Omar Victor Diop: A beleza africana em filmes de Hollywood

Modelos protagonizam cenas clássicas do cinema americano em ensaio fotográfico

 

Inspirados em filmes americanos, o fotógrafo senagalês Omar Victor Diop e seu colega franco-americano Antoine Tempé produziram o ensaio fotográfico “Onomolliwood”, uma recriação de cenas clássicas de Hollywood em contexto africano. Eles montaram releituras de 18 produções, entre elas “Bonequinha de Luxo”, “Matrix”, “Thelma & Louise” e “Depois Daquele Beijo”. “Eu queria imaginar como seria se esses filmes fossem concebidos e rodados na África”, explica Diop.

A ideia de recorrer aos filmes surgiu pela necessidade de reunir, em um só trabalho, moda, estética e performance. “Nós pensamos que usando o cinema como um tema geral conseguiríamos atender aos nossos respectivos universos criativos”. Os fotógrafos pretendem, até o fim deste ano, reunir as produções em uma só exposição, ainda sem data e local marcados.

Beleza Americana teve cenário adaptado ao contexto do continente.
Foto: Omar Victor Diop/Divulgação

Intitulada de “Beleza Americana”, uma das imagens traz a bela modelo Ebony-brown Yao mergulhada em um mar de trepadeiras e outras plantas verdes, que substituem as pétalas de rosas da versão original. A recriação da provocativa cena do filme do diretor Sam Mendes surge agora adaptada à realidade do Senegal. Como o fotógrafo Diop não conseguiu reunir a quantidade necessária das flores, a solução foi recriar o cenário na parede de plantas do hotel onde as filmagens foram realizadas. Além do cenário, a rede de hotéis – Onomo Group International – deu origem ao nome do ensaio.

“O processo criativo da série em si é muito semelhante à maneira como ocorre a criação contemporânea africana”, afirma Diop. “Muitas vezes é necessário ajustar conceitos e estilos de todo o mundo e adaptá-los ao contexto local, preservando sua sensação original”, completa o fotógrafo. Com a mesma motivação, Diop e Tempé têm estilos diferentes. Enquanto as fotos de Tempé apresentam estética mais moderna, Diop prefere as texturas e o estilo típico dos anos 1960 e 1970.

onomoliwood bonequinha luxo

Releitura de Bonequinha de Luxo, Breakfast at Onomo faz uma brincadeira com o título original do filme e o nome do hotel onde o ensaio foi produzido.
Foto: Antoine Tempé/Divulgação

onomoliwood frida

Os tecidos utilizados para produzir Frida são típicos do Senegal.
Foto: Omar Victor Diop/Divulgação

onomoliwood blow up

Recriação de Depois daquele beijo contou com a participação de um dos fotógrafos.
Foto: Antoine Tempe/Divulgação

onomoliwood montagem

Releituras de Thelma & Louise e Matrix apresentam os diferentes estilos dos fotógrafos.
Fotos: Antoine Tempé e Omar Victor Diop/Divulgação

 

 

Omar Victor Dion

med omarvictor-jpg

 

 

“Você não sabe nada sobre minha história” – Dois Africanos

 

Fonte: BrazilAfrica

+ sobre o tema

Assombrando o mainstream

Liderada pelo rapper Emicida, gravadora Laboratório Fantasma quer se...

Internado na terça-feira, Pelé recebe alta após cirurgia no quadril

A operação impediu que ele viajasse para Nova Jersey...

Ídolo do Flamengo, Andrade está hospitalizado com infecção

Ídolo do Flamengo, Andrade está hospitalizado com infecção Por: Raphael...

para lembrar

A trajetória do negro na literatura brasileira

Domício Proença Filho RESUMO ESTE ARTIGO busca traçar...

Unlocking The Truth: conheça banda de metal formada por meninos de 12 anos

Muitos músicos, quando relembram seu passado e como...

Espírito Santo recebe projeto de incentivo a cultura afro nas escolas

O ensino da história e da cultura afro-brasileira...

Os 7 melhores momentos de Michael Jackson

As músicas, os conceitos, as danças e as coreografias...
spot_imgspot_img

Morre Ykenga Mattos, que denunciou o racismo em seus cartuns, aos 71 anos

Morreu na manhã desta segunda-feira aos 71 anos o professor, sociólogo e cartunista carioca Bonifácio Rodrigues de Mattos, mais conhecido como Ykenga Mattos. Vítima...

Exposição revisita mostra A Mão Afro Brasileira, em São Paulo

Há 35 anos, o artista e museólogo Emanoel Araújo (1940-2022) fez a curadoria da icônica exposição A Mão Afro-Brasileira, para marcar o centenário da...

Casa onde viveu Lélia Gonzalez recebe placa em sua homenagem

Neste sábado (30), a prefeitura do Rio de Janeiro e o Projeto Negro Muro lançam projeto relacionado à cultura da população negra. Imóveis de...
-+=