sexta-feira, setembro 18, 2020

    Tag: Douglas Belchior

    Foto: Gabriel Brito/Correio da Cidadania

    Após morte de policial, oito são mortos em Belém do Pará

    O terror tomou conta de diversos bairros da região metropolitana de Belém do Pará nesta última madrugada. Após o assassinato de um policial, o cabo Figueiredo, membro da Ronda Ostensiva Tática Metropolitana (Rotam – PM), áudios e postagens em redes sociais anunciaram que haveria acerto de contas. Foto: Gabriel Brito/Correio da Cidadania Por: Douglas Belchior Do: Negro Belchior De acordo com o local Diário Online, em um dos áudios um suposto policial anunciava: “Senhores, sério, por favor, façam o que for preciso, mas não vão para o Guamá nem para Canudos nem para o Terra Firme hoje à noite. É uma questão de segurança dos senhores, tá? Mataram um policial nosso, e vai ter uma limpeza na área. Ninguém segura ninguém, nem o coronel das galáxias”. Durante toda a madrugada, denúncias ocuparam as redes sociais, relatando ações, supostamente de milicianos, em diversos  bairros, gravações de áudios ...

    Leia mais
    Foto: Gabriel Brito/Correio da Cidadania

    Finados: podia ser a minha mãe, que loucura!

    Foto: Gabriel Brito/Correio da Cidadania Por Douglas Bechior Há uma morte branca que tem como causa as doenças, as quais, embora de diferentes tipos, não são mais que doenças, essas coisas que se opõem à saúde até um dia sobrepujá-la num fim inexorável: a morte que encerra a vida. A morte branca é uma “morte morrida”. Há uma morte negra que não tem causa em doenças; decorre de infortúnio. É uma morte insensata, que bule com as coisas da vida, como a gravidez e o parto. É uma morte insana, que aliena a existência em transtornos mentais. É uma morte de vítima, em agressões de doenças infecciosas ou de violência de causas externas. É uma morte que não é morte, é mal definida. A morte negra não é um fim de vida, é uma vida desfeita, é uma Átropos ensandecida que corta o fio da vida ...

    Leia mais
    Foto: Gabriel Brito/Correio da Cidadania

    Cotas Raciais no Concurso para Defensoria Pública de SP

    Foto: Gabriel Brito/Correio da Cidadania negrobelchior Cotas raciais para Defensoria Pública do Estado de SP Conselho Superior da Defensoria Pública do Estado de São Paulo deverá votar, nesta quinta feira (23/10), proposta de Cotas Raciais nos concursos para ingresso na referida carreira. A propositura foi elaborada pela Ouvidoria da Defensoria Pública de São Paulo e pelo Instituto Luiz Gama, através do Prof. Dr. Silvio Almeida. A aprovação da proposta pelo Conselho da Defensoria Pública do Estado de São Paulo representará uma vitória política do movimento negro paulista, que conseguirá a implantação de uma política de cotas em prestigiada carreira vinculada à administração pública estadual. O relator da proposta votou contra o projeto. Um dos conselheiros pediu vista e já adiantou que votará a favor projeto. Resta saber a posição dos demais conselheiros. Por isso, foi redigido um manifesto encabeçado por juristas a fim de reforçar que ...

    Leia mais
    Foto: Gabriel Brito/Correio da Cidadania

    A Bahia está mergulhada num mar de sangue

    Postura radical é inaceitável para policiais acostumados a chutar negros Foto: Gabriel Brito/Correio da Cidadania Por Paula Farias, Jorge Américo e Douglas Belchior   Em entrevista exclusiva, Hamilton Borges comenta as perseguições sofridas após a realização da II Marcha Nacional Contra o Genocídio do Povo Negro. Reação contra o racismo e a violência estatal virou incômodo para o Estado. Desde o dia 22 de agosto de 2014 ficou mais difícil ao Estado brasileiro esconder os mortos e encarcerados que antes não passavam de números para as organizações de direitos humanos e para os institutos de pesquisas. Esta é a avaliação de Hamilton Borges, um dos organizadores da II Marcha Nacional Contra o Genocídio do Povo Negro, que colocou mais de 60 mil pessoas nas ruas para denunciar o racismo e a violência estatal que fazem milhares de vítimas todos os anos. Nesta entrevista concedida ao blog ...

