Ex-empregada doméstica diz a Paulo Guedes que está indo a ONU

Deputada estadual do Psol mandou recado ao ministro da Economia que discriminou as empregadas doméstica ao dizer que no período do real mais valorizado a empregada doméstica estava indo para a Disney, “uma festa danada”.

No Vermelho

Deputada estadual do PSOL/MG, Andreia de Jesus (Foto: Reprodução/Instagram @andreiadejesuus)

A deputada estadual do PSOL em Minas Gerais, Andreia de Jesus, trabalhou como empregada doméstica e nas eleições de 2018 foi eleita com 17.689 votos para o mandato na Assembleia Legislativa de Minas Gerais.

Andreia mandou um recado nas redes sociais nesta semana para o Ministro da Economia, Paulo Guedes, que criticou “empregada doméstica indo de avião para a Disneylândia”, no que chamou de uma “festa danada”, para criticar os tempos em que a cotação do dólar estava abaixo de dois reais e justificar os maiores valores nominais da moeda estadunidense no Brasil nesta semana.

“Ei, Paulo Guedes! Vai ter doméstica indo de avião. Vai ter doméstica indo pra Europa fazer denúncia na ONU. Vai ter doméstica ocupando o plenário das casas legislativas. Vai ter doméstica presidenta. Vai ter doméstica mostrando que outra política é possível!”, disse Andreia de Jesus nas redes sociais.

Na imagem, Andreia relembra da viagem que fez em novembro para a Alemanha e a Suíça, como representante da Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), para denunciar as violações sistemáticas aos direitos humanos que têm acontecido no Brasil e em Minas Gerais.

Entre os temas, esteve a flexibilização do porte de armas no Brasil, que atinge mais diretamente a população negra e periférica, os crimes ambientais causados pela mineração em Minas Gerais, como foram os casos de Mariana e Brumadinho, além de tratar em seminários sobre as sistemáticas violações a tratados internacionais cometidos pelo governo brasileiro.

Leia também:

Por que Guedes fala mal dos pobres? O psicanalista Christian Dunker explica

Ministro Paulo Guedes, fui empregada doméstica e preciso te dizer uma coisa

‘É a fala de um senhor de engenho’, diz representante das domésticas sobre declaração de Guedes

+ sobre o tema

O Estado emerge

Mais uma vez, em quatro anos, a relevância do...

Extremo climático no Brasil joga luz sobre anomalias no planeta, diz ONU

As inundações no Rio Grande do Sul são um...

IR 2024: a um mês do prazo final, mais da metade ainda não entregou a declaração

O prazo para entrega da declaração do Imposto de Renda...

Mulheres em cargos de liderança ganham 78% do salário dos homens na mesma função

As mulheres ainda são minoria nos cargos de liderança...

para lembrar

INICIATIVAS NEGRAS TROCANDO EXPERIÊNCIAS – JUAZEIRO DO NORTE, CRATO e BARBALHA – CE

UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ - CAMPUS CARIRI OBJETIVOS: PROPICIAR...

‘Fui um menino negro criado por avós supremacistas brancos que me ensinaram a saudação nazista’

Shane McCrae é um consagrado poeta norte-americano. Ele foi...

O Brasil ataca professor, compra voto de deputado e faz selfie com bandido

Quando alguém perguntar qual o legado deixado por este...

Kenarik Boujikian: Pai, afasta de mim este cálice

Desembargadora relembra a canção de Chico Buarque e Gilberto...

‘O 25 de abril começou em África’

No cinquentenário da Revolução dos Cravos, é importante destacar as raízes africanas do movimento que culminou na queda da ditadura em Portugal. O 25 de abril...

IBGE: número de domicílios com pessoas em insegurança alimentar grave em SP cresce 37% em 5 anos e passa de 500 mil famílias

O número de domicílios com pessoas em insegurança alimentar grave no estado de São Paulo aumentou 37% em cinco anos, segundo dados do Instituto...

Fome extrema aumenta, e mundo fracassa em erradicar crise até 2030

Com 281,6 milhões de pessoas sobrevivendo em uma situação de desnutrição aguda, a ONU alerta que o mundo dificilmente atingirá a meta estabelecida no...
-+=