Territorialidades de Cidinha da Silva

Programa

Tradução em Libras disponível. Faça sua solicitação no ato da inscrição, com no mínimo dois dias de antecedência da atividade.

 

No Sesc 

 

Escritora em atividade há uma década, Cidinha da Silva é dramaturga, cronista e prosadora. Nestes encontros, os convidados que conhecem e acompanham a autora desde a juventude discorrem sobre sua produção, abordando o significado, o lugar literário e político na cena literária brasileira, bem como o impacto de sua obra em construção.

03 de março – Temas caros aos direitos humanos na crônica de Cidinha da Silva

Com Sueli Carneiro e Emerson Inácio.

Mediação de Ruivo Lopes.

04 de março – Cidinha da Silva na cena literária brasileira
Com Lígia Ferreira e Dinha. Mediação de Bel Santos Mayer.

Sueli Carneiro

sueli

Doutora em Educação (USP). Coordenadora Executiva do Geledés – Instituto da Mulher Negra.

Bel Santos Mayer

bel

Pedagoga social, coordenadora do Programa de Direitos Humanos do Instituto Brasileiro de Estudos e Apoio Comunitário – Ibeac; da coordenação colegiada do Polo de Leitura LiteraSampa e membro do GT do PMLLLB/SP. (Foto: Acervo pessoal)

Ruivo Lopes

ruivo

Educador e poeta. (Foto: Acervo pessoal)

Emerson Inácio

Docente da área de Estudos Comparados de Literatura de Língua Portuguesa – USP

Lígia Ferreira

Docente de Letras e do Programa de Pós-Graduação em Estudos Literários e Linguísticos na UNIFESP.  Autora de “Com a palavra Luiz Gama. Poemas, artigos, cartas, máximas”.

Dinha

Poeta e editora da Me Parió Revolução.

 

Informações: 

Data

03/03/2016 a 04/03/2016

Dias e Horários

Quinta e sexta, das 19h às 21h.

Local

Rua Dr. Plínio Barreto, 285 – 4º andar

Bela Vista – São Paulo.

Valores

R$ 15,00 – credencial plena: trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo matriculado no Sesc e dependentes

R$ 25,00 – pessoa com mais de 60 anos, pessoa com deficiência, estudante e professor da rede pública com comprovante

R$ 50,00 – inteira

+ sobre o tema

Para ONU, Lei Maria da Penha é uma das mais avançadas do mundo

Brasília – A Lei Maria da Penha, que tornou...

Oprah Winfrey fala sobre superação e empoderamento

A mulher que derrubou barreiras raciais e de gênero...

As mulheres de García Lorca – por: Fernanda Mayer

A dramaturgia de Federico García Lorca pode ser considerada como uma...

para lembrar

Acusado continuou a bater em jornalista quando ela já agonizava

Mateus Araújo a matou com três pedradas na cabeça, na...

Machismo e racismo são cerne da violência cotidiana contra mulheres negras

No mar de violência contra a mulher, nos deparamos...

Brasil segue no topo de ranking de assassinatos de pessoas trans no mundo

O Brasil registrou 184 assassinatos de pessoas transgênero em...
spot_imgspot_img

Mãe Hilda de Jitolú, a matriarca do Ilê Aiyê

Em 1988, quando uma educação afrocentrada ou antirracista ainda não estava no imaginário brasileiro, uma mulher preta que nunca frequentou a escola abriu sua casa, em Salvador (BA)...

Aos 80 anos, Zezé Motta celebra uma carreira de grandes feitos e garante: “Eu não paro!”

É com um sorriso solto e uma presença indescritível que Zezé Motta conversa comigo no camarim do estúdio onde fotografamos as imagens e a capa que...

Justiça nega aborto legal de adolescente de 13 anos após seu pai pedir manutenção da gravidez

Uma adolescente de 13 anos que vive em Goiás teve o aborto legal negado pelo TJ-GO (Tribunal de Justiça de Goiás), após o pai da jovem...
-+=