sexta-feira, janeiro 21, 2022
InícioQuestões de GêneroViolência contra Mulher'Meu filho que salvou', diz mulher que ficou em cárcere privado no...

‘Meu filho que salvou’, diz mulher que ficou em cárcere privado no RS

Homem invadiu casa da ex-companheira e a rendeu na frente do filho.
Segundo polícia, mulher e menino de 11 anos passam bem.

Depois de ficar cerca de seis horas sob cárcere privado em Viamão, na Região Metropolitana de Porto Alegre, uma mulher de 28 anos disse que o filho de 11 anos foi o seu salvador. O ex-marido rendeu a companheira com uma faca pouco antes do meio-dia de quinta-feira (15), e só a soltou com a chegada do próprio pai ao local, como mostra reportagem do Bom Dia Rio Grande, programa da RBS TV (veja o vídeo). O menino ficou ao lado da mãe durante todo o tempo, evitando que o pai a ferisse.

“Nunca pensei que ele pudesse fazer isso. E ele tinha, ele era violento e coisa, mas eu nunca pensei que ele pudesse fazer isso. E foi graças a Deus, e meu filho que salvou mesmo”, disse a mulher, que não quis se identificar.

O homem se dizia inconformado com o fim do relacionamento. Ele entrou na casa para, supostamente, buscar suas roupas. Mas, em um surto de raiva, no pátio da residência, investiu contra a mulher. O homem pediu para que o filho saísse, mas o menino não quis e permaneceu no local vendo o pai ameaçar a mãe. O homem já tinha histórico de agressão à ex-esposa.

A polícia precisou interditar todas as ruas ao redor da casa, que foi cercada por pelo menos 30 policiais. Por celular, negociadores começaram a tentativa de libertar a refém e a criança. No meio da tarde, um agente entrou na residência com os dois. A mulher e o filho foram libertados no início da noite. Segundo o Serviço de Inteligência da polícia, eles passam bem.

O homem foi encaminhado para a Unidade de Pronto Atendimento de Viamão (UPA 24h) e, depois, à delegacia local.

 

Fonte: G1

RELATED ARTICLES