Homicídios no estado têm alta de 36,5% em novembro

Segundo o Instituto de Segurança Pública, foram registradas 461 mortes

Fonte: O Globo

por, Elenilce Bottari

RIO – Os homicídios no estado subiram 36,5% no mês de novembro, indicando um agravamento da violência no estado. Foram registradas 461 casos no período, representando um aumento de 121 vítimas, ou de 36,5%, em relação ao mesmo período do ano anterior. No acumulado dos últimos onze meses de 2016, foram registradas 4.572 mortes, 754 vítimas a mais do que no mesmo período de 2015. Grande parte do aumento dos homicídios no acumulado do ano foi registrada em municípios da Baixada Fluminense e da Região Norte do estado, além de São Gonçalo.

A partir de novembro, o Instituto de Segurança Pública (ISP) passa a divulgar, mensalmente, dados relativos à incidência de “feminicídio” e “tentativa de feminicídio” por área de delegacia, cumprindo o determinado pela Lei 7.448 de 13 de outubro de 2016.

As vítimas contabilizadas nesses títulos também constam nos títulos “homicídio doloso” e “tentativa de homicídio”, presentes nos dados oficiais divulgados mensalmente pelo ISP. Segundo o instituto, foram registrados no mês de novembro 11 casos, e outras 22 tentativas.

De janeiro a novembro houve aumento de 34,5% dos casos de roubo de veículos, que passaram de 27.899 em 2015 – 37.515 em 2016.

+ sobre o tema

Empoderamento infantil: feminismo e equidade para crianças

O movimento feminista, muito além das questões específicas das...

Ministério Público denuncia ex-marido de Luiza Brunet por agressão contra a atriz

Nesta segunda-feira (25), o Ministério Público de São Paulo (MP-SP) denunciou...

Fotógrafa retrata bailarinas negras em série de imagens

As bailarinas reconhecidas mundialmente são brancas e seguem os...

Desarquivado no Senado projeto de lei que criminaliza a homofobia

“A senadora Marta Suplicy (PT-SP) conseguiu aprovar um requerimento...

para lembrar

Mulher é mais feliz quando reconhece diferenças de gênero

Legado feminista ainda barra aceitação de traços psicológicos inatos,...

Negras empreendem mais por necessidade do que as brancas

Pesquisa do Sebrae mostra que 49% das negras recorrem...

Mulher e racismo, tema de 21 dias de evento em Mogi

A partir desta segunda-feira (5), terá início na Cidade...

Irlanda traz à tona a vergonha das lavanderias católicas

O governo da Irlanda trouxe à tona de novo...
spot_imgspot_img

IBGE: mulheres assalariadas recebem 17% menos que os homens

Dados divulgados nesta quinta-feira (20/06) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revelam que a disparidade salarial entre os gêneros no Brasil se mantém em...

Casa Sueli Carneiro abre as portas ao público e apresenta o III Festival Casa Sueli Carneiro, pela primeira vez em formato presencial

RETIRE SEU INGRESSO A Casa Sueli Carneiro, fundada em dezembro de 2020 e atuando em formato on-line desde abril de 2021, é uma entidade criada...

Aborto legal: falhas na rede de apoio penalizam meninas e mulheres

As desigualdades sociais no Brasil podem explicar a razão para que meninas e mulheres busquem apoio para o aborto legal também após 22 semanas...
-+=