    Leia mais
    Foto: Gabriel Brito/Correio da Cidadania

    O assassinato do trabalhador Carlos Braga: uma polícia sem autoridade

    Por Tomaz Amorim Izabel do blog de Douglas Belchior Isaías de Carvalho Brito, trabalhador, foi preso por policiais militares sob a acusação de desacato à autoridade. Momentos antes de sua prisão, um colega de trabalho, Carlos Augusto Muniz Braga tentou impedir que Isaías fosse humilhado e agredido por três policiais, durante uma abordagem abusiva e despreparada, e foi executado com um tiro na cabeça diante de dezenas de pessoas no meio da rua, à luz do dia, na cidade de São Paulo. Dois dias antes, trabalhadores que ocupavam um prédio abandonado há dez anos no centro da cidade resistiram à remoção forçada determinada pela justiça e efetuada pela Polícia Militar. As imagens violentas de crianças, mulheres grávidas e idosos sendo jogados na rua pelas autoridades assombraram a cidade pelo resto do dia. O confronto teve de um lado caminhões, helicópteros, bombas e balas; do outro, cocos e pedras. Estes dois últimos ...

    Leia mais
    Foto: Gabriel Brito/Correio da Cidadania

    A cada desocupação a cidade diz: “O Centro não é para gente como vocês”

    Ontem a cidade de São Paulo mostrou a verdadeira face, que nós conhecemos, mas que ela gosta de esconder. As imagens falam por si só (a bela e triste videoreportagem da Ponte Jornalismo). Ontem, mulheres, crianças, idosos e homens da classe trabalhadora cometeram o pecado de não querer mais pagar o aluguel parasitário, o pecado de querer morar perto do trabalho, o pecado de querer participar da vida da cidade, de seus centros de lazer e cultura, ontem, as pessoas que cometeram o pecado de ocupar um prédio abandonado há dez anos foram reprimidos com a dureza e desumanidade típica da força policial desta cidade, deste estado e deste país para com os seus filhos pobres. As cenas de resistência revoltam e inspiram. Abaixo copio a reflexão e o desabafo da companheira Vanessa Gravino. O problema é conhecido e as soluções também - no espaço entre os dois está a necessidade ...

    Leia mais
    Foto: Gabriel Brito/Correio da Cidadania

    Protestos contra racismo da Polícia nos EUA: Que nos sirva de exemplo!

    Foto: Gabriel Brito/Correio da Cidadania Por Douglas Belchior Um jovem negro morto pela polícia. Algo corriqueiro no Brasil, está provocando um dos maiores levantes populares dos últimos anos nos EUA. No Brasil, no próximo dia 22 de Agosto, em todas as capitais do país a partir de Salvador-BA, negras e negros devem ocupar as ruas na II Marcha Nacional Contra o Genocídio do Povo Negro. Que a radicalidade de negras e negros estadunidenses nos sirva de exemplo. Abaixo, com tradução de Tomaz Amorim Izabel, uma matéria veiculada pela Aljazeera no último dia 15 de Agosto. Fonte: Aljazeera - Anna Lekas Miller Tradução: Tomaz Amorim Izabel Haverá responsabilização pela morte de Mike Brown? Depois de seis dias de protestos que se seguiram aos tiros fatais no adolescente Michael Brown, disparados por um oficial de polícia do subúrbio de St. Luis em Ferguson, o departamento de polícia identificou o assassino de Brown. Darren Wilson, um veterano de seis ...

