As mulheres estão reclamando as ruas do Cairo através do balé, em um país onde o assédio é uma epidemia

Estima-se que 99,3% das mulheres no Egito já sofreram algum tipo de assédio sexual nas ruas, segundo um estudo divulgado pela ONU em 2013. Os números são alarmantes e chamam a atenção para a falta de liberdade feminina no país. O problema até agora vinha sendo combatido sugerindo que as mulheres simplesmente ficassem em casa – mas a resposta delas aos assediadores foi muito melhor!

Fonte: Hypeness

Graças ao fotógrafo Mohamed Taher, diversas dançarinas egípcias foram fotografadas transformando as ruas em palco e mostrando que lugar de mulher é onde ela quiser. As imagens registram movimentos de dança em meio às ruas da capital egípcia em um projeto que ganhou o nome de Ballerinas of Cairo (“Bailarinas do Cairo”, em inglês).

Espia só que beleza:

+ sobre o tema

Conheça a história de Enedina Marques, a primeira engenheira negra do Brasil

Apesar dos importantes avanços conquistados por políticas como as...

Deshauna Barber: A Miss EUA 2016 é Negra!

A representante do Distrito de Columbia, mais conhecido como...

A teoria do pinto

Uma das teorias sobre o começo da civilização é...

Periferia Trans: a luta LGBT na perspectiva das quebradas

Como é ser homossexual ou transgênero na quebrada? Para...

para lembrar

Luiza Bairros para ministra da SEPPIR

{xtypo_quote}Com a indicação de Luiza Bairros para ministra da...

Mulheres passam mais tempo na escola do que homens

Elas estudam cerca de seis meses a mais e...
spot_imgspot_img

Casa Sueli Carneiro abre as portas ao público e apresenta o III Festival Casa Sueli Carneiro, pela primeira vez em formato presencial

RETIRE SEU INGRESSO A Casa Sueli Carneiro, fundada em dezembro de 2020 e atuando em formato on-line desde abril de 2021, é uma entidade criada...

Aborto legal: falhas na rede de apoio penalizam meninas e mulheres

As desigualdades sociais no Brasil podem explicar a razão para que meninas e mulheres busquem apoio para o aborto legal também após 22 semanas...

Referência do feminismo negro, Patricia Hill Collins vem ao Brasil para conferência, curso e lançamento de livro

Referência do feminismo negro, a socióloga estadunidense Patricia Hill Collins participa, nesta quarta-feira (19), de um evento em Salvador, na Universidade do Estado da Bahia (Uneb)....
-+=