terça-feira, novembro 24, 2020

    Tag: Pelé

    pele_gisele

    Pelé autografa camisa para Gisele Bündchen e diz que não tem medo do marido dela

    O rei fez dedicatória em português para o jogador de futebol americano Gisele Bündchen e Pelé gravaram juntos um comercial nesta sexta (27), em São Paulo. Logo após a gravação, o rei do futebol autografou camisas da seleção brasileira para toda a família da modelo. As informações são do jornal Folha de S.Paulo. A publicação ainda revelou que na roupa de Gisele, Pelé registrou: "À Gisele, com amor". Logo depois, o rei foi questionado se ele não teria medo do marido dela, Tom Brady e, brincando, ele comentou. - Não tenho medo de marido grande. De acordo com o jornal, Pelé também autografou uma pequena camiseta para o filho de Gisele e uma outra para o marido da modelo. Para Tom Brady, a dedicatória foi em português a pedido de Gisele. - Para que ele aprenda a língua. Gisele chegou ao Brasil na terça passada (23) junto com ...

    Leia mais
    AP

    VIDA DE REI

    Pelé vai lançar um livro contando sua história, em primeira pessoa, no formato "scrapbook": além dos relatos do rei do futebol, "Pelé - Minha Vida em Imagens" terá recordações que podem ser destacadas da obra. Estão lá a primeira carteirinha de um clube de futebol, da Liga Bauruense de Esportes, o cartaz da primeira Copa de que ele participou, em 1958, e até um ofício do governo dos EUA, de 1973, explicando como seria a visita de Pelé à Casa Branca. A obra será lançada pela Cosac Naify em maio. Fonte: Folha de S.Paulo

    Leia mais
    Pelé (Robert Cianflone/Getty Images)

    Pelé ministrará aula inaugural em cursos de pós-graduação

    O Rei do Futebol está jogando em várias posições. Pelé virou patrono de uma universidade e vai ministrar uma aula inaugural dando início as atividades da instituição. "A Rede irá unificar todo Brasil no conhecimento e na prática da educação esportiva", afirmou Pelé. Serão ministrados, inicialmente, dez cursos da Rede a partir de março: Nutrição Aplicada à Atividade Física, Fisioterapia no Esporte - Lesão e Traumas, Personal Training, Psicologia Esportiva, Direito Esportivo, Atividades Físicas para Grupos Especiais, Saúde e Bem Estar, Gestão Eficaz de Academia, Gestão e Marketing Esportivo e Jornalismo Esportivo. Para apresentar o sistema de ensino, foram promovidos, gratuitamente, de outubro a fevereiro, cursos e palestras em suas primeiras unidades, instaladas em São Paulo, Curitiba, Rio de Janeiro, Florianópolis, Campo Grande, Salvador e Santos. A Rede já tem também representação nos Estados Unidos, em Miami e Nova York, onde ministrará cursos via internet para a comunidade de língua portuguesa. ...

    Leia mais
    massad

    Saudita faz gol que Pelé não fez em chute de 80 metros

      O meio-campista do Al-Ahli marcou um golaço em uma partida da Copa do Príncipe. O saudita Mohammed Masaad acertou um chute de cerca de oitenta metros, após roubar a bola do adversário, ainda no campo de defesa de sua equipe. Masaad conseguiu a proeza que deve deixar Pelé com inveja. Com o gol do saudita, o Al-Ahli, que conta ainda com o brasileiro Victor Simões, avançou às quartas-de-final da competição. Veja o golaço.     Fonte: UOL Esporte