    Leia mais
    Foto: Gabriel Brito/Correio da Cidadania

    Virada Sustentável premia três pessoas transformadoras em 2014

    Após um mês de votação aberta no site do Catraca Livre, a Virada Sustentável anuncia as três pessoas escolhidas – duas por voto popular e uma por Conselho Curador – para receber o Prêmio Virada Sustentável2014. Sim, três! A diferença entre os dois mais votados via site do Catraca Livre foi tão pequena, que a organização do evento voltou atrás e resolveu premiar dois (ao invés de um) agentes de transformação! São eles: Douglas Belchior (25.67% dos votos), professor de história e integrante do conselho geral da UNEAfro Brasil; e João Nascimento (25.69% dos votos), diretor do Instituto Nação. Já a pessoa escolhida pelo  júri do Conselho Curador da ViradaSustentável foi Cecília Lotufo, cocriadora do Instituto Kairós e do Movimento Boa Praça e Conselheira eleita do Conselho Participativo Municipal e do CADES da Subprefeitura de Pinheiros. Os três foram escolhidos dentre uma lista de 70 pessoas - personalidades que estão transformando São Paulo em um ligar melhor e mais sustentável para viver. Todos receberão um troféu ...

    Leia mais
    Foto: Gabriel Brito/Correio da Cidadania

    Seminário sobre Genocídio Negro prepara Marcha do dia 22 de Agosto

    Foto: Gabriel Brito/Correio da Cidadania negrobelchior Por Douglas Belchior Em todo Brasil, em grande parte das capitais dos Estados incluindo São Paulo, Salvador, Rio de Janeiro, Vitória, Belo Horizonte e Porto Alegre, negras e negros, autônomos e independentes estão a todo vapor organizando a II Marcha Nacional Contra o Genocídio do Povo Negro. A partir da Bahia, a resistência organizada pelo Quilombo X e pela campanha Reaja contagiou organizações negras em todo país e o resultado é a construção de um grande momento de mobilização negra que culminará na II Marcha Nacional Contra o Genocídio do Povo Negro, no próximo dia 22 de Agosto. Em São Paulo, a luta contra o genocídio negro protagonizada pela Uneafro-Brasil, MNU, Circulo Palmarino, NCN-USP, Levante Popular da Juventude, Mães de Maio, Quilombagem, Força Ativa, Posse Haussa, entre outros, já alcançou importantes resultados, como o Fim dos Autos de Resistência no Estado, mas ainda assim ...

    Leia mais
    Foto: Gabriel Brito/Correio da Cidadania

    Cultura Negra do Rio Grande do Sul para o Brasil

    A TV brasileira sempre foi um antro de reprodução de valores conservadores, preconceituosos e depreciativos da cultura popular, sobretudo da cultura e da própria vida de negras e negros. Cultura Negra Foto: Gabriel Brito/Correio da Cidadania Por Douglas Belchior Poucos são os programas de TV que abordam com propriedade e de maneira a valorizar a contribuição dos africanos, africanas e seus descendentes para a formação da nação brasileira. Daí a felicidade em conhecer o programa Nação, apresentado pela jornalista Fernanda Carvalho, que desde a faculdade foca seu trabalho na história e na cultura afrobrasileira. Ela é também editora do blog Em Negritto, que reúne entrevistas com personalidades negras e textos sobre a discriminação racial. A jornalista também produziu e apresentou o Dica de Beleza no programa É Geral, veiculado pela TVE. O Nação apresenta temas relacionados à história, à cultura e à diáspora africana, sobretudo com o objetivo de desfazer a imagem errônea de que no ...

    Leia mais
    Foto: Gabriel Brito/Correio da Cidadania

    Douglas Belchior: Prêmio Virada Sustentável destaca 10 nomes. Vote no seu preferido

    A Virada Sustentável, em parceria com o Catraca Livre, indicou 70 pessoas que, pela sua atuação, impactam positivamente a cidade de São Paulo para receber o Prêmio Virada Sustentável 2014. A premissa básica para indicação: agentes transformadores, que pensam a cidade como espaço de direitos e a transformam em lugar de convívio, mais alegre, diverso e sustentável (saiba mais aqui). Durante 20 dias (de 10 a 30 de julho), o público em geral pôde escolher, por meio de voto popular, 10 nomes dentre os 70 indicados. O cronograma segue. Na segunda etapa, de 31 de julho a 11 de agosto, serão escolhidos dois nomes dentre os 10 -  um eleito por voto popular (enquete abaixo) e outro eleito por um júri específico formado pelo Conselho Curador da Virada Sustentável (saiba quem são aqui). As duas pessoas escolhidas receberão um troféu e menção honrosa durante a cerimônia de abertura da Virada, que acontecerá no dia ...

