória dizendo ser um sinal de "muita esperança". "A sensação é de muita alegria, de muita esperança. De que há espaço para a gente construir outra Belém. Uma Belém que caiba no tamanho dos nossos sonhos, no tamanho dos sonhos da juventude negra, das mulheres, da comunidade LGBTQI+", disse Bia ao UOL. A vereadora do PT ainda disse que sua eleição vem para "romper silêncios". "O que eu tenho a dizer para as mulheres eleitoras e políticas é que a nossa campanha trouxe o slogan para romper silêncios. Esse silêncio que é instituído no falar, mas também na nossa ausência nos espaços de decisão, nossa ausência na institucionalidade e nossa ausência na vida pública da cidade, que era pensada e feita somente por um ...

Leia mais
Anielle Franco (Foto: Bléia Campos)

Há esperança em um futuro com mulheres negras eleitas

A população brasileira se mobilizou ontem (15) para exercer sua cidadania, nessa que por si só já é uma eleição histórica para o país. Pandemia global, aumento das desigualdades e resistência cotidiana para reforçar a importância da participação política de mulheres na definição dos caminhos possíveis de transformação do Brasil. Durante os últimos meses aproveitei este espaço para apresentar as mais diversas ferramentas e ações que construímos dentro do Instituto Marielle Franco para visibilizar, fortalecer e impulsionar candidaturas de mulheres negras nestas eleições, hoje, pretendo exercitar meu imaginário sobre este futuro liderado por estes corpos que - assim como a minha irmã - movimentam as estruturas cotidianas de poder. Primeiro, é importante dizer que o trabalho para fortalecer mulheres negras começa muito antes do período eleitoral. É comum utilizarmos estes períodos de 2 a 2 anos para debatermos sobre as questões que rondam o espectro político, inclusive as noções de ...

Leia mais
Simony dos Anjos, de 34 anos, é candidata à Prefeitura de Osasco (Foto: Imagem retirada do site O Globo)

Pesquisa mostra violência política sofrida por mulheres negras durante campanha

Simony dos Anjos, de 34 anos, é uma mulher negra e candidata à Prefeitura de Osasco, em São Paulo, pelo PSOL. Dos seis candidatos homens, Simony é a única postulante feminina e negra no município. Ela relata que, durante a campanha, sofreu ataques virtuais com mensagens LGBTfóbicas, sexistas e racistas em um grupo de Whatsapp exclusivo para trocar informações sobre a candidata. O ataque a Simony não é um caso isolado. Um levantamento feito pelo Instituto Marielle Franco com apoio da Terra de Direitos e Justiça Global contabilizou que 78% das candidatas negras relataram ter sofrido ataques virtuais no período eleitoral. De 21 a 28 de outubro, 142 mulheres negras candidatas pertencentes a 93 municípios (em 21 estados) e 16 partidos responderam a um questionário para analisar o cenário da violência política eleitoral neste ano. De acordo com o relatório, os principais autores dos ataques virtuais são grupos não identificados ...

Leia mais
Foto: Mídia Ninja/CC

Precisamos de mais mulheres negras na politica!

Estamos diante de mais uma eleição só que agora a nível municipal, e ainda que os tempos difíceis que viemos passando parecem não ter mais fim, é preciso termos um pouco de esperança neste momento. Esperançar no sentido freiriano da palavra, o quer dizer ir à luta, construir coletivamente possibilidades de um futuro melhor, e será no campo das disputas políticas que juntos iremos pavimentar o caminho em direção a esta realidade. Apesar dos efeitos trágicos que uma pandemia tem nos submetido, os últimos anos no país tem sido de grandes ataques a democracia e aos direitos sociais, tão importantes para o desenvolvimento digno da sociedade civil, além das constantes violências contra minorias e do genocídio da população negra. Os ataques a estes direitos que foram conquistados por meio de muitas lutas, fazem parte da agenda neoliberal implantada por governos de direita que tem ocupado o poder. E o que ...

Leia mais
Cidinha Raiz, pré-candidata a vereadora pelo Podemos em SP: primeira negra a disputar uma vaga no Senado pelo estado em 2018 (Foto: Imagem retirada do site Universa)

Mulheres negras na política: “Verba vai primeiro para loiras de olho azul”

Desde que a primeira mulher negra foi eleita para um cargo político no Brasil (Antonieta de Barros se elegeu deputada estadual em Santa Catarina, em 1935), o país caminhou pouco. Passados 85 anos, mulheres negras não chegam a 1% das assembleias legislativas e a 5% das câmaras de vereadores. Nas prefeituras do país, também são subrepresentadas: 3% ocupam o cargo máximo dos executivos municipais. Não há uma sequer comandando uma capital. Os números escancaram a falta de representatividade, uma vez que elas compõem 25% da população brasileira. Em 2020, nas eleições para câmaras de vereadores e prefeituras, há maior mobilização por parte de possíveis candidatas, de coletivos para ajudá-las nas campanhas e de partidos para aumentar o quadro de candidaturas. Mas por que há tão poucas mulheres negras na política brasileira? E por que é importante que esses números aumentem? Universa conversou com pré-candidatas e nomes experientes para responder a ...

Leia mais

Welcome Back!

Login to your account below

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Add New Playlist