quarta-feira, julho 6, 2022

Denúncia Túnel Mata Fria-Mairiporã

DENÚNCIA

Os descendentes de negros forros e de quilombolas residentes na região da Mata Fria (Hortolândia), os integrantes do Movimento “Orgulho Negro Mairiporã” e os moradores de Mairiporã, simpatizantes da causa negra, vêm através desta denúncia repudiar e solicitar revogação do projeto de lei federal número 1860, de 10 de junho de 2015, de autoria do Deputado Major Olímpio, que tramita na Câmara dos Deputados que “Altera a denominação do túnel “Mata Fria”, que faz a divisa dos municípios de Mairiporã e São Paulo, na Rodovia Fernão Dias (BR 381), para Túnel Salatiel Pereira do Valle”.

por Lourdes Toledo dos Santos das Neves via Guest Post para o Portal Geledés

Objetivamos com essa denúncia proteger o valor histórico, cultural, simbólico e afetivo do túnel “Mata Fria”. Conforme consta na literatura local, como no livro escrito pela Sra. Iris Fagundes – “Mairiporã Aldeia Pitoresca” e no livro do Memorialista Sr. Pedro Thomas Pereira – “Rosário da Saudade e outras histórias de Juquery-Mairiporã”, as terras da região denominada Mata Fria foram deixadas em testamento aos negros forros pela Sra. Maria Felizarda de Jesus em 1866, o que ocasionou a criação de um QUILOMBO. Conforme relatos dos descendentes quilombolas, alguns destes negros, como o Sr Átilio Ramos, descendente direto do Amaro Bento Luiz (líder do Quilombo), trabalharam na construção do referido túnel

Portanto em defesa desse patrimônio histórico e de tradição de Mairiporã, assinamos este documento na defesa da manutenção do nome “Túnel Mata Fria”. Defendemos que, caso seja necessária à mudança de nome do túnel, que essa seja feita em homenagem condizente com a história do local. Sugerimos a denominação “Túnel AMARO BENTO LUIZ”, que foi o líder do quilombo da Mata Fria na primeira década do século XX e cuja família ainda possui muitos descendentes quilombolas residentes no local.

Temos em andamento na cidade um abaixo assinado e na internet uma Petição Eletrônica, onde percebemos apoio total da população em repúdio ao referido projeto de lei, que tão logo seja recolhido será enviado a este órgão.

Diante do exposto, pedimos providencias das autoridades competentes.

            .

Mairiporã, 30 de setembro de 2015.

 

Endereço Eletrônico para correspondência:

https://www.facebook.com/Orgulho-NEGRO-Mairiporã-Movimento-Social

E-mail: lourdestneves@yahoo.com.br

E-mail: rosamaritma07@hotmail.com

Artigos Relacionados
-+=