Ilú Obá de Min arrasta multidão e desfila sob aplausos no centro de SP

Bloco afro trouxe a velha guarda do movimento negro no abre-alas e exaltou Sueli Carneiro

Sob uma fina garoa e acompanhado por uma multidão, o bloco Ilú Obá de Min foi ovacionado em sua chegada à praça da República, no centro de São Paulo, por volta das 20h desta sexta-feira (17).

Pernaltas representaram os orixás. No abre-alas, a velha guarda do movimento negro. Artistas teatrais conduziram a harmonia.

Foto: Natália Carneiro

Durante sua passagem pela avenida São Luís, lotada, o público aplaudiu. Muitos choraram, emocionados.

O bloco religioso, que tem origem no candomblé, tradicionalmente abre oficialmente o Carnaval de São Paulo. Cerca de 400 mulheres comandaram a bateria.

Foto: Natália Carneiro

O Ilú Obá de Min desfila há 18 anos na capital. Na abertura, entoa cânticos que exaltam o candomblé, segundo seus organizadores.

O grupo tem por tradição “femenagear” mulheres. O termo é usado como um sinônimo de homenagem, que, para o Ilú, é algo voltado para homens. Neste ano, a escolhida é a filósofa, ativista e escritora Sueli Carneiro.

Foto: Natália Carneiro

No panfleto distribuído a quem acompanhava o cortejo, os responsáveis pelo bloco explicam que Sueli Carneiro se destaca há cinco décadas pela luta política do movimento negro e das mulheres negras.

Uma das fundadoras do Geledés Instituto da Mulher Negra, é também retratada por sua luta para a implantação de políticas públicas que que ampliaram o acesso das pessoas negras à universidade.

Foto: Natália Carneiro

+ sobre o tema

12/05 – Sueli Carneiro e Cuti autografam seus livros na Livraria Martins Fontes

A Selo Negro Edições e a Livraria Martins Fontes...

Epistemicídio

Muitas são as razões que advêm de uma realidade...

Miscigenação – Sueli Carneiro

A miscigenação racial presente em nossa sociedade vem se...

Pobreza tem cor no Brasil, por Sueli Carneiro

Pobreza tem cor no Brasil. E, existem dois Brasis. Por...

para lembrar

Dre Sueli Carneiro : “Le racisme produit une fausse conscience de supériorité “

La société brésilienne doit abandonner l'hypocrisie, assumer qu'elle est exrêmement...

Colorindo Egos, por Sueli Carneiro

Nesta semana ocorreu em São Paulo o I Congresso...

Falta o Congresso

Registramos em nosso último artigo nessa coluna que embora...

Raça, classe e eleições, por Sueli Carneiro

Análises das pesquisas de intenção de votos nos candidatos...
spot_imgspot_img

Fernanda Melchionna lança seu primeiro livro em Cachoeirinha neste domingo; “Tudo isso é feminismo?”

“Tudo isso é feminismo?” – uma visão sobre histórias, lutas e mulheres” marca a estreia de Fernanda Melchionna, no universo do livro. A bibliotecária...

Estrela do Carnaval, ex-passista Maria Lata D’Água morre aos 90 anos em Cachoeira Paulista, SP

A ex-passista Maria Mercedes Chaves Roy – a ‘Maria Lata D’Água’ – morreu na noite dessa sexta-feira (23), em Cachoeira Paulista, no interior de São...

Depois de um carnaval quente, é hora de pensar em adaptação climática

Escrevo esta coluna, atrasada, em uma terça-feira de carnaval. A temperatura da cidade de São Paulo bate 33°C, mas lá fora, longe do meu ventilador,...
-+=