Blogueira de 8 anos tem cabelo cortado e alisado sem autorização da mãe

A menina, de oito anos, mal consegue dormir por estar com a autoestima baixa.

no Correio 24h

Mãe da menina de 8 anos fez um desabafo nas redes sociais; internautas também ficaram indignados com a ação

Bella tem 8 anos, mora em Minas Gerais, mas é conhecida no país todo como uma mini digital influencer cacheada. A garotinha que esbanjava beleza, empoderamento e atitude em seu perfil, com ajuda da mãe Fernanda Taysa, teve os cabelos alisados e cortados pela madrastra. Fernanda usou as redes sociais para desabafar o que aconteceu com a filha sem sua autorização. A atitute gerou revolta entre os internautas.

“Na sexta ela foi pra casa do pai dela, com os cabelos lavados e penteados pra que ninguém tivesse o trabalho de encostar no cabelo dela pra pentear. Pois bem, ontem eu recebo um telefonema do pai me comunicando que a mulher dele cortou os cabelos da Bella sem a minha permissão e que foi só as pontinhas. Oi? Pontinhas ? Ela cortou o cabelo dela mais da metade e alisou e quando ela molhar o cabelo vai encolher mais ainda”, reclamou a mãe.

Ainda de acordo com o relato, a situação foi minimizada pelo pai da criança que disse que o cabelo dela cresceria novamente. “Cresce, porém é direito dela se sentir bem com a identidade dela, suas raízes, sua história. Isso não pode ser violado por vaidade nenhuma, a menos que a mesma queira e isso eu tenho a convicção que ela não quis”, disse na postagem.

Segundo Fernanda, Bella voltou para casa deprimida. “Bom, segundo o pai quando me ligou e comunicou que havia cortado os cabelos da minha filha , foi só as pontas e ela amou o cabelo liso. Nas imagens abaixo mostra a diferença das pontas e o quanto ela amou seu cabelo liso!”, escreveu publicando imagens do antes e depois da menina, que aparece triste nas fotos.

O desabafo da mãe no Facebook já teve mais de 250 mil curtidas e 80 mil compartilhamentos nesta segunda-feira. “Inveja mata! Um cabelo lindo desse..Foi uma perversidade!”, escreveu uma seguidora. “Dá pra ver no rostinho dela a tristeza, essa coisa merece um processo”, opina outra internauta. Bella já tem 113mil seguidores no Instagram.

+ sobre o tema

Enfrentar o racismo é necessário para consolidar a democracia e reduzir as desigualdades, afirma ministra

Fonte:  Blog Planalto  A necessidade de se assegurar oportunidades a...

Lesbocídio! Projeto junta dados de violência contra lésbicas no Brasil.

Em abril de 2016, Luana Barbosa dos Reis –...

Tese de doutorado de Sueli Carneiro vai virar livro

A tese de doutorado da filósofa e ativista Sueli Carneiro,...

Educação para o machismo

Para Maria Luiza, Milena, Geórgia, Teodora e Maria Clara...

para lembrar

Amor (afro)centrado: é possível falar nesses termos?

Quando a editora me fez saber que na minha...

Entrevista: A ofensiva antigênero como política de Estado

Em entrevista à Conectas, a pesquisadora Sonia Corrêa analisa...

Unicamp: banheiro feminino apenas para “portadoras de vagina original de fábrica”

Alunos denunciam pichações transfóbicas no banheiro da instituição; para...

Thalma de Freitas se muda para os EUA e desiste de novelas

Quando estava prestes a completar 40 anos, em 2012,...
spot_imgspot_img

‘Abuso sexual em abrigos no RS é o que ocorre dentro de casa’, diz ministra

A ministra das Mulheres, Cida Gonçalves, considera que a violência sexual registrada contra mulheres nos abrigos que recebem desalojados pelas enchentes no Rio Grande...

ONU cobra Brasil por aborto legal após 12 mil meninas serem mães em 2023

Mais de 12,5 mil meninas entre 8 e 14 anos foram mães em 2023 no Brasil, num espelho da dimensão da violência contra meninas...

Após um ano e meio fechado, Museu da Diversidade Sexual anuncia reabertura para semana da Parada do Orgulho LGBT+ de SP

Depois de ser interditado para reformas por cerca de um ano e meio, o Museu da Diversidade Sexual, no Centro de São Paulo, vai reabrir...
-+=