    Leia mais
    santos-robinho-apresenta-hg-20100201

    Pelé chora ao anunciar a volta de Robinho ao Santos

    Por: Ricardo Viel Rei do Futebol foi coadjuvante na apresentação do "Príncipe", nesta segunda, na Vila Belmiro Pelé, o Rei do Futebol, foi um coadjuvante de luxo na festa que marcou a apresentação de Robinho pelo Santos, nesta segunda-feira (1º), na Vila Belmiro, em Santos. Depois de um show da banda Charlie Brown Jr., Pelé e Robinho desceram no gramado de helicóptero exatamente às 12h16, 16 minutos depois do horário marcado. Todas as atenções, então, se voltaram para o jovem craque, que está retornando a seu clube de origem depois de quatro anos e meio no futebol europeu. Enquanto Pelé conversava com Chorão, vocalista do Charlie Brown Jr., e com dirigentes do Peixe, Robinho fazia embaixadas e era saudado pela torcida, aos gritos de "Olelê / Olalá / Robinho vem aí / E o bicho vai pegar". Depois, o Rei, emocionado, saudou ao microfone o retorno do "Príncipe", enalteceu a ...

    Leia mais
    AP

    Pelé satisfeito por contribuir na afirmação do negro no desporto

    Luanda - Edson Arantes do Nascimento "Pelé", um dos maiores astros do futebol, afirmou hoje em Luanda, sentir-se realizado por ter contribuído, com o seu talento, para a integração dos povos e valorização dos negros no mundo desportivo. "Hoje eu me orgulho de ver negros a brilhar em todas as grandes equipas de futebol do mundo. Essa é uma das minhas maiores conquistas, a integração dos povos pelo futebol", salientou, o "rei" durante uma conferência de imprensa. O futebol é hoje a modalidade desportiva com maior número de adeptos no mundo,  um evento de amor e união que não olha a raças ou credos, enfatisou Pelé,  manifestando a sua satisfação por partilhar com todos os amantes de futebol em Angola  as suas  conquistas  e objectos que marcaram a sua carreira (troféus, medalhas, chuteiras) que estarão expostos ao público de  13 a  31 de Janeiro. Na terça-feira será inaugurada na Praça ...

    Leia mais
    AP

    Pelé viaja à Guiana para ver confronto entre equipes que o homenageiam

    Um país marcado pela pobreza, que convive com diversos problemas sociais e de pouca infra-estrutura. Uma antiga colônia britânica, que encontrou em um brasileiro um novo rei. Não era qualquer brasileiro. Ele já é rei. Pelé, o Rei do futebol, viajou até a Guiana para ver o clássico entre dois times que o homenageiam. Como não poderia ser diferente, Pelé foi recebido com toda pompa em sua chegada a Georgetown, capital da Guiana. Ao som de "Pili", por causa do inglês, língua oficial do país, o Rei era ovacionado onde fosse. Principalmente no National Stadium, onde aconteceu o clássico entre os times locais do Santos F.C. e o Pelé F.C.. O Santos F.C. foi fundado em 1964. Sete anos depois, uma dissidência do Santos criou o Pelé F.C.. O símbolo é uma bola com uma coroa em cima e a camisa é amarela, em referência ao Brasil. Reprodução/Rede Globo Pelé ...

    Leia mais
    Getty Images

    Ataques e contra-ataques do racismo na terra de Pelé

    por Felipe Carrilho O futebol, verdadeira instituição nacional, pode ser visto como um indicador privilegiado da realidade social do Brasil quando abordado de modo mais profundo e analítico. Na semana da consciência negra, é oportuno tratar das contribuições do negro para a construção de nosso país, a partir de uma lente de observação futebolística. No momento em que, numa reação editorial e midiática às políticas de afirmação implantadas e bem sucedidas, ganha força o argumento segundo o qual a inconsistência do conceito de raça, do ponto de vista biológico, inviabiliza a constatação do racismo na prática social brasileira, é necessário tratar do negro, indissociável da história de nosso país e de sua principal prática esportiva. No início da trajetória do futebol em nossas terras, o negro tornou-se um elemento central para o debate a respeito dos rumos da nação. No final do século 19, com a abolição do regime escravista, ...

