Do romantismo ao afro-pop

Em seu quarto CD de estúdio, “Bicicletas, Bolos e Outras Alegrias”, a cantora Vanessa da Mata aposta no romantismo e nas sonoridades africanas


Em seu recente lançamento fonográfico de estúdio, a intérprete e compositora matogrossense Vanessa da Mata continua com o mesmo timbre vocal de Maria da Graça, primeiro nome artístico de Maria da Graça Penna Burgos Costa, a Gal Costa, quando, ainda na década de 60, gravava seu primeiro compacto simples. Só que a cantora baiana evoluiu e tornou-se uma das grandes intérpretes de sua geração. No caso de Vanessa da Mata, só o tempo dirá.

Como a autora de “A força que nunca seca”, gravada por Maria Bethânia em 1999, está em seu quarto CD, ainda tem muito tempo para aprender, tanto no aspecto da composição, quanto na performance da interpretação. As letras do novo disco decepcionam e não acrescentam nada de criativo ao trabalho. Mesmo a música que “puxa” o disco e vem tocando nas rádios, “Tal casal”, poderia ter sido escrita por qualquer adolescente de Ensino Médio. Outro aspecto negativo na interpretação da cantora é a prosódia, a coordenação entre sílabas tônicas das palavras, com os tempos fortes dos compassos musicais, regra básica da música que Vanessa ignora. O exemplo mais gritante acontece na sua “Moro longe”, onde ela canta “querú pão novo/poucá conversa” para as palavras se encaixarem na melodia.

Apesar dos percalços quanto às composições, para quem esperava mais, o produtor do CD, Kassin, que também tocou baixo e sintetizador, acertou em cheio na escolha dos músicos. Assim, três violinos e cello em sintonia com sanfona, guitarras, teclados e até tabla transmitem uma atmosfera agradável. O cearense Fernando Catatau participa com sua guitarra instigada em quatro faixas. Presença especial de Gilberto Gil, que toca violão e canta com Vanessa a dolente “Quando amanhecer”, criação da dupla.

Vanessa da Mata
Bicicletas, Bolos e Outras Alegrias

2010
Sony Music
12 faixas
R$ 22,90

NELSON AUGUSTO
REPÓRTER

 

 

Fonte: Diário do Nordeste

+ sobre o tema

Heloisa Pires – O Pescador de histórias

As ilustrações de Élon Brasil O Pescador navega...

Heloisa Pires Lima – A criação literária como um fio condutor

No meu caso, a criação literária é um...

‘Lima Barreto, ao terceiro dia’ conta vida e obra do escritor

Com texto de Luiz Alberto e direção de...

Seleção exibirá faixa contra armas, drogas, violência e racismo em partidas

Faixa exibida pela Seleção Brasileira nos últimos jogos...

para lembrar

De férias, Kobe Bryant dá aulas para garotos no Harlem

Por: Anderson Giorge   Melhor jogador em atividade na NBA, Kobe...

Pelé lança projeto social e diz que Maradona é exemplo negativo

Por Leandro Canônico Rei do Futebol volta a alfinetar...

Em grande noite de Nenê, Denver Nuggets voa em quadra e atropela Miami

Sem LeBron James, lesionado, Heats tomam vareio e perdem...

Começa em SP encontro que debate a arte africana

Evento acontece até sexta-feira (27) no Parque do Ibirapuera,...
spot_imgspot_img

Beyoncé revela ter psoríase e fala sobre sua relação com o cabelo ao lançar linha de cosméticos

Beyoncé revelou em uma entrevista ter psoríase no couro cabeludo. Ela falou sobre o assunto em uma entrevista à revista "Essence", publicada no site no...

Por que Bob Marley é um ícone dos direitos humanos

Ao se apresentar em junho de 1980 na cidade alemã de Colônia, Bob Marley já estava abatido pela doença. Ainda assim, seu carisma fascinou...

Saiba quem é o neto de Bob Marley que emplacou sucesso na Billboard; ouça a canção

YG Marley, nome artístico de Joshua Marley, neto do icônico cantor de reggae Bob Marley, estreou no Billboard Hot 100 com o single “Praise Jah...
-+=