segunda-feira, janeiro 30, 2023
InícioEm PautaRede Solidária

Rede Solidária

a rede

Quando a pandemia do coronavírus chegou ao Brasil e trouxe graves consequências para a população, começaram a surgir diversas iniciativas de organizações da sociedade civil, ONGs, coletivos e ativistas em geral, buscando mobilizar as pessoas por ajuda e proteção, por pressão popular para implementação de políticas emergenciais e de longo prazo e por ações sociais colaborativas e criativas, sempre com o objetivo de unir o país pelo bem de todas e todos.

No Rede Solidária

Reprodução/Facebook

Diante disso, a Abong, como organização comprometida em fortalecer a sociedade civil organizada, criou a Rede Solidária, que tem o objetivo de unificar todas essas iniciativas em um único espaço.

Portanto, se você tiver alguma iniciativa, precisar de ajuda ou quiser ajudar, acesse a nossa rede e faça parte dessa corrente.

Solidariedade é estarmos mais unidas do que nunca!

contexto

Temos acompanhado as tristes notícias pelo mundo todo com a disseminação e o impacto da pandemia do novo coronavírus (COVID-19), ceifando vidas, provocando insegurança alimentar para milhões de famílias mais vulneráveis, para trabalhadoras/es informais, pondo em risco profissionais de saúde, dos transportes e da cadeia de reciclagem.

Para enfrentar este quadro, o momento é de união nacional, solidariedade, de ações coletivas em defesa dos segmentos mais vulneráveis e também de exigir dos poderes públicos sua responsabilidade nesta tarefa. Cabe ao Estado, por meio de suas políticas, garantir o direito de acesso pleno e universal à saúde, assim como promover os demais atendimentos sociais necessários para garantir a segurança e o bem-estar de todos os cidadãos e todas as cidadãs.

A Abong se posiciona e direciona suas ações pela defesa e fortalecimento do Sistema Único de Saúde (SUS), pela revogação da Emenda Constitucional 95 que congelou os investimentos em saúde, educação e assistência social, e pela exigência de medidas que garantam uma renda mínima para todas as brasileiras e brasileiros que sofram perdas com as medidas de restrição tomadas por conta da pandemia.

#RevogaEC95

 

Em 2016 foi aprovada pelo governo federal uma medida para congelar os investimentos no SUS por vinte anos. É a Emenda Constitucional 95.

Essa EC 95 já causou um prejuízo estimado em R$ 400 bilhões para o Sistema Único de Saúde (SUS) e consequentemente à saúde da população.

Neste momento de pandemia é imprescindível revogar essa decisão e garantir acesso à saúde a todas as pessoas.

Faça parte do abaixo-assinado e nos ajude nessa pressão:

#EmDefesadoSus

#SusCombateCoronavirus

quero doar

A Abong, por meio de suas associadas e parceiras, está levantando recursos materiais e financeiros para ajudar as populações em situação de risco e vulnerabilidade social. São comunidades periféricas, ribeirinhas, quilombolas e assentamentos que precisam de nossa solidariedade e cooperação para que lhes sejam garantidos o básico e minimizados os efeitos do Covid-19.

Faça parte desta corrente e apoie essas atividades!

A destinação do valor arrecadado ficará aos cuidados das organizações associadas da Abong envolvidas nas atividades em defesa das pessoas vulneráveis à pandemia do coronavírus.

Para doar clique aqui

mapa

Aqui você pode visualizar as iniciativas solidárias que estão acontecendo pelo Brasil.

Este mapa é colaborativo, portanto, se você está engajada/o ou conhece alguma ação solidária, inclua aqui também clicando no botão da home “Quero compartilhar uma ação” ou envie um e-mail para [email protected]

 


Leia também: 

Edital para apoiar pessoas e comunidades no combate ao Coronavírus já esta aberto

Matchfunding Enfrente: R$3,6milhões para a luta das periferias contra o Coronavírus

 

Artigos Relacionados
-+=
PortugueseEnglishSpanishGermanFrench