    Leia mais
    Getty Images

    Pelé foi emblemático para o resgate da autoestima do negro no Brasil, diz autora

    Fonte: Folha Online - O futebol é visto como uma das manifestações populares mais democráticas do mundo. O elenco de protagonistas, que faz a alegria da torcida com a bola nos pés, é formado por gente de todo o tipo. Para gostar do esporte, também não é necessário pertencer a qualquer etnia ou condição social específica. Hoje em dia, o único fator que exclui certas camadas da população é o preço dos ingressos para ver o espetáculo ao vivo, efeito colateral maléfico da chamada modernização, que busca elitizar o esporte. Alberto Ferreira/Reprodução Pelé comemora um de seus gols durante partida disputada contra a seleção da Itália na Copa do Mundo de 1970, realizada no México No entanto, nem sempre a situação foi assim. Quando retornou ao Brasil da Inglaterra em 1894, Charles Miller, paulistano descendente de ingleses e escoceses, trouxe consigo uma bola e um conjunto de regras. O futebol, ...

    Leia mais
    pele_2

    Pelé canta e dança em filme para atrair turistas para São Paulo

    Fonte: G1- Propaganda custou R$ 1,3 milhão e é responsabilidade da SPTuris. Ex-jogador participou de lançamento ao lado do prefeito e do governador.   Da esquerda para direita: o presidente do STF, Gilmar Mendes; o governador José Serra; Pelé; e o prefeito Gilberto Kassab O governador de São Paulo José Serra (PSDB) e o prefeito Gilberto Kassab (DEM) receberam o ex-jogador de futebol Pelé na tarde desta segunda-feira (9) para lançar vídeo publicitário que promove a cidade de São Paulo. O encontro ocorreu no Palácio dos Bandeirantes, sede do governo paulista, e contou com a participação do presidente do Supremo Tribunal Federal, Gilmar Mendes. Mendes disse que só participou do evento "porque é santista". De acordo com o prefeito Gilberto Kassab, a campanha publicitária visa promover o turismo na cidade. Pelé escreveu a letra da propaganda, além de cantar e dançar no vídeo. O ex-jogador abriu mão de receber cachê ...

    Leia mais
    AP

    Pelé diz que Rio vence por 2 a 1: ‘Chicago tem Obama. O Brasil tem o Lula e o Pelé’

    Fonte: Globo.com- Atleta do Século diz que vitória da cidade brasileira para sede de 2016 aliviará sua frustração de nunca ter disputado os Jogos Olímpicos A disputa pelo direito de ser a sede dos Jogos Olímpicos de 2016 é entre cidades, não pessoas. Mas mesmo que fosse, segundo Pelé, o Rio de Janeiro sairia na frente. Após participar de um evento com crianças e jovens do bairro de Nordvest, em Copenhague, o ex-jogador brasileiro demonstra mais uma vez confiança na vitória da candidatura Rio 2016. Mesmo com a presença do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, na apresentação das cidades-candidatas na sexta-feira. Pelé posa com crianças e com Aílton (esq.) e Cesar Santín (dir.), jogadores que trabalham na Dinamarca - A disputa do Rio é contra Madri, Tóquio e Chicago, não é contra o Obama. Mas se eles têm o Obama, nós temos o Lula e o Pelé. Então está 2 a ...

    Leia mais
    Getty Images

    Pelé ironiza ‘gol de cabeça’ de Maradona e diz que Di Stéfano foi melhor

    Fonte: Globo Esporte - Acostumado a ser provocado por Diego Maradona, Pelé deu novamente o troco nesta quinta-feira. Em visita à Espanha, o Rei do Futebol disse que Alfredo di Stéfano era melhor que o Pibe, pois o técnico da Argentina só usava a canhota e que o único “gol de cabeça” que fez foi de mão. - As pessoas discutem Pelé e Maradona. Di Stéfano é para mim o melhor. Maradona foi um grande jogador, mas não chutava bem com a direita e não fazia gol de cabeça. O único gol de cabeça importante que marcou foi com a mão (contra a Inglaterra na Copa do Mundo do México em 1986) – disse o Atleta do Século. Pelé não quis responsabilizar Maradona pela situação ruim da seleção argentina, mas falou da falta de experiência nos bancos. - Ele não tem muita culpa, porque todos nós sabíamos que havia treinadores ...