    Leia mais
    Foto: Gabriel Brito/Correio da Cidadania

    A Copa, o racismo e o vexame histórico.

    Foto: Gabriel Brito/Correio da Cidadania Por Douglas Belchior O maior vexame da história do Brasil foi a escravidão” Sérgio Vaz A Copa do mundo acabou e pode ter deixado no imaginário popular do país do futebol marcas de devem durar muitos anos. Para além das paixões, alegrias e frustrações próprias dos resultados da competição, podemos dizer que há duas outras marcas que acompanharão as lembranças dessa Copa do mundo no Brasil: Os protestos contra a Copa e as polêmicas sobre racismo no futebol, que a antecedeu. Muito embora as opiniões sejam bem controversas o fato é que, se é verdade que “teve Copa”, é verdade também que “teve protesto” e junto com ele, muita repressão. Essa também foi a “Copa Contra o racismo”, ao menos no discurso do governo brasileiro e na ação corporativa da Fifa. Ao que vimos, e como era de se esperar, a ideia ficou limitada a ...

    Leia mais
    Foto: Gabriel Brito/Correio da Cidadania

    Sobre a não participação no programa “Na Moral”, da Rede Globo, por Douglas Belchior

    Foto: Gabriel Brito/Correio da Cidadania Por Douglas Belchior [email protected] do Blog NegroBelchior, Facebook, de vida e de luta, boa tarde!Quero agradecer as inúmeras manifestações de carinho e respeito que recebo desde ontem e, também, gostaria de dar as minhas explicações sobre a não participação no programa “Na Moral”, da Rede Globo de televisão, na noite de ontem, 10 de Julho.A avaliação do meu coletivo de militância foi de que seria importante aceitar o convite para a gravação do programa “Na Moral”. Em que pese todas as contradições – em se tratando da rede Globo – aceitamos por avaliar que se trata de um veículo que efetivamente leva informação para milhões de brasileiros, e que poderíamos utilizar para levar nossa mensagem de combate ao racismo e de reivindicação de reparação histórica, de denúncia do genocídio negro e de defesa das políticas de ação afirmativa. Não houve inocência na ação. ...

    Leia mais
    Foto: Gabriel Brito/Correio da Cidadania

    Racismo: apesar de polêmicas, entidades sinalizam avanços

    Associações e ativistas em defesa do negro apontam que a população avançou degraus sociais, mas do ponto de vista racial ainda é considerado insuficiente É unanimidade entre os representantes de entidades de defesa dos direitos dos negros no Brasil que o racismo ainda é uma questão a ser combatida. Porém, já é possível citar avanços que contribuem para um país menos preconceituoso. O representante do movimento negro da União de Núcleos de Educação Popular para Negras\os e Classe Trabalhadora (UNEafro Brasil), Douglas Belchior, acredita que a população negra subiu degraus no sentido de consumo, mais por conta da dinâmica do processo produtivo do que por parte de seus direitos. “Os avanços no ponto de vista geral existem. Porém, do ponto de vista racial, são insuficientes. A população negra continua onde esteve desde sempre: na base da pirâmide brasileira. Demoram mais para conseguir emprego, são mais mal tratados nos serviços de ...

    Leia mais
    Foto: Gabriel Brito/Correio da Cidadania

    A bananização do racismo – por Ana Maria Gonçalves

    Não gosto muito de escrever textos assim, no calor do momento, mas acho que dessa vez vai com emoção mesmo, porque o caso passou dos limites. Principalmente porque seria melhor esclarecer vários pontos dessa história, que não é tão simples como parece. Por enquanto, o que se sabe é que a ideia partiu do pai do Neymar, que me parece ser também quem gerencia seus negócios: “O pai do Neymar nos telefonou e pediu que criássemos alguma coisa. Surgiu essa ideia de que a melhor maneira de acabar com o preconceito é usar isso”, disse Guga Ketzer, sócio e vice-presidente de criação da agência Loducca, que é responsável por essa campanha envolvendo Neymar e auxilia o jogador em relação à publicidade. Campanha que, aliás, Guga Ketzer tenta revestir de outro nome, mais palatável, chamando-a de “movimento”. Talvez, inclusive, para pegar carona na ideia de movimento negro. Segundo ele, a campanha criada pela agência, junto com ...

