Dona do hit ‘Truth Hurts’, Lizzo é eleita a Artista do Ano pela revista Time

“O som dela é implacavelmente positivo e impossivelmente cativante”, diz a revista

No Rolling Stone

Lizzo (Foto: Chris Pizzello/Invision/AP)

A revista Time elegeu Lizzo como Artista do Ano nesta quarta, 11. A cantora é dona do hit “Truth Hurts”, que bateu recorde no Billboard Hot 100 em outubro.

“Lizzo é tudo que você quer que ela seja: barulhenta, divertida, efervescente e todos os sinônimos que você possa usar para essas palavras ‘barulhenta’, ‘divertida’ e ‘efervescente’”, diz a jornalista da Time, Samantha Irby. “O som dela é implacavelmente positivo e impossivelmente cativante… As letras são engraçadas, obscenas e vulneráveis.”

Em entrevista para a revista, Lizzo comentou sobre a carreira: “Eu faço música positiva há muito tempo. Então a cultura mudou. Havia muitas coisas que não eram populares, mas existiam, como a positividade do corpo, que a princípio era uma forma de protesto de corpos gordos e mulheres negras e agora se tornou uma coisa comercial e moderna. Agora eu já vi isso chegar ao mainstream. De repente eu sou mainstream! Como poderíamos imaginar que algo assim aconteceria quando nunca vimos isso antes?”.

A cantora também revelou como lida com os haters: “Quando as pessoas desafiam o meu talento, desafiam se eu mereço estar aqui, elas desafiam a minha negritude, eu digo: ‘Oh! Eu posso facilmente fazer você saber agora em 132 caracteres o por quê de você está completamente errado'”.

O título de Artista do Ano não é à toa. A rapper obteve, recentemente, cinco certificações: três discos de ouro por “Cuz I Love You”, “Juice” e “Good as Hell” e platina dupla por “Truth Hurts”. E, em outubro, a Warner Music divulgou que Lizzo tem mais de 24 milhões de ouvintes mensais no Spotify, além de seis milhões de seguidores nas redes sociais e 170 milhões de visualizações no Youtube.

Para o Grammy 2020, Lizzo foi indicada em oito categorias, entre elas “Melhor Álbum”, “Música do Ano” e “Gravação do Ano'”, por “Truth Hurts”. Ouça a música:

+ sobre o tema

Necesitamos un instituto contra la discriminación racial

Por: Jesús Chucho García De nuevo el racismo...

Afrik du Brasil

Afrik du Brasil: Nãnan Matos, Diogo Cerrado, Mariano Toniatti...

História de quilombo de Belo Horizonte é narrada por suas lideranças

Relatos estão reunidos em livro que será lançado nesta...

Venezuela rompe relação com Colômbia

Por: ANDREA MURTA e FLÁVIA MARREIRO Decisão ocorre momentos...

para lembrar

As duas Áfricas

Com extensão territorial de aproximadamente 30,2 milhões de...

Palavras de origem africana no vocabulário brasileiro

Afora o Brasil, Angola, Cabo Verde, Guiné Bissau, Moçambique, São Tomé e Príncipe e Guiné-Equatorial,...

“Uma ferramenta de resistência identitária” chamada Djidiu

Ao longo de um ano, vários afrodescendentes reuniram-se em...
spot_imgspot_img

Violência contra territórios negros é tema de seminário com movimentos sociais em Salvador

Diante da escalada de violência que atinge comunidades negras e empobrecidas da capital e no interior da Bahia, movimentos sociais, entidades e territórios populares...

Grávida, Iza conta que pretende ter filha via parto normal: ‘Vai acontecer na hora dela’

Iza tem experienciado e aproveitado todas as emoções como mamãe de primeira viagem. No segundo trimestre da gestação de Nala, fruto da relação com Yuri Lima, a...

Flávia Souza, titular do Fórum de Mulheres do Hip Hop, estreia na direção de espetáculo infantil antirracista 

Após mais de vinte anos de carreira, com diversos prêmios e monções no teatro, dança e música, a multiartista e ativista cultural, Flávia Souza estreia na...
-+=