sábado, novembro 27, 2021
InícioÁfrica e sua diásporaEntretenimentoYung Mavu, rapper belga de 16 anos denuncia a falta de diversidade...

Yung Mavu, rapper belga de 16 anos denuncia a falta de diversidade em Harry Potter

O mundo precisa se renovar, e ninguém, nem mesmo o mais amado dos personagens recentes, está livre de ser questionado – de forma geral, é essa a grande questão ao redor do mais novo viral a surgir da internet. Trata-se do rap Black Magic, do rapper belga Yung Mavu, que alcançou dois milhões de visualizações em poucos dias ao escrever uma letra que, na mesma medida, elogiava a saga de Harry Potter, e a criticava pela falta de diversidade e pela pouca representatividade negra na história. Onde estão os protagonistas negros no universo do bruxo criada por J.K. Rowling?

blank

Vestido como um Harry Potter negro, utilizando como base samples dos temas do filme, Yung Mavu criou aos 16 anos uma música bem feita e um videoclipe eficiente e direto – misturando questionamentos importantes com um dos temas preferidos da juventude de hoje. O resultado não poderia ser outro: Yung se tornou uma estrela virtual da noite para o dia.

Seu vídeo original, no entanto, acabou banido do Youtube por reclamações de direitos autorais. Mas, como sabemos bem, a internet é mais veloz do que qualquer gesto jurídico, e já são diversas as reproduções do vídeo por toda a rede.

blank

Yung deixa claro em sua letra que é fã da saga de Harry Potter, mas aponta não só o quão naturalizada é a ausência do negro em narrativas gerais, como não há universo algum que esteja fora da importância dessa questão.

Vale seguir amando o bruxinho inglês, mas perceber que o questionamento do rapper procede – assim como seu talento.

© fotos: reprodução

RELATED ARTICLES