quinta-feira, setembro 29, 2022
InícioQuestão RacialViolência Racial e PolicialCentésima criança baleada no Rio, Kaio Guilherme, de 8 anos, permanece internado...

Centésima criança baleada no Rio, Kaio Guilherme, de 8 anos, permanece internado em estado grave

O menino Kaio Guilherme, de 8 anos, atingido por uma bala perdida na cabeça na última sexta-feira (17), em Bangu, Zona Oeste do Rio, permanece internado em estado grave no Hospital Municipal Pedro II, em Santa Cruz. Uma tia do menino afirmou à GloboNews que o garoto teve morte encefálica decretada na manhã desta segunda-feira (19).

De acordo com o jornal Extra, o garoto estava com a mãe, a professora Thais Silva, de 29 anos, em uma festa infantil quando caiu no chão com a cabeça sangrando. O evento acontecia em espaço aberto, com cerca de 30 crianças e outros três adultos.

A mãe afirmou ao jornal que não havia confronto na região. Um vizinho, que é socorrista, ajudou a levar Kaio às pressas para o hospital.

Segundo levantamento da plataforma Fogo Cruzado, o menino foi a 100ª criança baleada na Região Metropolitana do Rio de Janeiro entre 2016 e 2021. Bangu foi o bairro com mais crianças atingidas, com 5 baleados. Vila Aliança empata com o Morro do Juramento, com 3 em cada.

Das 100 vítimas com idade inferior a 12 anos, 29 não resistiram. Do total de vítimas, 39 foram baleadas em ações onde havia a presença de agentes de segurança – destas, 10 morreram.

Artigos Relacionados
-+=
PortugueseEnglishSpanishGermanFrench