quinta-feira, outubro 15, 2020

    Tag: Paraná

    O Governo do Paraná homenageou nesta segunda-feira, 20 de Novembro, Dia da Consciência Negra, dez mulheres que se destacam pelo compromisso com a promoção da igualdade racial e pelas ações de valorização da população negra. Elas receberam do governador Beto Richa e do secretário de Estado da Cultura, João Luiz Fiani, o “Diploma de Personalidade Afro-Paranaense”. Curitiba, 20 de novembro de 2017. Foto: Kraw Penas/SEEC

    Exposição homenageia personalidades negras do Paraná

    A Secretaria de Estado da Cultura abre nesta sexta-feira (09), às 17h, a exposição Personalidades: Mulheres Negras do Paraná, uma homenagem a dez mulheres que contribuíram para o fortalecimento da imagem feminina ativa e independente, em diferentes áreas de atuação, vencendo um duplo preconceito: ser mulher e ser negra. A mostra fica até 27 de abril no hall da secretaria e a entrada é gratuita. Do Agência Estadual de Notícias do Estado do Paraná Foto: Kraw Penas/SEEC São líderes comunitárias e religiosas, professoras, pesquisadora, advogada, jornalista e atriz que têm em comum a defesa, estudos e atuação em prol de quilombolas, da cultura afro e combate ao racismo e intolerância religiosa. “As dez homenageadas nesta exposição são notáveis representantes de diversos setores da sociedade paranaense. Suas histórias de conquistas contribuem para o progresso sociocultural do Paraná. Essas personalidades são mais que inspiração. Elas representam tantas outras mulheres ...

    Leia mais

    No mês de julho, Paraná discute discriminação contra mulheres negras

    A Rede de Mulheres Negras do Paraná, com apoio do Governo do Estado, promove neste mês o ‘Julho das Pretas PR’, uma extensa programação iniciada no dia 1º e que segue até o dia 29 com encontros, palestras, oficinas e apresentações culturais com o objetivo de estimular debate e reflexão para combater temas como racismo, sexismo, homofobia e demais formas de discriminação. Do Massa News A iniciativa também faz parte das comemorações do Dia Internacional da Mulher Negra Latino-americana e Caribenha, celebrada no dia 25 de julho (no Brasil esta data representa o Dia Nacional de Teresa de Benguela). A data é um marco internacional da luta e da resistência das mulheres negras. “Esta é uma data muito importante. Mas acabar com o preconceito no país não é algo que deve ser feito em um único dia. É algo para fazermos constantemente. O racismo ainda é o principal fator que ...

    Leia mais

    No Paraná, imigrantes africanos e haitianos são hostilizados após suspeita de Ebola

    Há um mês no Brasil vindo da Guiné, o biólogo Abdoulaye Telly Diallo, de 26 anos, passou a enfrentar nos últimos dias ofensas e olhares de desaprovação nas ruas da cidadde de Cascavel, no Paraná. Desde que seu compatriota Souleymane Bah, de 47 anos, foi isolado com a suspeita de Ebola, os imigrantes africanos e haitianos que vivem na cidade paranaense passaram a ser hostilizados. "A gente vai a uma lanchonete, senta em uma mesa, as pessoas mudam de lugar para ficar longe. Estamos passando na rua e sempre tem alguém que diz 'vão embora daqui, parem de trazer doença para o meu País'." Diallo diz ter tido um emprego negado na sexta-feira (10) em uma empresa frigorífica da cidade ao informar que vinha da Guiné. "A gente está na expectativa de que saia o resultado do segundo teste do Bah, para que possamos ter oportunidades aqui." Também vindo da ...

    Leia mais

    Paranaguá inicia “Ecos da Negritude” visando todo o Litoral do Paraná

    Com a presença do cônsul do Senegal para o Paraná e Santa Catarina, o sociólogo Ozeil Moura dos Santos, a Prefeitura de Paranaguá, deu início, na sexta-feira (16), ao projeto Ecos da Negritude. O projeto tem a meta ambiciosa de resgatar a história e valorizar a cultura dos negros em todo o Litoral do Paraná, começando por Paranaguá. De acordo com a prefeitura, Paranaguá tem 37% da sua população entre pardos e negros. No lançamento, o prefeito lembrou que a Ilha dos Valadares foi ponto de parada e quarentena para muitos negros escravizados. “Poucos sabem, mas havia em Paranaguá, um grupo chamado ‘Sociedade de Redenção Paranaguense’, que conseguiu, segundo conta-se, 74 cartas de alforria, constituindo-se num dos primeiros e mais atuantes grupos abolicionistas do Paraná e contribuindo para o fim dessa prática abominável”, disse. O cônsul do Senegal fez uma palestra sobre o histórico do Portal Africano, de Curitiba, fazendo ...

    Leia mais

    Últimas Postagens

    Artigos mais vistos (7dias)

    Twitter

    Welcome Back!

    Login to your account below

    Create New Account!

    Fill the forms bellow to register

    Retrieve your password

    Please enter your username or email address to reset your password.

    Add New Playlist