    Leia mais
    Foto: Gabriel Brito/Correio da Cidadania

    Contra o racismo nada de bananas, nada de macacos, por favor! – Por: Douglas Belchior

    A esquerda, foto de Neymar em apoio a Daniel Alves; A direita foto de Ota Benga, Zoológico do Bronx, Nova York, em 1906. Foto: Gabriel Brito/Correio da Cidadania Por Douglas Belchior A foto da esquerda todo mundo viu. É o craque Neymar com seu filho no colo e duas bananas, em apoio a Daniel Alves e em repulsa ao racismo no mundo do futebol. Já a foto a esquerda, é do pigmeu Ota Benga, que ficou em exibição junto a macacos no zoológico do Bronx, Nova York, em 1906. Ota foi levado do Congo para Nova York e sua exibição em um zoológico americano serviu como um exemplo do quê os cientistas da época proclamaram ser uma raça evolucionária inferior ao ser humano. A História de Ota serviu para inflamar crenças sobre a supremacia racial ariana defendida por Hitler. Sua história é contada no documentário “The Human ...

    Leia mais
    Foto: Gabriel Brito/Correio da Cidadania

    Jovem negro é espancado e morto por populares no Espírito Santo – Por Douglas Belchior

    Fonte: 1, 2, 3 e fotos de reprodução – facebook O corpo negro ensanguentado e o olhar assustado que você na foto é do menino Alailton Ferreira, de 17 anos, cercado por um grupo armado com pedras, barras de ferro e pedaços de madeira. Momentos depois, ele seria foi alvo de um espancamento coletivo. Desacordado, foi levado ao hospital, mas não resistiu e morreu na noite de terça-feira (8). Aos gritos de “mata logo” e de vários xingamentos, o espancamento aconteceu às margens da BR 101, na tarde do último domingo (6), no bairro de Vista da Serra II, cidade de Serra, há cerca de 30km da capital Vitória, no Espírito Santo. Só depois de duas horas de muita violência, a Polícia Militar chegou ao local, colocou o jovem na viatura e o levou até a Unidade de Pronto Atendimento. “Os policiais militares descreveram no boletim de ocorrência que foi necessário utilizar spray de ...

    Leia mais
    Foto: Gabriel Brito/Correio da Cidadania

    História de negros e indígenas nas escolas: por que não?

      “Imagine o perigo: crianças negras, ao invés de brincarem de “polícia e ladrão” organizarem – no fundo do quintal, a rebelião das senzalas, com os meninos brigando entre si para decidir quem seria Zumbi dos Palmares! Ou mais: crianças brancas e negras, brincando de casinha e a pretinha, ao assumir “seu papel na brincadeira”, resolve preparar o veneno que vai servir de tempero no banquete da amiguinha ‘Senhora’.” Foto: Gabriel Brito/Correio da Cidadania Douglas Belchior As ruas deixaram o recado: o atual sistema de representação política está falido e não nos representa! Seria também um aviso às Conferências Temáticas? Aliás, vivemos tempos onde se realizam muitas conferências. Tem pra todos os gostos: moradia, saúde, criança e adolescente, diversidade etnicorracial, mulheres, direitos humanos, segurança, etc. Mas, o que de fato se aproveita dessas conferências, para além de seus emblemáticos documentos finais repletos de boas propostas que, ...

    Leia mais
    Página 5 de 5 1 4 5

    Últimas Postagens

    Artigos mais vistos (7dias)

    Twitter

    Welcome Back!

    Login to your account below

    Create New Account!

    Fill the forms bellow to register

    Retrieve your password

    Please enter your username or email address to reset your password.

    Add New Playlist