    Leia mais

    Maradona cutuca Pelé e exalta Brasil de Dunga

    Fonte: Folha de São Paulo Argentino relembra que venceu o Rei em votação. Farpas contra Pelé, afagos para os jogadores de Dunga. Foi assim uma entrevista que Maradona concedeu ao site da Fifa, divulgada ontem, quase inteiramente dedicada a um único tema: futebol brasileiro. O ex-camisa 10 (agora treinador da seleção argentina, que no próximo dia 5 recebe o Brasil pelas eliminatórias da Copa do Mundo de 2010) não perdeu a chance de mais uma vez atacar Pelé, seu eterno desafeto.   Primeiro, Maradona declarou que, a seu favor, pesa o fato de ter jogado na Europa.   "Joguei dez anos no futebol europeu, e Pelé jogou na América. Ele ganhou Mundiais, e tudo, mas jogar na Europa é outra coisa. Joguei em uma época do futebol italiano e espanhol em que os marcadores eram cães de caça. Ainda que, por isso, não tenha sido muito melhor que ele", declarou ...

    Leia mais
    Pelé (Robert Cianflone/Getty Images)

    Nas telas – Pelé: um time à altura de sua vida

    Fonte: Veja - A trajetória de Pelé será contada no cinema com os toques hollywoodianos que ela merece. Pelé assinou um contrato para que sua história seja produzida pela americana Imagine (responsável, entre outros filmes, por O Código da Vinci) e roteirizada por Greg Howard, que tem no currículo Ali e Ray, as cinebiografias de Muhammad Ali e Ray Charles. O estúdio ainda não foi definido. Matéria original: Nas telas | Pelé: um time à altura de sua vida

    Leia mais
    Pelé - Estrela Negra em Campos Verdes

    Pelé-estrela negra em campos verdes

    "PELÉ-Estrela Negra em Campos Verdes", livro de Angélica Basthi,  editora: Garamond ano: 2008 Sinopse: Os dribles, as jogadas geniais, o enorme talento com a bola e os gols inesquecíveis fizeram de Pelé um mito. O menino pobre que nasceu Edson Arantes do Nascimento e era carinhosamente chamado de Dico na cidade de Três Corações, em Minas Gerais, alçou vôos inimagináveis para um garoto negro da época. Aqui, podemos acompanhar uma história de glórias, de alguém que brilhou intensamente como estrela negra em campos verdes, mas também uma história humana, de uma pessoa como todas as outras, com os altos e baixos que a vida impõe. Este livro narra o seu percurso. Uma trajetória marcada pela fama e o sucesso, que o levaram a ser cultuado como figura máxima do futebol - ou, para ser preciso, como verdadeiro sinônimo do esporte - em todos os quadrantes do planeta. Isto durante décadas, sem ...

    Leia mais
    AP

    Pelé

    Falar de Edson Arantes do Nascimento, o Pelé, é falar não somente do melhor jogador de futebol de todos os tempos, mas também do maior esportista do século. (Ismal Lópes/El Norte versão Patricia Fook(Terras - Esporte) AP Pelé é considerado o maior jogador da história do futebol e recebeu o título de Atleta do Século (20), em 15 de maio de 1981, a partir de uma eleição promovida pelo jornal francês "L'Equipe". Nascido na cidade mineira de Três Corações, filho de Celeste e de João Ramos do Nascimento, jogador de futebol no sul de Minas Gerais, conhecido como Dondinho, Pelé desde criança manifestou a vontade de ser jogador de futebol como o pai. O apelido com que se tornou conhecido originou-se de um episódio relacionado a um goleiro, colega de Dondinho. Em 1943, o pai de Pelé jogava no time mineiro do São Lourenço. Pelé, com ...

    Leia mais
    Página 3 de 3 1 2 3

    Últimas Postagens

    Artigos mais vistos (7dias)

    Twitter

    Welcome Back!

    Login to your account below

    Create New Account!

    Fill the forms bellow to register

    Retrieve your password

    Please enter your username or email address to reset your password.

    Add New Playlist